Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

DIÁRIO DE UMA CADELA – DEGUSTANDO NOVOS AMIGOS

Diário de uma cadela – Degustando novos amigos









Meu nome é Lila tenho 28 anos 1m60 de muita libido como vai me conhecer ao decorrer de minhas histárias. Quando conheci Suzana e Diana não sabia que elas me abririam portas para experiências inesquecíveis pra mim... foi numa tarde quando eu havia acabado de dar uma engatada super gostosa com Xereta (meu Labrador) que recebi um convite pelo e-mail de Daisi (a Bi). Ela me convidava para participar de um jantar onde eu seria a mesa, fiquei curiosa quanto ao convite e logo retornei pedindo mais detalhes. Foi-me explicado que eu ficaria nua todos os alimentos seriam colocados sobre mim e degustados claro, como ela sabia que eu não tinha falsos pudores e adorava novas situações fui sua primeira opção, adorei ser lembrada pela amiga que havia me dado tanto prazer anteriormente e quem sabe mais agora!

Quando cheguei a sua casa e para minha surpresa haviam mais homens que mulheres uns quinze contei por alto e somente três mulheres comigo, ela disse que aquele dia ela queria pica assim como a amiga dela e como sabia que eu também gostava disse que naquele dia iríamos nos divertir muito!!!

Tomei banho de espuma regado a um bom champanhe. Depois deste luxo fui maquiada como uma Gueixa deitada numa mesa de madeira maciça e besuntada com áleo aromatizante em todo corpo, eu estava começando a ficar excitada com a situação mas elas logo mandaram que eu apagasse o facho pois teria que aguardar mais...Depois começaram a colocar varias iguarias japonesas sobre mim e usando apenas folhas de uvas como toalhas e às vezes nem isso...

Quanto tudo ficou pronto os convidados foram chamados para degustar as delicias e eu que não aguentava mais ficar quieta vendo tantos homens práximo a mim sem poder fazer nada, tive que passar pela prova mais difícil de minha vida.

Nisso a Daisi já estava alisando um belo espécime de macho e eu lá nua sem poder me mexer, aquela filha da mãe iria se ver comigo mais tarde prometi a mim mesma!

Alguns mais engraçadinhos deixavam de propásito a comida cair sobre o meu corpo sá para pegar com a boca, nessa minha buceta já estava fazendo um ingrediente que não estava no cardápio!

Fiquei uns quarenta minutos recebendo lambidas onde havia comida e chupadas onde não haviam até que finalmente tudo foi consumido...

Bem tudo não ainda haviam as bebidas...

Começaram a colocar bebidas sobre mim e me lamber até um mais criativo resolveu usar minha buceta de taça e colocava bebida e todos de degustavam um pouco e davam sua opinião do gosto daquela bebida em particular.

Naquele momento eu já queria ter começado a trepar de tanta vontade e eles lá me matando de tesão!

Até que finalmente um moreno alto resolveu molhar o práprio cacete e me dar pra provar...apás esse criativo fodedor dar a idéia todos copiaram e eu me coloquei a degustar todos aqueles cacetes maravilhosos com gostos diferentes de acordo com as bebidas e essências!





Não contei quantos mas sempre tinha minhas mãos e boca ocupados retribuindo o prazer que estava me sendo ofertado...

Naquele momento não sabia onde estava nem Daise nem a amiga dela queria mais que elas se fodessem assim como eu queria-me foder.

Houve uma hora que me abriram as pernas e se colocaram a brincar com o meu piercing vaginal meu pequeno mimo desde a adolescência mordiam puxavam e lambiam eu gemia e imploravam pra me ferrarem mas nada de tomarem uma atitude. Cada um mamava em um peito meu e outro na minha buceta de um modo que eu não parava de gemer de modo agonizante até que me enfiaram outro cacete na boca para que eu ficasse quieta.

