Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TIA E SOBRINHA

O conto abaixo é realmente veridico e aconteceu comigo há tempos atras, me chamo Gabriel trabalhava em um empresa e era o responsavel pelo setor de compras.

Atendia todos os fornecedores com o maior profissionalismo e certa vez atendi uma vendedora que chamava muita atenção, loira 1,72 alt aprox. 26 anos seios medios e durinhos ( dava para ver atraves da camisa de seda que usava ), uma bundinha empinada, pernas roliças e grossas na medida certa e um rosto e boca que me deixaram com o membro duro embaixo da minha mesa.

Sandra conversou comigo mostrando os seus produtos e sem quere um dos botões da camisa dela se abriu mostrando parte de um de seus seios e a areola de um dos bicos. Aquilo mexeu comigo, e ela vendo o resultado se insinuou, dizendo ate que horas trabalhava e se não queria apos o trabalho tomar um chopp, fiquei de boca aberta e marcamos para as 18:00 horas.

Sai do trabalho e fui ao local marcado, qual não foi minha surpresa ao chegar na mesa ela estava acompanhada de um bela morena que deveria ter no maximo 19 anos, vestia um vestidos bem curto, Sandra a apresentou como sua sobrinha Marcia que estava a pouco tempo em São Paulo, morava no nordeste e tinha vindo para arrumar emprego. Aquele sorriso me deixou com um teão enorme, labios carnudos, seios durinhos e a bundinha durinha e empinada qual a tia.

Começamos a beber chopp e tequila e a Marcia como não estva acostumada em beber foi ficando cada vez mais alegre.

Depois de muita bebida e de uma boa conversa decidimos ir embora.

Porem com a Marcia estava muito legal Sandra perguntou se não podia leva-las ate o apartamento dela.

Entramos no meu carro e fomos para o apartamento de Sandra, Marcia no entanto devido as bebidas ingeridas acabou dormindo no banco de tras.

Chegamos e Sandra pediu para ajuda=la a levar a sobrinha para dentro do apartamento, entramos e levamos a Marcia direto para o quarto, para minha surpresa Sandra tirou o vestido da sobrinha na minha frente, que estava com uma calcinha fio dental bem pequena e transparente, dando para ver as dimensões daquela grutinha, totalmente depilada .

Sandra me pegou pela mão e me levou para a sala, colocou uma musica, e começamos a dançar. Apertei aquele corpo de encontro ao meu e senti ela se agarrando em mim querendo algo mais, meu pau foi ficando duro e sentindo aquele seios durinhos em meu peito, começamos a nos beijar, e ela começou a tirar a minha camisa, mordeu os meus peitos, fiz o mesmo com ela tireis a sua camisa de seda, o sutiã e cai de boca naqueles seios empinadinhos e duros, mamei como se fosse um garotinho, a levei para o sofa deitei ela e fui descendo bem devagar, mordi a sua barriguinha e fui descendo, abri e tirei a sua calça e me vislumbrei com uma bocetinha perfumada, lisinha, rosada.Comecei a chupar o seu grelinha, ora enfiava a lingua toda em sua bocetinha, ora passava a lingua no seu cuzinho. Ela gemia gostoso a sua bocetinha estava toda molhadinha e de repente ela começou a gemer mais alto, colocou a suas maõs na minha cabeça forçando ao encontro da sua racha. Estava gozando, não tirei a boca daquela gruta, senti o seu primeiro orgasmo e continuei ate ela gozar novamente.

Ela me puxou para cima do sofa e tirou minha roupa e começou a chupar o meu cacete que estava muito duro de tanto tesão, chupava com maestria indo da cabeça ate as bolas onde enfiava uma a uma em sua boca.Foi subindo e me beijando ate chegar em minha boca, um beijo de lingua que nos fez para no tempo, subiu em cima de mim e lentamente foi sentando em cima do meu cacete, aquela bucetinha toda molhada e apertada foi tomando conta do cacete e entrou ate o final ( 19cm ), então ela começou um vai e vem, galopava, rebolava e gemia muito alto, quase que não estava aguentando mais, mudei de posição, coloquei ela de quatro e mandei ver, ela ja tinha gozado varias vezes, e quando anunciei que estava para gozar ela rapidamente começou a mamar e engoliu tudinho e continuou ate receber a ultima gota. Ficamos abraçados por algum tempo e fomos tomar um banho.

