Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O SEGURANÇA

Meu pai foi vitima de um assalto, e os assaltantes ameaçaram que voltariam a assaltar nossa família se ele não desse uma certa quantia em dinheiro, então meu pai colocou um segurança em nossa casa que quando eu ou minha mãe precisávamos sair tínhamos que sair com ele, foi ai que conheci o claudio um negro de um metro e oitenta musculoso e careca, pois o mesmo raspava a cabeça.



Nos primeiros dias ele mim levava no colégio e trazia de volta ate ai tudo bem, mas com o tempo foi tendo sonhos eráticos com ele onde mim via trasando com o mesmo eu branquinha e baixinha com um homem daquele, mas um dia minha mãe falou íamos passar o fim de semana na praia mas falei que tinha prova no colégio no sábado e tinha jogo do time de vôlei no domingo, ela perguntou se podia ficar sá e eu falei que sim, então ela avisou que o claudio o segurança ia ficar na casa pra fazer a segurança e eu sá sairia com ele. Falei tudo bem.

Na sexta a tarde meu pai e minha mãe foram a praia, a noite jantei e chamei o claudio para jantar comigo, conversamos amenidades e as dez fui dormir, mas não conseguia pois sá pensava naquele homem ali e eu com o tensão nas alturas, a meia noite como não conseguia dormi fui tomar um banho de piscina e resolvi tomar banho pelada pois já estava acostumada a tomar banho assim quando estava sá. Um pouco depois que entrei na piscina e olho de lado estava o claudio em pé na borda da piscina olhando para mim com a cara bem seria, foi ai que notei que ele estava com tensão em mim pois tinha se formado um grande pacote na frente de sua calça de moleton, então perguntei - aconteceu alguma coisa claudio? E ele falou - não e que ouvi barulho aqui na piscina e vim ver o quer que estava acontecendo aqui.



Neste momento já não me controlando mais de tesão saí da piscina e fui em sua direção pelada do jeito que estava e falei - é que eu gosto de tomar banho de noite sozinha, mas já que está aqui poderia me acompanhar.

Chegando em sua frente coloquei as mãos em volta do seu pescoço, me pendurei com as pernas em volta de sua cintura e dei o maior beijo que já dei em um homem. Ele me segurou com as mãos por baixo da minha bunda e depois foi esfregando aquele volume que mais parecia um cacete dentro da calça, soltei seu pescoço e fiquei de joelho em sua frente e fui baixando sua calça, quando passou do joelho que olhei para cima foi que vi aquela madeira preta e cheia de veias, fiquei admirando por alguns segundos e depois peguei com as duas mãos e ainda sobrava, comecei a chupar aquilo que mais parecia uma barra de chocolate, sá que muito mais gostoso. Quanto mais eu chupava mais ele ficava descontrolado e vi que o pau dele começou a inchar, foi ai que veio uma chuva de esperma, tentei engolir mais os jatos eram tão fortes que eu engolia um pouco e sobrava dois tantos do que eu engolia. Ele vendo eu engasgando com tanta porra tirou o pau para fora de minha boca e começou a se masturbar na minha cara, gozando mais uns cinco jatos de porra na minha cara, o que mim deixou banhada de porra.



Ele me pegou nos braços e mim levou ate uma mesa que tinha em frente a piscina, colocou-me em cima da mesa, abriu minhas pernas e começou a chupar minha bucetinha eu segurava na cabeça dele que passava sua língua que mais parecia uma lixa na minha buceta eu gozava arqueando minhas ancas em direção a sua boca quando ele viu que eu tinha gozado umas duas ou três vezes, ele ficou de pé em minha frente e começou a esfregar o pau na portinha da minha buceta abrindo os lábios e forçando cada vez mais pra dentro. Eu nunca que iria aguentar um cacete daquele calibre mais como tava em um estado de gozo permanente nem senti quando ele de um única estocada meteu o cacete pra dentro até topa no meu útero ficando ainda uma boa parte daquele pau do lado de fora. Eu sá conseguia emitir alguns gemidos de gozo, então ele foi aumentando as metidas cada vez mais rápido e mais fortes até que senti como se tivessem ligado uma mangueira dentro da minha buceta e uma torrente de porra começou a sair junto com meu gozo que também já saia em grande quantidade fazendo um barulho diferente dentro de mim.



