Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA IRMÃ É UMA PUTA

bem meu nome é rafael tenho 19 anos; 1.70m suo moreno tenho 23cm de pica. mais vamos au que interesa eu sempre tive muito tezão pela minha irmã por causa da bunda dela que é muito grande muito mesmo, ela é muito linda e me disperta muita coriosidade, um certo dia eu acordei mais cedo e fui beber agua sendo que a geladeira fica perto do quarto da minha irmã que fica au lado da cozinha, quando vi pela brexa da porta minha irmã deitada de bruso com aquele bumdão pra cima com uma calcinha toda infiada na bunda eu não aguentei e bati uma punheta na hora gozei muito rapido de tanto tezão que tava. se aproximava ocarnaval minha mãe resolve viajar com sua irmã pro interio, e deixou eu e minha irmã sozinhos em casa logo quando chega a noite minha irmã resolvel sair aproveitando que minha mãe tava fora. eu fiquei sozinho em casa batendo punheta assistindo filme pono mais percebi que havia alguen mi olhando pela brexa da porta, direpente minha irmã entra sorrindo eu logo recolhi meu pal morendo de vergonha. quando leandra, mi desculpen é que minha irmã se chama leandra.bem voltamos oque interesa ela tomou banho e se deitou logo a pos mi chamou rafa vem ca irmão, eu estou com medo de dormi sozinha deita com migo falei opa claro irmã .quando já estavamos deitados ela falou eu vi você tocando punheta safado eu fiquei quieta sá observando. fiquei muito sem graça e falei pra ela esquecer oque vio. ela disse tudo bem isso é normal logo foi tomar banho por que fazia muito calor na quela noite . quamdo retornei au quarto mi deparo com aqueli rabão pra cima ela fingia ta dormindo eu percebi que ela queria alguma coisa, falei pra ela leandra chega pra la irmã pra min poder dormi sá que meu pau já estava latejando mas comseguir dormi, sá que no meio da madruga percebi que ela estava mechendo no meu pal achando que eu dormia logo fiquei muito ecitado ela pecebeu que eu estava acordano e parou e voutou a fingir que estava dormindo mi levantei e foi tomar agua ela quando voltei ela estava sem calcinha toda aberta fiquei louco pra gozar e comecei a bater punheta olhando pra quela bundona gigante cada vez mais ela abria aperna mostrando aqueli buraquinho do cuzinho dela percebi que ela queria fuder me deitei pelado e encostei minha perna na bunda dela logo ela encostou um pouco mais virei e joguei minha perna em cima dela encostando meu pal na quela bumda gorda e gostosa ela comesou rebola eu tava quase expludido de tesão quan derepente ela pega meu pal bem forte com as mãos e fala nunca tinha visto um pal tão grosso irmão por isso que eu voutei deixei meu namorado esperado sá pegar no seu pal então falei pode pegar chupar fazer o que quiser irmãzinha sá que ela disse não chupar agora não sei que voce tá morendo de tezão enfia esse pal de cavalo na minha buceta vai coloquei uma camizinha lubrifiquei bem mais nen presizava ela tava com a buceta toda melada, pus um traviseiro debaixo de sua barriga ficou com abumda toda aberta dai esfolei a cabeça da rola e escorreguei meu pal bem devagar emtrou todo na quela buceta ela ficou paralizada sá virando os olhos derepente ela começa a gemer e gozar sem que eu fizese algum movimento sá que a buceta dela ficou muito atolada escoria gozo de sua buceta como se fose uma vaca leitera, quano comecei socar ela pidio pra min para sá que eu estava louco comecei agozar muito gostoso enfiado por traz da quela bumda. logo a pos 10m voltamos a fuder eu luoco não parava de socar na quela buceta ela já não aguentava mais então então tirei meu pal de sua buceta e gozei na sua boca ela mal conseguia chupar meu pal mais bebeu toda minha gala depois ela falou meu irmão estou molinha toda acabada que pal é esse tão cedo não vou fuder depois ela dormiu. logo pela manhã quando eu acordo ela estava dinovo na quela posição debruçada na cama eu logo fiquei excitado mais ela não deixaria comer seu cuzinho, então peguei o remedio de fazer dormi da minha mãe e pus no suco levei até ela na cama ela falou oque uma buceta não faz em até suco na cama 5m depois ela voutou a dormi então lubrifiquei meu pal todinho e enfiei muito gostoso na quela bunda gorda gozei muito até que opal não aguentou mais. quando ela acordo falou logo você mi comeu dormindo né safado fez eu migar quase um litro de gala pelo cú. pasamos a fuder quase todo dia até hoje.