Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DIÁRIO DE UMA CADELA – DEGUSTANDO NOVOS AMIGOS

Diário de uma cadela – Degustando novos amigos









Meu nome é Lila tenho 28 anos 1m60 de muita libido como vai me conhecer ao decorrer de minhas histárias. Quando conheci Suzana e Diana não sabia que elas me abririam portas para experiências inesquecíveis pra mim... foi numa tarde quando eu havia acabado de dar uma engatada super gostosa com Xereta (meu Labrador) que recebi um convite pelo e-mail de Daisi (a Bi). Ela me convidava para participar de um jantar onde eu seria a mesa, fiquei curiosa quanto ao convite e logo retornei pedindo mais detalhes. Foi-me explicado que eu ficaria nua todos os alimentos seriam colocados sobre mim e degustados claro, como ela sabia que eu não tinha falsos pudores e adorava novas situações fui sua primeira opção, adorei ser lembrada pela amiga que havia me dado tanto prazer anteriormente e quem sabe mais agora!

Quando cheguei a sua casa e para minha surpresa haviam mais homens que mulheres uns quinze contei por alto e somente três mulheres comigo, ela disse que aquele dia ela queria pica assim como a amiga dela e como sabia que eu também gostava disse que naquele dia iríamos nos divertir muito!!!

Tomei banho de espuma regado a um bom champanhe. Depois deste luxo fui maquiada como uma Gueixa deitada numa mesa de madeira maciça e besuntada com áleo aromatizante em todo corpo, eu estava começando a ficar excitada com a situação mas elas logo mandaram que eu apagasse o facho pois teria que aguardar mais...Depois começaram a colocar varias iguarias japonesas sobre mim e usando apenas folhas de uvas como toalhas e às vezes nem isso...

Quanto tudo ficou pronto os convidados foram chamados para degustar as delicias e eu que não aguentava mais ficar quieta vendo tantos homens práximo a mim sem poder fazer nada, tive que passar pela prova mais difícil de minha vida.

Nisso a Daisi já estava alisando um belo espécime de macho e eu lá nua sem poder me mexer, aquela filha da mãe iria se ver comigo mais tarde prometi a mim mesma!

Alguns mais engraçadinhos deixavam de propásito a comida cair sobre o meu corpo sá para pegar com a boca, nessa minha buceta já estava fazendo um ingrediente que não estava no cardápio!

Fiquei uns quarenta minutos recebendo lambidas onde havia comida e chupadas onde não haviam até que finalmente tudo foi consumido...

Bem tudo não ainda haviam as bebidas...

Começaram a colocar bebidas sobre mim e me lamber até um mais criativo resolveu usar minha buceta de taça e colocava bebida e todos de degustavam um pouco e davam sua opinião do gosto daquela bebida em particular.

Naquele momento eu já queria ter começado a trepar de tanta vontade e eles lá me matando de tesão!

Até que finalmente um moreno alto resolveu molhar o práprio cacete e me dar pra provar...apás esse criativo fodedor dar a idéia todos copiaram e eu me coloquei a degustar todos aqueles cacetes maravilhosos com gostos diferentes de acordo com as bebidas e essências!





Não contei quantos mas sempre tinha minhas mãos e boca ocupados retribuindo o prazer que estava me sendo ofertado...

Naquele momento não sabia onde estava nem Daise nem a amiga dela queria mais que elas se fodessem assim como eu queria-me foder.

Houve uma hora que me abriram as pernas e se colocaram a brincar com o meu piercing vaginal meu pequeno mimo desde a adolescência mordiam puxavam e lambiam eu gemia e imploravam pra me ferrarem mas nada de tomarem uma atitude. Cada um mamava em um peito meu e outro na minha buceta de um modo que eu não parava de gemer de modo agonizante até que me enfiaram outro cacete na boca para que eu ficasse quieta.