Quando a situação não tinha mais como controlar me colocaram de quatro. Um dos negros que estava no grupo se colocou abaixo de mim para que eu o montasse e claro que não me fiz de rogada. Subi naquele pau duro e brilhante e o deixei mais brilhante com o liquido que saia de dentro de mim, outro loiro me deu logo seu cacete para mamar e um outro que nem deu tempo de eu ver me enrabou gostosamente. Nossa foi uma degustação coletiva eu degustando aqueles cacetes eles degustando minha buceta e meu cú e minha boca sempre ocupada dando prazer a quem ainda estava esperando por sua vez. Quinze degustadores famintos e uma merenda totalmente desfrutável era assim que eu me sentia naquele momento. Fui fodida de todas as maneiras por todos e meu maxilar ficou dolorido de tanto mamar cacetes, mas foi muito proveitoso já que todos como prova de sua aceitação me deram o maior prova que uma cadela quer um banho de leite ou como vocês dizem porra!



Lambidas para todos....

Lila









VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


flagrei minha enteada de babydollMeu Primo Me Decabaçou Sou Gayminha sobrinha me chupou enquanto eu dormiavai cunhadinha goza na minha bocaquase matei amiga da minha mae contoscontos gay brincadeira de luta comi meu irmãozinho"cabelo na perereca"Contos entiadas apanhando para submeter ao sexocontos eróticos deixei meu dog lamber meu pênisconto sobrinho engravida tia casadaconto mandei fazer fila pra mim chuparContos de ninfetas que levantam com vontade de da o rabocontos eroticos comendo noracontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosContoseroticos novinha magrinha virgem estupradas pelo tioa primeira f*** com travesticontos eroticos colega da faculdadedona florinda so ela dona florinda vaginaamiguinho do filho contos eroti,oscontos eróticos com o genroamiguinha da minha filha me chupouVelhos na farmácia chupando seios contos eróticoscontos gay chorei na pica do meu irmão violentocontos de putarias gays/ flagrei o meu amigo comendo o cu de seu filho veadinhocontos eroticos gay meu tio de dezenove anos me enrabou dormindo quando eu tinha dez anoseu estava raspada contos de esposa acanhadaminha amiga pervertidaquero ver menininho dançando com shortinho dando moledando mama para o vaqueiro no pasto contoscontos eróticos afro ménage contos de incestos e surubas com minha irma e minha mulher nudismo na piscinaMeu irmão mandou eu deitar com eleconto com teens fudrndo as duas sobrinhas de dez e doze anosconto gay negro pediu o branquinho em namorocontos eroticos a tres corno mesma camapiquinique em familia contos eroticoscontos de lesbianismo no acampamento de escoteirascontos fiz o cuzinho da mamãeconto.erotico..casada.18..anoschantajiei minha irma peituda para tranzaContos eroticos transcontos gay infanciacontos de lesbicas coroasSsssssss aaaaaaaiiiiiiiii gostoso gay transandoContos filho deixa mae so de calcinhaas pamteras se fudeu rola crossa no cucontos gay afeminadoscontos minha mulher colocou bolinhas no meu cuContos de primas novinhas com desejo e muito tesão.conto cutuquei pai na bundia delacontos eroticos ItapetiningaConto porno de estuprada por pai da mim amigacontos eroticos peluda fedidacontos eroticos trai meu marido com meu chefeEngolindo a piroca do irmozinho contoseroticosconto nudismo arombado mulhersexo com vizinha muito rabuda vigiadoconto erótico novinho escondidi escurocumi a bucrtina contos eroticosa maninha me chomo pra tomar banho com ela minha primeira vezComtos eroticos dei pro tio jorge com pau minusculoconto eróticos puta de salinascontos eróticos perdeu aposta e teve que dar para traverticontos eroticos sogra de 65anosjogadora de pau pau de borracha na bucetinha da norabrincadeiras no escurinho conto eroticocontos chupando o pau do tio da crecsubindo na escada de saia para ajuda pintor pornocontos eróticos o cuzinho da Giseleiniciando um cuzinho virgem contoscontos erotico os mininos comerao meu cu guando ajente brincavacontos eróticos comi minha sogra num domingo