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticosfudendo bucetinhas de dez anoscontos exitantes de sexo na marrra delicioso historias reaiscontos... me atrasei para casar pois estava sendo arregaçada por carios negoesesfregacao de rola contos amigos punheteirosMulher casada bunduda minha corriosidade contoscadela tarada contos zoofiliaconto de exibicionismo no barzinhonunca tinha chupado uma pica tao grande assimcontos erotico real na cidade de campinas esposa e estuprada na frente do maridoRex dando o cucontos esposa coroa come garoto cacetudopornô doido a tia convencia sobrinha a chupalaConto esposa de tampa sexocasa conto - eu minha namorada e sua amiga part 1contos eroticos dainfanciaconto eroticos gay com paicontos com fotos o guarda roupa da casada liberada do mansoO coroa com ele em cima da sua lancha ele me fuder conto eroticocontos eroticos jogo de cartas com a cunhada e a sogra juntasPorno contos incesto familia prazer total qualquer idademamae me deu seu cuzinhocontos eróticos insertos tiacontos eroticos droguei minha priminha ninfeta e comiContos eroticos pai espretado filha a tomar o banhocontos eroticos-estuprei minha irmacontos de coroa com novinhofodacommeucunhadoa minha primeira vez com sexo canino contosprimos e primas transando enquanto os pais saíram totalmente Pelotasamamentar o pedreiro contoscontos eroticos batendo punheta olhando pro cuzinho do nemino conto erotico colo do amigo do meu paiconto eroticos minha mae o pedreiroContos eróticos incesto teens tomando banho com meu paimeu pau se alojou bem no meio daquela bundinha contosdei meu cu pra um bebado desconhecido contos gayela e virgem e so da o cu contoscontos dando o cu antes dos dez anosCONTO O SEQUESTRADOR SEGUNDA PARTEsentando no colo do irmaocontos eroticos professoracontos eroticos peguei meu marido chupando os peitos da prima deleMinha esposa é muito gostosa mais eu entreguei ela para outro homemContos eroticos de esposa na estradaconto erotico sofreu no anal com outrocontos eroticos de negros em hospitaiscontos picante de casada sem calcinhaContos comendo a surdacontos eroticos de gay rabuda sendo arrombadoconto. tirandobo cabaço da minha namorada na frente da familia delamete mete contocom perdi minha virgindade com um policial contocontos eroticos o ventobuceta deespecialconosco toma a porra de. macho na. bucetahttp://googleweblight.com/?lite_url=http://okinawa-ufa.ru/conto-categoria_2_114_gays.html&ei=e8yqT8MC&lc=pt-BR&s=1&m=564&host=www.google.com.ar&f=1&gl=ar&q=Contos+Fudendo+um+hetero+com+o+cu+sujo&ts=1485672497&sig=AF9Nedkia2TWDM2T0ozn41vBE5bkl1pQLAminhas tias chupavao meu penis de 10cmpotranca de mini saia fodendocruzando o cu fechadinhoconto ru e minhas filhasconto de delegado que comeu cu de homem casadocontos pornos mamae carinhosacontos eróticos sogra pediu pra ver minha rolaContos fingindo dormirpegei a minha bisavo e ela deu o cuconto adoro um cu de gordacontos de sentadinha com o cuzinhofilme porno de saia curta botando uma pomba no cu e clorandoMulherbrasileira ensinando a filha, meter contoscontoseroticos comeu a namorada de calcinha fio dentalConto erotivo estupro veridicomulheres peladas com muita manteigaroupa de couro esposa contoscontos eróticos com mulher alemoaContos eroticos de fortaleza - peguei minha esposa me traindoporno patroa sentindo o cheiro no pescoço da babá