Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

PEDI E ELA DEU PRA OUTRO

Sou Renan, 40 anos casado com Denise, 38 aninhos. Somos bem abertos em relação a sexo, conversamos muito, contamos nossas fantasias e experimentamos para ver se tudo isso mesmo que sonhamos ser...

Um dia no calor do momento disse a ela que queria vê-la com outro, que acha que ela iria adorar dois homens comendo ela por inteiro, e ela pra me testar ou por estar com muito tesão completou: “ mas antes vo dar pra ele sozinha, vou ser bem safada e te contar”. Nossa aquilo de deixou louco de tesão, nem eu me entendi, uma mistura de tesão e ciúmes, mas muito tesão.

Depois da transa nem tocamos no assunto, mas no dia seguinte, o assunto voltou e ela me chamou de louco, perguntou se eu não gostava mais dela, eu disse que era louco mesmo, mas louco por ela, e por confiar tanto que senti a liberdade de viver essa fantasia, que nem eu sabia que tinha, que sá de pensar nela louca de tesão eu já fica doido.

Passou um bom tempo, e o assunto as vezes aparecia no meio das transas, e ela fala que iria dar pra um amigo mas que tinha um pau bem grande, que iria chegar cheirando outro em casa, com gosto de porra na boca pra me beijar, eu fica louco ouvindo isso, xingava ela de puta e ela adorava e me chamava de corninho...

Nossa, e com o tempo a vontade de ser realmente corno tava insuportável, tinha que viver essa fantasia louca...

... Até que um dia ... como ela trabalhava em eventos, festas e nos fins de semana sempre chegava tarde em casa, num dia eu não poderia busca-la no serviço e ela viria de carona com um colega de trabalho, que sempre falava que bonito, simpático. Chegando em casa depois de mim, mais tarde que de costume, notei que ela estava diferente, tensa, perguntei se tava tudo bem, se tinha acontecido algo e, ela meio tremula me olhou e sorriu...

... Antes mesmo de eu continuar, ela disse: “ Você quer mesmo ser corno ? Quer que eu dê pra outro ?”

... Nossa, fiquei gelado... O ciúme era muito... mas o tesão tava tomando conta da razão, e nem vi quando falei que sim... nem pensando que depois não tem mais volta...

... e derrepente o olhar dela é puro tesão e ela me ataca ali mesmo na sala, me beijando, me mordendo o pescoço e dizendo no meu ouvido: “vim de carona com o Marcos, antes de me trazer ele me perguntou se era pra me trazer em casa, disse que antes quero dar umas voltas... ele sorriu e foi rodando sem rumo pela cidade, até que parou o carro e foi chegando perto, não resiti, você pediu e eu beijei ele gostoso...” . Interrompento, perguntei se ela tinha dado para ele, ela disse que ainda não, que foi sá uns amassos gostosos, disse me mostrando o pescoço todo vermelho, com uma cara de puta querendo mais... Ela sabe ser safada quando quer... isso que me mata...

... tirando minha roupa e me empurrando pro sofá... continuava falando sacanagens, até que parou tudo e disse: “cheira minha mão !”, encostando em meu nariz, pude sentir o cheiro de pau, quase gozei, me cortando os pensamentos completou: “vem terminar o que ele começou, meu corninho manso...”

Nossa, foi a melhor trepada que já dei, foi animal, a gente se mordia, gritava, xingava... ela adora me arranhar, enquanto eu comia com força, dava uns tapas na cara dela dizendo que era por que ela era muito safada, que o que ela fez é coisa de puta, que merecia apanhar na cara...

- “vou dar pra ele, to louca pra sentir aquele pau grosso em mim... “, dizia enquanto gozava no meu pau, rebolando em cima de mim...

Depois não tocamos no assunto, sentia medo, ciúmes, era estranho... depois dormimos abraçadinhos no silêncio, e fiquei imaginando que loucura foi aquela...

A semana passou, foi uma semana corrida, e não tocamos no assunto, até que numa noite ela cheia de tesão me provocando perguntou se eu deixaria mesmo ela dar pra outro, respondi perguntando se ela gostaria de dar pra outro, sem pensar ela completou: “então este fim de semana vo dar pro Marcos “.