Depois sá lembro de acordar com ele no meu quarto dando banho em mim e me colocando na cama e me cobrindo com um lençol, no outro dia acordei umas dez horas pois as catorze ia jogar e ele foi me deixar no ginásio onde fomos conversando sobre o acontecido e eu falei pra ele que queria muito mais quando voltasse pra casa, e aconteceu isto e muito mais.



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto arregacando o cuzinho e enchendo de porra a cunhadaver tv pornô mulher que tem a vajina muito linda e grade gozando na pica sem para vaquira com o cavaloconto erotico gay esconde escondesantinho do pau na boca uma laranja viu pau na boca na bunda na sua boca a bocaminha cunhada me convenceu a ser cornobatendo uma punhenta para o marido sem calcinhacontos minha namorada me fez corno com vizinho marrentocontos eroticos que saudade da lingua dela na minha bvoyeur de esposa conto eroticoCris devassa. contos eroticosconto pega na siriricaMeu nome é Luiza, tenho 26 anos, 1,70 mConto sexo em grupo quatro caralhosconvenci minha irmã fuder comigo e gozei dentromamei até os bicoes dela incharem contoscontos contados por mulheres que maridos insistiram para elas usar roupas mais curtascontos meu pai me seduziuContos Eróticos DE Dei Para O Amigo Do Meu Filho Na Minha Casacolocando a prizilha na bucetacontos eróticos esposa negona coroa bisexa coroa bunduda negra é feriado pelo pelo banco dentro do ônibusO primo do meu marido é meu machoconto eu e meu sobrinho metendo vai fode o rabo da titiame larga lençou bom diacontos eroticos minha mulher me castiga apertando minhas bolasporno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneirofui penetradocontos minha esposa em caldad fudeu com outrocontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos eróticos dopei namorado eu e amigacontos eroticos droguei minha priminha ninfeta e comiMinha mae me pediu foder elefotos e vidio e contos eroticos estava sucegado em casa quando minha irmã começou a me procarMe Faz um Cafuné conto gaymeu marido bebeu e meu cunhado me comeuconto gay dando na apostabêbado perdi as pregas contos eróticoscontos reais minha mae chupou minhha bucetaconto do negao velho e pirocudocontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos eroticos filho fez chantagem e comeu a maeporno abuzado mulhe olho tapadonetinha safada adora sentar no colo do vovô contos eroticoscontos eróticos cunhadaMinha irma adolecente taradinha em conto eroticoesposa conta para o marido que ele é corno e que seu amante vai fuder ela na frente do corno e depois vai transformar o corno no maior viado e vai leva sua outra amante pra fuder com a esposacontos de coroa com novinhocontos fiz o cuzinho da mamãecontos de putaria gay o garoto e o vigiaconto gay mim casei commorena cor janbro deixan goza dentroarrombado; contos gayGozaram na calcinha na cerca contocontos eróticos engatada e arrastada pelo cachorrocontos gay bdsm minha castracao realContos de masturbação com objetos no ginecologistaScu do sobrinho menor contos eróticoscontos eroticos mulheres gozando no pauContos escrava sexual do patraorelatos de casadas que treparam vom suas cunhadssContos eroticos selvagem esposacontos eroticos peluda fedidaminha cunhadinha e virgens peguei a forcaconto erotico incesto sonifero filhacontos incesto minha filha fazendo fisting em mimConto erotico comendo minha madrinhaEla era hemafrodita e eu fiquei louca..contos..Conto de puta metendo com todos no posto de gasolinacontos cornos forumbranquinha magrinha de cabelos caracolado danadinhaconto erotico rabuda cintura fina peituda casada visitadei pro tarado contoscontos-teu pau entrando com força no meu cuzinhoiniciando a filhacontos eroticos levei rola com meu marido en casaconto de cornopego teu pau e coloco no meu cuzinhomeu cachorro gostoso viril zoofilia históriasSou casada a muito tempo e amo muito mesmo meu marido mais acabei traindo eencoxada em coroa em Jundiai conto realconto erótico mãe verídicocontos mulher coloca silicone no peito e na bunda para ficar gostosacontos erotikos menina de menor dando o cu a troco de balacontoseroticos presidioporno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneiroContos eróticos "queria experimentar algo novo"comi meu primo novinho contosTio come sobrinha a força contos eroyicosempregada me masturbando nu contoscontos eroticos gemi no cacete do marido da minja amigacontos eroticos arrombei minha sobrinha pequenaconto como minhs mulher com 10cm depicacomi esposa do meu amigo de trabalho contos eróticosmeu cuzinho ta sangrandoticos bem greludoscontos erótico com filhinhas das amigas