Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PUTINHA DO CINEMA PORNÔ

DE PUTINHA NO CINEMA



No meu conto passado eu relatei como fui iniciada por varias picas de uma sá vez, pois é através disso eu acabei me viciando em dar para vários ao mesmo tempo. Neste relato vou contar para vocês como isso se repetiu.

Estava andando no centro da cidade onde eu moro e passei em frente a uma loja de roupas femininas, aquilo me deixou aflita, eu me enxergava vestidinha naquelas roupinhas, escolhi um conjuntinho de saia e blusa de alça, tratei ligo de comprar também um par de meias coloridas para vestir junto com o tênis e ficar uma putinha multicor.

Comprei e coloquei tudo dentro de uma mochila que eu carregava, não pude esperar para vestir, tratei logo de procurar um lugar, me veio em mente de ir a um cine pornô, estava louco para experimentar as roupinhas, então entrei, fui direto para o banheiro, vesti as roupinhas que ficou por debaixo de um conjunto de moletom que eu usava. Voltei para as poltronas como estava escuro eu acabei tirando o moletom, achando que ninguém estava vendo, mas a claridade da tela deixava à mostra que eu era a putinha do pedaço. Na minha fila não havia ninguém até eu tirar o moletom, não se passou nem um minuto já estava cercada de dois homens, um de cada lado.

Mãos começaram a percorrer meu corpo, até que um deles me propôs em ir para um corredor que ficava perto da tela, assim poderíamos ver todos e os outros não nos viria. Resolvi aceitar, mas quando me pus de pé. Os que estavam atrás de nos, discretamente veio em seguida, mas até então seria somente os dois. Caminhei até o corredor, eu na frente rebolando e os dois que me seguiam, já com o paus na mão totalmente duros. Encostei-me em um canto assim que me abaixei, as duas piconas vieram logo de encontro na minha boca. Achei que estava no paraíso, pois eram dois paus bem servidos, os dois deliraram comigo colocando as duas picas na boca ao mesmo tempo. Depois de uns dez minutos chupando, um deles me pediu para ficar de quatro para me penetrar, enfiei a mão na mochila e tirei uma camisinha e entreguei para ele, fiquei de quatro e nem tive o trabalho de tirar a minha calcinha. Pois ele simplesmente a puxou de lado, era tudo que eu queria, ser comida vestidinha de menina. Assim foi. Estava sendo comida por um enquanto chupava o outro. Estava tudo maravilhoso, até que ficou melhor ainda, de uma sá vez chegou em meu rosto duas outras picas para eu chupar. O incrível que eu não percebi que eles haviam se aproximado, ai eu me deslumbrei. Não sabia qual pica eu chupava. Então resolvi colocar em pratica toda minha habilidade, chupei no estilo pianista, passava minha boca nas cabeças e chupava até me engasgar, mas ai que ficou melhor, o que estava me comendo gozou, o outro então foi para atrás de mim para me comer também, novamente eu enfiei a mão dentro da minha mochila e peguei outra camisinha.

Estava sendo realizada, pois aproximou mais 4 homenzarrão, por um momento eu achei que não daria conta mas meus dotes de putinha me guiaram para a fantasia. Chupava vários e assim que o que estava me comendo gozasse, ele dava lugar para outro. Novamente eu sá enfiava a mão na mochila e entregava a camisinha, e a fila foi andando. Por um momento achei que não daria conta mais estava me sentindo partida ao meio, meus árgãos estavam doloridos, meu cuzinho? nem sentia mais a ardência.

Por um momento minhas vistas escureceram, uma dormência tomou conta do meu corpo, uma energia percorreu dos meus calcanhares até a minha nuca, quando vi estava gozando sem ao menos tocar no meu pinto. Depois de muito tempo eu percebi que estava tendo outro orgasmo anal, igualzinho o que eu tive quando fui pega por meio time de futebol.

Diante disso não queria mais parar, sá tive que parar porque não tinha mais camisinha, mas paus! Tinha à-vontade. Pedi desculpa para os que esperavam e me vesti. Dei no pé mas com muita vontade de ficar.