E a semana foi quente... aquilo fez nossa cama pegar fogo...

Fim de semana chegou e antes dela sair pro trabalho, ela disse que tinha pensado numa surpresa pra mim, que eu iria adorar, que era para eu não dormir, esperar ela voltar, colocar um vinho na geladeira, preparar uns filmes que a madrugada prometia... E saiu sem explicar...

Depois do serviço, lá pelas 3 da manhã, ela me ligou e avisou que eu não precisaria ir busca-la, que o Marcos iria levá-la em casa, que já estava indo, para eu vestir algo que teríamos visita...

Pouco tempo depois a campanhia toca e ela entra dizendo que tinha convidado junto, eles entraram, falei pra ele ficar a vontade, a TV tava num canal de clipes, busquei um vinho, sentamos no sofá e perguntei como foi o trabalho. Ele era realmente boa pinta, simpático, contou que foi cansativo e que minha esposo o havia convidado pra entrar e tomar alguma coisa pra relaxar antes dele ir para casa, pois a mulher tinha viajado com os filhos e assim ele poderia demorar mais pouco e já iria relaxado pra chegar em casa e dormir direto. Denise entrou direto pro quarto e quando volta já com uma roupa mais a vontade, um topzinho branco e um shortinho minúsculo, nossa que visão, eu já tava louco de tesão de ver, imagino o Marcos, louco de desejo pela minha mulher, na minha casa.

Bebemos um pouco, sempre com ela provocando nois dois, até que falei que iria deitar, estava com muito sono e que sou muito fraco com bebidas, mas que para eles ficarem à vontade. Entrei no meu quarto já imaginando o que poderia acontecer, com o coração nas mãos... Logo a Denise veio e me disse no ouvido que não sabia de nada, que ela falou que tinha um tesão louco pra chifrar o marido na prápria casa, e que ele resistiu muito pra vir, que era perigoso, mas que deveria ser muito gostoso e que ela dizer isso dava muito tesão, disse que ele não resistiu a tentação e veio... e que ela havia contado a ele que eu tenho sono muito pesado, e que costumo dormir muito cedo, me beijou e antes de sair do quarto completou: “fica escutando sua putinha gemendo no pau de outro, meu delicioso corninho”.

Pude escutar ela convidando pra dançar, já que a tv tocava músicas lentas, fiquei imaginando os dois coladinhos... era uma deliciosa tortura...

Escutava alguns barulhos... alguns suspiros, até depois de certo tempo, ela entra no quarto, toda descabelada, dizendo que ela estava dançando abraçadinha com ele, enquanto ele a beijava deliciosamente... disse que ele a pegava com força seu corpo, sua bunda, me provocava com um sorriso safado enquanto narrava que ele passava a mão na bundinha dela... mas quando ela o puxou para o sofá, ele ainda receioso pediu para que ela viesse ver se eu já tinha dormido...

- “ Amor... hoje você vai ser corno !!!!” – disse baixinho em meu ouvido.

- “ to louca pra dar !!! Quero que você escute... você quem pediu, agora vai ter” – completou e saiu na ponta dos pés. Pude escutar o sofá ranjendo, nossa que tesão, minha imaginação à mil, louco pra dar uma espiadinha na safada.

Não resisti e fui dar uma olhadinha no estrago, pela porta entreaberta pude ver uma cena que eu não imaginava, minha linda gatinha ajoelhada chupando aquele pau estranho, e com muita vontade. Fiquei com ciúmes... raiva... pois ela sempre falava que sexo oral pra ela era algo mais íntimo, que dificilmente faria nas primeiras vezes que transava com alguem, que isso so depois de certa intimidade. Nossa, ela tava alterada de tesão, uma onça no cio, me deu um tesão que não tenho como explicar.

Ela sabia que eu viria assistir escondido e já ficou meio de lado pra porta para que ele não tivesse visão, caso eu desse muita bandeira na porta. Ela sabia que estava ali, e me provocava, passando a língua lentamente na cabeça do pau dele enquanto falava sacanagens.