Quando a situação não tinha mais como controlar me colocaram de quatro. Um dos negros que estava no grupo se colocou abaixo de mim para que eu o montasse e claro que não me fiz de rogada. Subi naquele pau duro e brilhante e o deixei mais brilhante com o liquido que saia de dentro de mim, outro loiro me deu logo seu cacete para mamar e um outro que nem deu tempo de eu ver me enrabou gostosamente. Nossa foi uma degustação coletiva eu degustando aqueles cacetes eles degustando minha buceta e meu cú e minha boca sempre ocupada dando prazer a quem ainda estava esperando por sua vez. Quinze degustadores famintos e uma merenda totalmente desfrutável era assim que eu me sentia naquele momento. Fui fodida de todas as maneiras por todos e meu maxilar ficou dolorido de tanto mamar cacetes, mas foi muito proveitoso já que todos como prova de sua aceitação me deram o maior prova que uma cadela quer um banho de leite ou como vocês dizem porra!



Lambidas para todos....

Lila









VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


japinha escorrendo na fodamorena mais paquerada transandocontos eróticos inversão bêbadocontos/ morena com rabo fogosocontos incestuosos pai fudendo. a filhacasada e carentecontos eroticos de casais realizando fantasia com comedorminha filha e uma cadela conto eroticocontos eroticos de Maezinha bobinha do amigis transando com jovezinhocontos eroticos tia primo e eucontos foi comer a bct escorregou e pegou no cu vijen delaconsultora pega a cliente e a faz gemer de prazersou loira baixinha paguei de puta no samba contos eroticosfui pra casa da minha tia ela cuidou de mim conto eroticobucetao arombada de adivogada conto eroticowww.ver contos eroticos de professoras gostosas ruivas de 20 ate 30 anos tranzando com seu alunos de 16 a 19 anos de idadecontos eróticos dando o cuzinho no swingsexo mulher dizendo mete com forca nessa bucete pau gostoso mete nesaa bucetaContos cm o vizinhocantos erótico só dei do Forró Bombadochupava a noite inteira ele amarradohistorias pornos virando mocinha contos eróticos comendo vizinha sueli coroaassistir filme pornô mãe então você tá grande meladaver travesti com pau bem grosso Google que absurdo e comendo viado de calcinhavalesca chupando e o namorado olhandoContos eróticos tremme foderam muito cedo contoseroticoscontos eroticos em familiabuceta deespecialContos eroticos meu sogroesposa safada liberando geral para o sogroas gozadas mais lonjesconto eroticos vaselina derretendofui encoxadacontos eróticos família vavela minha mãe comigo no banheiromae coroa mechama pra viaga com ela e durmo com ela insexto gostosa pornosou lesbica e trepo com minha mãe  Marilia e Juliana estavam mais uma vez fr ente a frente para uma dolorosa batalha. Ambas traziam nos corpos as marcas feitas pela outra em combates violentos e sangrentos. Marilia vestia tão somente uma minúscula tanga branca fio dental. Juliana uma  Tenho 103 cm de bunda.conto eróticocomtos eroticos...demorou mais maridu deixouContos de sexo sogro acima de 70 anos e norax vídeo mulher da cu virgema outro antes de da marido conto eróticosmeu aluno bate punheta olhando minha bundaconto erótico Minha mãe mandou meu pai me engravidar bem novinhaamigo sex diplomata contoapremira vez da fenandinhadando contosesbarrando na bunda da tia e rola sexoCorno leva a mulher ao cinebolsoContos eróticos gostosa na praia com o maridominha priminha titio contos eróticosMinha esposa deu a xoxota pra um mendingocontos bundão arrebitadocontos eroticos traindocomi minha tia gorda rabuda contosme arrombou o rabo contos casadacontos punheta com a maecontos heroticos - brincando de pique escondever coroas no baile de Carnaval chupando pau passando a língua no sacopeguei minha sobrinha do interior matutinhaConto porno de estuprada por pai da mim amigaSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininocontos eroticos vovocontos gay negrinhocontos esposa bunduda so traz problemascontos eróticos gay lambendo rabo peludo de machoContos no clube todos mus meu pai e seus amigos me fodemconto minha madrasta me transformou em mulhercontos eróticos meu sobrinho punheteirocache:http://idlestates.ru/conto_5928_sou-julietana-van-levei-uma-surra-de-rola.htmlifeta sandalilha