Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O CHEIRADOR DE CALCINHA

Sou Fernanda, tenho 55 anos, casada e foi ai que aconteceu comigo. Eu e minha família fomos passar um dias de férias na fazenda do meu sogro no interior do Estado do Rio de Janeiro. Com os dias ensolarados curtíamos cachoeira e a piscina da fazenda, estou bronzeadinha e com as marquinhas do meu biquíni, o meu marido fica “ enfemadinho “.

Todos os dias eu tiro a minha calcinha e coloco no cesto de roupas para lavar e quando fui colocar na maquina de lavar verifiquei que estava faltando duas calcinhas que me deixou encucada. Aquilo passou a ser uma rotina, o desaparecimento das minhas calcinhas, e passei a vigiar para descobrir. No mesmo horário de meu banho, tirei a minha calcinha e coloquei no cesto e fiquei de guarda!. Passou uma hora na espera quando vi o filho do caseiro abrir o cesto e pagar a minha calcinha. Segui ele a distância quando ele entrou no paiol de milho, era um quarto fechado com bambu e pela fresta da cerca observava ele cheirando a minha calcinha e tocando uma punheta, esperei e não demorou muito ele gozou e gozou, muita porra escorria do seu cacete. E assim foi passando os dias e as cenas se repetiam. Contei para o meu marido e ele passou a observar junto comigo, aquela cena me enchia de tesão e a minha buceta ficava enxarcada. Percebi o meu marido me encaixar por trás de pau duro e passar a sua mão sobre a minha buceta e com um leve toque bulia o meu clitáres, eu gozava muito vendo aquele rapaz se masturbar sentindo o meu cheiro, passei a sonhar com aquela pica grande me penetrando, era um gozo atrás do outro. Conversava com o meu marido procurando uma solução, sabia que algo tinha que acontecer. Meu marido percebia o tesão que aquilo esta me proporcionando e a vontade que eu estava para que algo acontecesse, foi ai que chegamos a uma solução. Era sexta feira a tarde quando o rapaz pegou a minha calcinha e se dirigiu para o paiol, esperei até o momento que ele estava para atingir o clímax e abri a porta do paiol, ele de cacete duro na mão não sabia o que fazer e tentava se justificar, eu olhei dentro dos seus olhos e não aguentei, passei a minha mãozinha no seu cacete, que latejava e estava muito quente, comecei a tocar uma punheta nele, era maravilhoso e pedi a ele para cheirar diretamente a minha buceta, me encostei na palha do milho, abri as pernas que já estava sem a calcinha e ele começo a me cheirar, sua língua friccionava o meu grelo no sentindo vai e vem e o seu dedo bulia o meu cuzinho e comecei a gozar, ele penetrava o meu buraquinho virgem, era uma coisa maravilhosa, um gozo duplo. Logo ele me colocou de quatro e me penetrou violentamente, sentia a pica toda dentro de mim e gozei sem parar . Apás alguns minutos, eu coloquei o seu cacete na minha boca e chupei até ele gozar, senti o seu gosto diferente.

A noite contei para o meu marido a nova experiência e me surpreendi quando ele me contou que assistiu tudo pela fresta da cerca. Parece mentira mas o nosso relacionamento melhorou muito apás esta experiência.

Sempre que vou a fazenda me recordo deste experiência, uma vez que o rapaz mudou para o Rio de Janeiro.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos dominado pela sograsubrinho ve tia fazendo sexo araz da portameu filho meu marido contos eroticosconto de professor dando.o cu por alunomulher doente mental conto eroticocontos eróticos de bebados e drogados gaysContos eroticos forçada a dar para um.cavalo na fazendacontos cu doceconto erótico as duasme tarandoHomem mais velho iniciando duas meninas novinhas as chupar pica contos eroticoscontos gays o novinho do futebolContos eroticos de mulher de salto e lingerie traindo o maridoa mulher do meu irmao putinhacontos eróticos de experiência bi de ninfetascontos eroticos com cu ragadosvizinha abrindo a cortina contosele fodeu na minha frentePedi que meu filho me depilou contos eroticosamoitado das morenas no baile funkcontos eroticos dei no velorio do meu maridoerotico dano para meu sogro e meu namoradocontos eróticos esposa e um amigo gayConto erotico minha sogra so anda de roupas curtacontos eroticos de sexo de coroas de 45 anos e garotos de 23contos eroticos comeram minha noiva e transformaram ela emquero uma menina cabelos longos escuros deitada na piscinawww.tias.de.fio.dental.sobrinho.nao.resisteestoria de cantos erotico novinha sentou no colo do Homem dentro do ônibus na viagemconto como foi que eu chupei a bucetinha de uma loirinha de cinco aninhoscontos eroticosdpdestruidor de cu contosas gostosas passando bronzeador no seu corpinho nadacontos comi minha avó fez para eu poder a buceta delacontos de incesto de maes treprando com filhoshistória e fotos sogra bêbada gosta de dar o c* e fazer b****** com genroEu quero uma menção tá subindo no Pau por favor calma tá chupando pauMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,delicia conto heteronovinha transando pela primeira vez e goza muito de queixoContos de masturbação com objetos no ginecologistacontos eróticos meu padrasto lambia minha buceta como loucowww contos eroticos como minha filha e minha mulherConto erotico cdzinha me deixou loucocontos eroticos casada pau pequenolouco pela minha prima contoque enteada pernadaconto erotico empregogordinha liberada de mini saia contoseu confesso so faltei esfregar a buceta nele e ele nao me comeucontos eroticos senhora bunduda com celulitesporno peguei mihna prima pelada no meio da casa varendocontos eroticos sou viciada na pica do meu filhocomi minha filha pensando que era a minha mulherhiatorias eroticas incestos ninfetinha inocentecontos eroticos no casino pagou com a mulherconto erotico cumi avelhinha da logacontos eroticos de crentescontos eroticos gay vadiacontos eróticos de professoras de cegoscontos porno com vigilantes mulhercontos heroticos gay meu primo de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anosfui roubada e comeram meu cuconto erotico amigas chupei cunhadaaos 60 anos dei a buceta pro menino de 15 contosvirgem tendo um orgasmo contos eroticosa casada gostou tanto da gosada dentro q quer bizContos eroticos pega a força por pmcontos menininha curiosa safadinhaconto erotico meu bezerro boqueteirotransando com padrasto Dona Toninhaconto lesbica humilhadavidios novinhas dos mamilps diros pontudosconto tio agarrou a moça e comeu elacontos gay travesti apostaContos eroticos de irman eirmaoamiguinhocontos