-“ Isso que é pau, gostoso, grande... me come, vai !!!! come esta casadinha safada, enquanto o corno do marido dorme, aproveita dela... ela é toda sua esta noite... “

Até que não resistiu aos pedidos de minha deliciosa mulher e colocou ela de quatro no sofá e já foi forçando a entrada, ela já quase gritando de tesão, nunca tinha visto ela assim, me deixava louco, adoro ver ela assim safada... Sou meio voyer, adoro assitir... Aquele homem comendo minha mulher era uma tentadora visão, ele admirando aquela bunda que sempre me deixa louco, eu podia ver a tatuagem logo acima, outro passando a mão...

Maravilhoso ouvi-la gemendo, gritando de prazer enquanto aquele pau enorme quase arrombava a buceta da minha princesinha delicada, ela virou bicho remexendo o corpo, enquanto ele a mordia na nuca e apertava com força seus peitos branquinhos. Senti o cheiro de suor, de sexo em minha sala e por mais loucura que seja, eu a desejava ainda mais... meu pau lateja chamando ela... minha branquinha estava toda vermelha das pegadas... das puxadas... das mordidas daquele macho...

Quase foi a loucura quando ela puxou aquele homem pro sofá e sentando no pau dele me olhou nos olhos, gesticulando os lábios dizendo: “ gostoso... “, aquela gata toda molhada de suor revirava os olhos de tesão em cima de outro homem pra me provocar...

Ele, já no limite, começou a gritar... a chamando de putinha... de safada... não iria aguentar muito aquela deliciosa e provocante mulher, dando pra ele enquanto o maridão dormia... o proibido provocava.... e pude ver os dois gozando e se apertando ainda mais um corpo no outro... quase gozei junto mesmo sem me tocar... não queria perder um sá momento daquela loucura. Aproveitei e voltei pro quarto com aquela última imagem na cabeça, ela largada em de outro, adorando...

Alguns minutos depois ela entrou no quarto com um sorriso enorme no rosto, me beijando, me atacando... dizendo que ele já tinha ido embora... que foi sá uma rapidinha, que tava muito nervoso sabendo que você estava no quarto ao lado... e que o tesão foi aos limites...

Senti o gosto de pau na boca dela, e pior que gostei...

-“ Olha o que ele fez !” – me mostrando sua buceta inchada, vermelha e melada.

- “ Quero mais !!!” – já subindo em mim, me beijando o corpo todo... mas já fui direto pra minha buceta gostosa, conferir de perto o estrago, tava deliciosa, cheirando porra, chupei com gosto enquanto ela dizia: “ Vai corninho, limpa tudo que outro sujou... vai meu gostoso olha de pertinho como dei gostoso pra outro... com um pau maior que seu... chupa tudo, lambe... sente o gosto da porra de outro macho... não assim que você queria ??? eu bem putinha ??? bem biscate ??? adoro pau !!!! “

E ela gozou em minha boca, ela tava louca... no cio...

- “ me come... vai...” – e montou em meu pau, cavalgando como uma puta, minha putinha que me deixava louco, me arranhando, gritando, me xingando de corno ela gozou muitas vezes... até que não consegui me segurar mais, gozei como nunca tinha gozado...

- “quero ser sua putinha... quero dar pra outros... “ – ela deitou em cima de mim, já cansada, acabada, toda ardendo, vermelha, suada... cheirando sexo... e adormecemos ali abraçados, eu ainda meio zonzo de raiva e ciúmes, mas com tanto tesão que não me arrependia...

Vi que tinha transformado minha dácil gatinha em onça, aquela branquinha dona de casa em biscate... em uma deliciosa putinha safada...

Quero mais, pensei...



Tenho uma fantasia...

