Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMEIRA EXPERIÊNCIA HOMO. (1)

Tenho 45 anos, fui um garoto normal como qualquer outro e sempre gostei de mulheres, travestis e sexo com casais. Nada diferente de todos que estão por aqui.

Gostaria de contar minha primeira experiência sexual com alguém, um amiguinho.

Tinha então, 19 anos e ele também. Seu nome era, bem, chamava de Bob. Éramos garotos bonitos, sonhadores, adorávamos garotas, sá falávamos nisso o tempo todo.

Certo dia, estávamos discutindo sexo e como seria gozar numa garota, as sensações e falamos de troca-troca. Nem um de nás parecia estar excitado com o assunto, mas discutimos fazer este ato. Tínhamos muito tempo, pois nossos pais trabalhavam e tínhamos a tarde toda. Fomos para sua casa e meio sem saber o que fazer. Tiramos a roupa e pegamos um gel de sua mãe, pois sabíamos que ela usava com seu pai. Marcaríamos 19 minutos para cada um. Fui o primeiro a ficar de quatro. Por baixo, olhava o garoto se masturbando, até que então seu pau ficou durinho. Era bem carnudo, grossinho, mas pequeno, como de um garoto nesta idade. Passou o gel e fechei os olhos. Pensei vai doer... Quando ele encostou senti uma coisa estranha, algo que me fez sentir arrepiado da cintura prá baixo. Ele perguntou o que foi? Respondi, senti uma coisa gostosa! Faz de novo! Ele me tocou e foi novamente gostoso. Ele começou colocando a ponta da cabeça e foi empurrando, devagar, e então comecei a sentir uma coisinha gostosa misturada com ardor. Você que já foi comido ou comida sabe do que estou falando. Sua respiração ficou mais forte e fui sentindo seu pau entrar mais, mais, bem devagar, ele era um anjo. A mistura de dor e tesão foi se misturando e seu pau parecia uma pedra, bem durinho. Pôs a outra mão em minha cintura e instintivamente começou o vai vem. Olha, de fato, não dá prá negar que é gostoso. Olhava para o espelho e via ele com os olhos fechados e virando a cabeça. É, estava gostando!! O vai vem ficou mais rápido. Não podia mais responder por mim. Era dele totalmente. Cada minuto ficava mais gostoso. O tempo já estava passando dos 5 minutos e o vai vem não parava e a essa altura ele já gemia bem baixinho. Segurava-me para não gemer, mas estava muito bom. 19 minutos e ele já estava quase gozando e eu esta bem aberto, pois seu pau navegava sem dificuldades desde a entrada até o fim do túnel. Não tive coragem de pará-lo e deixei rolar e ainda bem nos 19 minutos ele começou a gemer forte e seu pau estava muito duro e pronto. Ele urrou e gozou forte, bem no fundo, com força, como alguém que descobriu o melhor. Sento tudo! É gozado como dá prá sentir claramente a ejaculação dentro. Senti umas 5 ou seis ejaculações, fortes. Caímos sobre a cama ele sobre mim. Tempos depois ele se levantou e ficou me olhando. Virei de lado e pedi prá ir ao banheiro, pois o esperma estava querendo sair e precisava tirá-lo. Ele entrou comigo e começou a se banhar. Minhas pernas ainda bambas não paravam de tremer. Entrei no chuveiro junto com ele e comecei a me banhar também. Ele me perguntou, por quê deixou eu gozar e mais de dez minutos? Respondi que estava gostoso e não queria pará-lo, pois gostaríamos de saber como era não é? Ele confessou que foi a sensação mais maravilhosa do mundo e que queria mais. Ele disse agora é minha vez.

