Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O RAPAZ DA BORRACHARIA

Voltava de nossa casa de prais quando tive um pneu furado.. Um familia que vinha logo atras parou para me dar ajuda.

Trocvadoi o pneu, o senhor me acvonselhou a parar no primeiro borracheiro para reparos.



Segui com cuidado ate que avistei um borracheiro. Entrei e o borracheiro me perguntou qual era o problema. Contei-lhe o que havia ocorrido e ele, prontamente, pegou o pneu furado para repara-lo.



Enquanto esperava, disfarcadamente, observei os posters nas paredes. So de mulher pelada.

Nesse meio tempo aparece na oficina um garotao enrolado na toalha, estava saindo do banho. O senhor chamou a atencao dele. Cara voce nao tem vergonha? Ele respondeu que estava vestido, nao tinha nada dedmais e comecou a rir. Pensei comigo, ate que o garotao e meio sexy.



Durante algum tempo ele nao tirou os olhos de mim. Alias, nao sou de se jogar fora, tenho 35 anos mas toda enxuta. Naquele momento vestia um shortinho e um top. Minhas pernas sao boniutas, modestia a parte. Mas, de repente ele tira a toalha, como se tivesse se soltado e deixa a mostra um cacete como nunca vi a nao ser em cavalos. O senhor comeca a rfir e me diz para nao ligar, o garotao era conhecido na regiao como irmao de cavalp. Sua piroca deverfia ter entre 23 e 26 cm. Senrti um tremor nas pernas. Ele, compkletamente pelado, veio em minha direcao e pediu para eu pegar na sua pioca. Talvez hipnotizada, peguei com as duas maos para ter a certeza de que era monstruosa mesmo.



O senhor veio para o nosso lado e perguntou o que eu achava dauela piroca. Disse-lhe que estava abismada. Nuncva tinha vistom algo siquer parecido. O garotao mandoiu que chupasse a cabeca do pau dele. Nesse instante parece que acordei e me levantei para ir embora. Foi quando tudo comecou. Eles me seguraram e disseram que eu nao ia embora antes de transar com eles. Me seguraram, fecharam a porta da oficina, tiraram as roupas deles me mandaram tirar as minhas. Resisti mas eles ameacaram rasgar minhas roupas se eu nao obedecesse. Vivendo uma situacao nova, ja imaginada e sonhada, eu estava assustada e, ao mesmo tempo, cheia de tesao. Eles comecaram a passar as maos pelo meu corpo, mamaram os meus seios, me encoxavam me lambiam, dois selvagens que me deixavam louca e raiva e de tesao. o senhor me agarroun pelos cabelos me fez abaixar e mandou que chupasse o pau do garotao. Mal cabia a cabeca e ele forcava para entrar mais. Lambi e mordisquei o pau dele para ele se acalmar, enquanto o coroa me encoxava e me apertva os seios. Jogaram-me em uma cama e me lamberam o corpo todo. Uma sensacao maravilhosa se aposedou de mim. Relaxei e cedi.



Enquanto lambia o pau do garoto cavalo, o coroa enfiava o pau na minha buceta. O garotao dizia depois sou eu. Fiquei arrepiada. Como seria receber aquele pauzao na buceta? Lovgo ficaria sabendo. O coroa esporrou e se virou para o lado e, nesse`instante, o garotaom cavalo veio para cima de mim. Pedi-lhe para ir devagar porque o seu pau era muito grande. Ele disse que nao queria me machucar e comecou a enfiar o caete em mim. Apesar de bem molhado e da buceta estar bastante molhada, foi um pouico dificil a enrada`daquele cacetao em mim. Mas entrou e o garotao comecou a trabalhar com forca. Quando estava para esporrar parou, descansou um pouco e me mandou virar de brucos. Tremi todinha imaginando o que ele queria. Pedi-lhe que acabasse na buceta mas ele disse que nao. Estava cansado de comer as cabritas agora queria comer todinha uma mulher da cidade.