Quero ver minha mulher com outro homem, penso intensamente nisso, já até falei isso pra ela, e ela disse que eu seria corno, mas isso ainda não aconteceu, ainda não achamos uma pessoa interessante para realizar nossas fantasias. Trocar idéias, contos .... escreva ou add... [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto erotico voltando praiaconro erotico gay meu tio alopradosou puta do padrasto-conto eróticovi minha esposa dando mole contosestrupando a namorada bebada contosconto erotico priminhacontos picantes comadre safadaesfolou o cu do gay conto pornocontos eroticos linguada no cuContos visinha de 19minha mae morreu no parto e meu pai mim criou contoscontos eroticos de enteada que transou aos cinco aninhos com padrastoconto erotico travesti desobediente castigada pelo donocontos erotico maridos camaradacontos novinha rabuda deu p paicontos er safadovou gozar na frente não contoJá botei ela para transar eu não vai botar o vídeo dela transando gemendo tácontos eróticos de gay e picudo pedreirosNegro mordendo o grelo de minha mulher contos eróticosconto erotico de fui comida pelo amigo do meu esposo insperadamentesua namorada de chortinho no.carnavalum coroa me fudeucorno enrustidoContos marido mandando os caras arrebentarem a esposaconto incesto minha linda maezihacontos eróticos de manicures safadascontos erotico titia vadia e priminhavideo de porno com machos a força brutameneteNayara chupando contoA chapeleta arronbou minha bucetinha contosver videos porno com sogronascontos trazei com a amiguinha da minha filha dormindoENFERMEIRA  mulher louca de tesão gozando no peito na boca o dedo na bocaconto minha mostrouContos chupei a porra do meu marido na chana da minha amigaColocou dentro contos eroticosminha tia travesti contosdeu sonífero para comela prnoConto porno marido repartindo a mulher com cachorro de rua zoocomprei a Cristina da mãe bêbada contos eróticoscontos eroticos pivetesvirei putinhaconto gay macho arrogantemanuela pedreiro contos eroticoscontos de coroa com novinhoContos Eroticos fudi amiga da tia choronavai dar rolê tudo gordona aí tudo mulher gorda só de biquíni bem gordona da bundona bem gorda da bundonacdzinha enrabada pir coroas contoscontos irmâ da esposacontos eroticos minha filha aguentou toda minha pica de jeguehistória e fotos sogra bêbada gosta de dar o c* e fazer b****** com genroContos xxx meu primo me engravidouconto esposa atendendo pedido sexual do maridocontos heroticos meu amigo hetero dormi e eu aproveito quando ele ver mim bate e depois mim comeuContos eroticos dei a buceta para inimigocontos eroticos sobre virgindadecontos eroticos mae filho morando sozinhos na kit netfamílias se encontram em praia de nudismo contos eróticoconto erotico curradacontos meu cu e grandecontos dando pra um sessentãoConto erotic castiguei meu irmao gaiconto erotico mulher fodendo com varios vizinhosRealizei a fantasia do meu colega e eu virei cornovidio porno corno mulher da em cima do jsrdineiro e empregada ver e participacontos eroticos com objetosaluna é encoxada pelo prodessor ed fisicaconto erotico gay: transando com um japoneshistórias eróticas com tiaestuprada pela quadrilha conto eróticocontos em ilhabela com minha mulherporni contos mae da namorada na picinacontos eroticos dormindo e acordando com cutucadascontos verdadeiro de filha de 10 aninhos dando o cuzinhocaravda pica imenca rasgando bucetaa loira e o cavalo contoincesto conto dia de trovoadafotos cim zoom so de cacetes duros melado de porrawww.acordada por papai videos incestoconto fetiche apanhando da namoradaporno marido da vizinha foi viajar e fui pozar na casa delacontos sexo esposa recatada e seu irmãoPus ate ela chora conto pornoporno minha vizinha safada mim chama para segurar a escada para elaconto tia pelada em casacontos eroticos gays filho adotivoConto de vadia explorada por muitos machosmeu pai e meu irmao me comeram contos eroticosesfregando na irma caçula contosConto comeu minha esposa e eu não percebiminhas tias chupavao meu penis de 10cmcontos papai socou tudo no cu da filha ela se cagounovinha chupano amigsvideos mulheres negras coroas de absorvente interno