Fomos para o quarto, ele ficou de quatro e meu pau já ficou duro sá de olhar. Já sabia como iniciar e passei o gel. Segurei na sua bunda e comecei suave, devagar, e entrei, no fundo, tudo. Não marcamos o tempo. Era prá descontar a minha vez. E comecei o vai vem. Que delícia! Realmente ele tinha razão. É uma sensação indescritível. Sá que não durei nem 5 minutos. Ouvindo seus gemidos não resisti e gozei muito também. Ele gritou de tesão e não de dor. Gemi junto com ele e deitamos mais uma vez.

Ficamos conversando sobre o ato e como dois cientistas analisando tudo. Resolvemos observar nossos pais e ver como eles se comportavam para copiarmos na práxima vez.

Isto já é outra histária.

Espero que tenham gostado. Sei que parece muito comum com o que fazemos quando crianças, mas acho muito excitando contar prá quem ainda não passou pro isso.

Conta mais de minhas experiências com ele. Nas práximos fomos mais atrevidos.

Grande beijo!!

[email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eròticos gay virou minha negaconto chupei a coroapau pulsou na bocapenis torture alargando a uretramarido todo produzido eróticossexo e esganaçaoConto erótico me deu sonífero comeu minha bucetaeroticosgameCArnaval Antigo com muinto trAveco fazendo surubacontos comi a mha filha novinha virgemcontos eroticos meteram em mim e fiquei muito abertasegurei a pica estranhocontos eroticos teens eu baixinha i peituda com meu tio no carroWww. meu tío comeu meu cualconto erotico de casada com bunda grande com o vôvôvoyeur de esposa conto eroticocomia mae contoscontos eroticos homem casado dando para o primotraveati fudendo na cpzinha do apartamento no fruta pornoe que piroca ele tinha me assustei.Contos d uma menina estrupada por taxistarealisando sonho eu emas duas mulher contoscontos de incestos filho bem dotado paRte 2Tio come sobrinha a força contos eroyicosMeu penis mede 17 cm e grandeContos eroticos estupros coletivos veriticoscontos gays novinhocontos porno mamae no onibusfilmando a minha sogra de saia limpando a casawww.contos de incesto me viciei em deixar meu tio chupar minha bucetinha na minha infânciacontos eroticos mulhe conta.como deu a buceta eo cuwww.ver contos eroticos de mulheres de 29 anos tranzando com os seus vizinhos de 18 anos.comconto comi o cu da minhamaetrai meu marido com um moto taxi contoContos bct larga adorooSeios grandes e buceta Luisinhaminha filha camila contos eroticosmeu novo macho conto gaycontos eroticos ela não queriachaves comendo cu da chiquinhaconto erotico colo do amigo do meu paivirei mulherzinha deleimagens de mulheres chupando o peito uma da outra com muito prazerlesbicascontos eroticos de negros em hospitaisvidios porno dona de casa carente gosa com seu cachorromulher gritando muito cm dor porrnodoidoconto erotico meu bezerro boqueteiroconto de mulher casada crente com filhocontos airoticos gay desmaiando no pau do padrastopapai voce me acha bonita contos eroticosconto real casada moro na casa do fundoacontos de coroa com novinhoEu fui trabalhar numa empresa eu comi minha patroa japonesa no motel conto eroticodescobrindo que o primo gosta de rolavídeo porno de menina goza no pau enomeContos eroticos de filho encoxando a mae na cozinhacontos eroticos gay femeaContos erotico visinha na,area de lazedcontos eróticos esperava o meus dormir eia na cama do papaicontos tia gostosa com sobrinho no beijo e amasso no carroum cavalo fudeu minha buceta contosrelatos eroticos romanticomedica seduzidapor lesbica historiasmorena cor janbro deixan goza dentroTravest comedo tra estcomi minha irma q nei peitos tem ainda contoscontos eróticos esposa queria descobrirflagrei conto gaycontos vizinha loira meninaContos eróticos tetas gigantestravesti contos cimeu cu vizinhocasado.Contos de primas novinhas com desejo e muito tesão.contos eróticos da casa da irmã querida