Vendo que nao tinha jeiro, orientei para que ele cuspisse no meu cu e fosse devagar. Separei as nadegas para ajudar e arrebitei bem a bunda. Senti a cabeca na porta do cu e ele foprcando a ebtrada. Em alkguns segubndos senti a cabeca entrar, urrei de dor, mas ao mesmo tempo de prazer, ikmaginando que a minha fvgantasia de ser fudida por um cavalo estava se realiozando.



Aos poucos o cacete dele foi entrando. Tinha a impressao que o reto estava se abrindo para receber aquela majstosa pica. E assim foi enfiando ate que senti uma sensacao deliciosa de plenitude, bateu um sono gostoso e quase dormi.Senti que as ultimas pregas do cu tinham ido pro beleleu. Ele gozou e retiroiu a pica do meu rabo. O coroa dormia de roncar o garotao me deu as roupas e me mandou ir embora. Dirigir de volta foi um martirio. Meu cu estava todo ardido e doido. Mas, valeu a pena. Quando contei para o meu marido ele me disse - precisamos voltar la. Gostaria de assistir essa foda. Valeu gente. Tchau.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


olhei aquele pauzao do cara meu marido nao percebeuele ela conto erotico japonesa casada e a reforma da casacontos eroticos bv e virgindademenina sapeca danada enganou todos contos eroticoscontos velho nojento pauzudocontos eroticos sogra de camisolacontos ertico o tarado ne pegoucomi minha criada boazudameu tio me dava a mamadeiracontos eroticos menina de 07anos dando a xaninhacontos eroticos sobrinhacontos mandei um roludo foder minha maecontos eroticos sou casada marido viajou eu dei comida para o mendigo em casacontos eroticos ijui rscontos adoro ser cornocommini vidio porno so rabudas epitudasloira cris casada fode com negao contos eroticosemcabeçando no cu bucetaporno doido sumindo um emorme prinquedo na pusetaContos eu d travesti meu fazia eu pagar suas dividassexo aos14 pornodoidominha tia e a minha puta casa do contocontos verídicos com garotas teensmendiga pedindo pra comer seu cu apos o dela era vigemcache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html vidios de zoofilias mostra homem acariciando uma jumenta com a mão na buceta delacontos eróticos gay eu e mais um amigo brincamos com novinhofrutaporno adoro bater punheta na calcinha da mamaeContos eróticos papai me quercontos eroticos abusada levando tapacontos eroticos estupro submisso f de semananamorada sem calcinha no sofá mostrando a b***** para o namorado e f****** com eleloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinacontos gay cunhado barracaconto gay bebado fui fodidocontos sogra olhando em direção ao meu pintoconto de quarentona a fuder com desconhecidomendiga pedindo pra comer seu cu apos o dela era vigemGarotos na puberdadi flagrados com seu priminhocontos lesbico meus pais viajaramcontos gays amigos heteros bebadosConto doente mental gozeiconto mulher casada encoxada na padariaporno coroas com escorpiao na bundavídeos de sexo com mulher da b***** bem chorona e o cubo empinadinho bem durinhocontos homem casado chupa picq homem casadoContos gravida de outro marido adoroumulher massagista escorregar o dedo na xota da clienteeu confesso comi minha sobrinha bucetudacontos eróticos comendo a genteConto porno de estuprada por pai da mim amigaconto de esposa vendo seu marido na rola de outroporno novinha pijama acorda com pinto na bocaCOnto a vizinha amamentandoconto lesbica humilhei minha amigacontos exitantes de aline bebada com variosenteada nua contoscalcinhas usadas da minha tia,safada contosOs travestis qui São quaz mulherconto eróticos gay hulkcontos de coroa com novinhoconto erotico prima francinicontos de tioscontos eroticos sexo com minha empregada de vestido curtinhocontos eroticos casada estuprada na estradacontos eróticos comendo uver conto erotico sob velhos etrupadoreconto de marido botando sogra pra chupa pau e a filha vendodei a buceta pro catador de lixocontos delícia de cacetaogostosas arreganhado os labios da buceta e mastubando porno doidoVideosputas fz boquete de na linguaporno coroas com escorpiao na bunda