Fomos para o seu quarto e começamos novamente a nos beija e ficamos num 69 delicioso, eu de vez em quando enfiava um dedo na sua xaninha e dempois introdizia no seu cuzinho que começou a piscar cada vez que começa a mexer, ficamos nessa posição por um bom tempo ela gozou mais vezes, de repente aparece no quarto a sua sobrinha e junta-se a nos eu e Sandra começamos a dar um banho de lingua naquela menina, comecei a chupar a sua xaninha com vontade, o meu pau foi ficando maior, Sandra por sua vez beijava e chupava os seios de Marcia que já estava implorando para ser penetrada. As duas ficaram num 69 gostoso, Marcia estava pro cima, coloquei o meu cacete na boca de Sandraque chupou e começou a enfiar na xaninha da sobrinha, gemia pedia para enfiar tudo, mas Sandra tirava chupava e tornava a colocar naquela xaninha bem apertadinha. Coe=mecei a bombar com mais força Sandra chupava as minhas bolas e de vez em quando lambia o meu rabo, o que dava mais tesão, a sobrinha por sua vez pedia para enfiar mais e mais e queria sentir o gozo dentro dela. Ficamos naquela posição e eu não aguentando mais enchi aquela xaninha de porra, Sandra tirou o meu pau e começou a chupa=lo e depois começou a devorar a bucetinha da sobrinha sorvendo toda a porra . Tomamos um banho os tres e recomeção a transa noite afora.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto xota cu irmãocontos eroticos no ônibusconto esposa com molequecontos eroticos no casino pagou com a mulherdando no ônibus contoserotico menininhaMenina sentada no meu colo conto eroticocontos eróticos de sobrinhas com tiascontos eroticos "cadela" "fome"Conto erotico entalouconto erotico eu meu marido e o entregadocontos eroticos encoixada pelo caderanteconto de cornominha irma pediu pa coloca bem devagarcontos eróticos prima e irmãcontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheiroestou sendo chantageada mas não posso contar meu marido quantos eróticoscontos de coroa com novinhonamorocdzinhascontos eroticos gemi no cacete do marido da minja amigaMeu patrao coroa ele me fudeu na sua lancha conto eroticoconto erotico meu bezerro boqueteirosogra metida a santa contos eróticocontos safadezas com a tia casada inrrustidamachos arrombador de gay afeminadocontos e vidios de patroes sendo fodidos por empregadas tranxessualconto com fui esplorada gostoso n sexoa priminha de 14 contosContos erotico comi minha irmã cadeirantever contos porno anal no onibos de escurcaoRelatos de gay quie derao ao pedreiro saradopica fexada que regasa sem por amãocontos eróticos de un gordo virgemcontos eróticos a ideia da minha esposa e com meu patrãoCADELINha DOS homens e dos cachorro cpntp pornoconto espiando transa do tiocontos eróticos, gosto de sentir o esperma escorrendo dentro do meu cuno cu nunca mais contoscontos de sexo com velhos babõesvirando escrava submissa do traficante contoConto erotico incesto pai brinca e pega pegaesposa perdeu aposta e encarou duas rolas conto eroticozueiras mais gostosas e fogosas da bunda grande e pernas grossascontos amor gaycontos de buceta é cúver contos excitantes com fotos,na praia,no onibus e no mato.contos tia vai foder gostoso isso delicia vai issoconto erotico meu cunhado fez meu cu sair sanguecontos gay menino bundudocacetudos e contos eróticoscontos eroticos doente mentalvoyeur de esposa conto eroticolesbicas presediarisfobtos trasado com as duastias gostoscontos erotico, dei pro dois amigos do meu filhotiradp o cabaso da novimhaMae nao aquenta todo pau do filho no cu apertadoamolecendo dentro da xanaminha cunhada tinha coriosidade sobre o meu pau se enprecionouporno chegou em casa e pegou a cunhada pelada de olhos vendados e comeu elatransando a sobrinha em pleno sono profundoconto safadosofri no pau de outro conto zoofilia com gozadas e enguatesnoiva tarada melando o pau do noivoa bumda que sempre sonhei comeGarotos na puberdadi flagrados com seu priminhoXvidio madrinhameus sobrinhos conto erotico gaycontos minha noiva espiandokung puta bebada da minha cunhadaMeu Primo Me Decabaçou Sou Gaycontos erótico comi minha amiga qusndo fui estudarcasada rabuda conto eroticoDotado arronbando garota 19 aninhosCorno leva a mulher ao cinebolsoxvideo negra casada afastou o bebydou de lado pro marido mete pornoconto espiando transa do tiobuceta gegadeContos eroticosBuceta granderola na madrinha/contoContos eroticos seduzi a mae do meu amigo uma coroa bem recatada e dona de casaxvidio preza na ilhameu cachorro gostoso viril zoofilia históriascontos eroticos fudendo a mae travesticonto minha tia pelada no quintalContos de viadinho de shortinho socado querendo dar o cuafeminados de praia grande contatosmeu avô rasgou minha bucetadeu o c* não aguentou o cilindroIncesto de contos eroticos sou agora mulher do meu ex primo viuvocontos eróticos de bebados e drogados gayscontos quero ser corno secretodepois de eu ter me mastrupado depois de um tenpo comesei a goza isso e normalcontos de sexo chupadascontos gay 3 mendigosporno idoido na purberdade