Repeti minhas idas a este cine pornô por muitas vezes. Por incrível que pareça os parceiros da semana eram quase os mesmos, assim que me viam chegar, iam logo para o cantinho escuro a fim de comer a putinha do cinema. Tenho muito mais experiências para contar para vcs, mas isso fica para outros contos.

Comentem assim me dá inspiração para continuar. Bjs a todos.







VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


melhores contos eroticos de incestos flagradoscontos eróticos com homens de pinto muito muito grande fora do normalquando eu peguei a minha priminhaViajado com meu filho trasei com ele no motel contoq p* gostoso ham hamContos erocticos aaaai papaicontos eroticos - alta grandona bundudaerotico menininhaconto casada vira cadelaconto erotico incesto sonifero filharelatos eroticos casadas com negao e velhoFilinha chupa pau do papaiacontos eróticos minha esposa a bicicleta e o sobrinhocontos e historias de zoofilia meu cachorro mamou nos meus peitos cheios de leitecontos velha sogra da cucontos eroticos flagrei minha namoradacontos eróticos tenho um caso com minha sograconto.erotico..casada.18..anosconto erotico cherando calsinha das bucetaodei a bunda contosconto erotico o pedreiroconto menage com minha namoradacontos de sexo comi minha sogra vadia na frente da irma delacontos bem safados assanhando meuenteada nua contoswww.contoseroticoscabacoQueria ter um pau pra comer mulherRelato de suruba com fila para fuder bebadacontos eróticos gays a primeira vez com 24 anosenteadinha contoscontos eróticos ensaiochupei minha netinha contos eróticosconto erotico no colinhochupando rola ate goza e dando a bucetacontos eroticosconto erotico pagou a divivida minha namoradachantagiei a negra contoesposa no motel com amigos contoConto erotico meti tanto q sangroucontos minha sogra safada chupando meu pau escondido do meu sogro e dando o cumulher bundudar transador centadar no colocontos eroticos espiritoporno produto gruda pinto na bucetaA chapeleta arronbou minha bucetinha contoscontos eróticos com mulatastapou a minha boca - conto eroticoconto erotico viado foi no pagode na favela e deu o cu pro travestimarido fas esposa virar puta e comer bota contos eroticoscontos eroticos fui comida pelo meu chefe e chingada feito uma puta vadiacontos eróticos dei o cu ea buceta da cunhadinhacontos eroticos mamaram meus seios em quanto eu domiaporno idoido na purberdadebumbum arribitado na rolaminha cadelinha zoofilia contoscontosContos eroticos cunhada safada jeovaconto ela estava no quarto nua e o sobrinho na salatenns gemeno e gritanoConto de mulhe minha esposa e o molequefilme com historia de erotico de tiozinho taradaocontos eroticos incesto o retorno de maria alice na casa do padrinhocontos de rasguei o cuzinho da minha avópuro sexo sou muito deliciosa viajei com meu filho conto incestoxvedeo foi brincar com a prima efreguei pau nelaconto comi o cu da minhamaeconto erotico empregada negra escraviza patricinhacomo mama um pau o bofe reclamo que eu tava sucandoTrempando em cima da lancha com o coroa conto eroticominina pela de mostrngo a busetaconto erotico irmão mais novo machocasada gosta de se encoxada pelo vizinhoconto erotico paraliticoContos eroticos velha cavalacontos eroticos de comi a bunda da mae da minha amigaver contis eroticos de incesto passando oleo na maeContos mulher coloca silicone e vira putameu bundao ta seduzindo meu filho contoscontos eróticos encontrar minha antiga namorada depois de 30 anosdopei minha mae contocontos eroticos fudendo a mae travestiassistimos porno comi gostoso contocache:lzLFg49SSUgJ:biz-kon24.ru/conto_1039_fim-de-semana-com-titia-e-empregadas.html contos eroticos de infância mijei na bocaporno fui estudar na casa da prima gostosa e ela dise que ia ter aula de fideconto irma dormindoconto erotico minha esposa no jogo de baralhocontos eroticos negrinha casada ficou bebada na festa mais de treze caraas fizeram suruba com elaTenho um caso com policial contos gay