Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VESTINDO LINGERIE DAS IRMÃS -PARTE 1

Oi gente, prazer... Podem me chamar de Veronica, tenho 20 anos, vou contar pra vocês como foi minha primeira vez, como mulher. Eu tenho uma mania, sabe... Me visto sempre de mulher, quando não tem ninguém em casa, me tranco em casa e me visto com calcinhas de minhas irmãs, sempre me vestia de calcinha e sutiã, com um vestido por cima, acabei me viciando em fazer isso, todos os dias dava um jeito de ir ate o guarda roupa de minha irmã Bruna, que tinha varias calcinhas tipo fio, bem sexy por sinal, nossa a calcinha dela entrava direitinho em mim. Comecei a dormi usando elas. Ficava observando Bruna toda vez que ela passava perto de mim, via a marca da calcinha dela no seu corpo e que bunda que ela tinha, isso me deixava mais excitado cada vez que vestia uma calcinha dela, me imaginava sendo Bruna, com aquele bumbum maravilhoso sendo metido.rnCerta vez, Bruna viajou juntamente com meus pais, fiquei sozinho em casa, sorte que Bruna deixou algumas peças dela em casa, fui lá no guarda roupa dela, peguei um dos vestidos e uma de suas calcinhas e sutiã e me vesti, como eu estava sozinho em casa acabei vestindo um de seus vestidos, passei o dia todo de usando tubinho. Não sei o que deu em mim que já estava morrendo de vontade de me sentir mulher de verdade e dar pra um macho. Já era a noite e resolvi dormi com um dos vestidos de minha irmã, um vestido preto todo rendado e também, vestido com uma de suas lingeries que era bem sexy por sinal, acabou que dormi e não percebi que já era de manhã. Quando de repente, sem que eu percebesse Fabio que era amigo da família entra na casa, nem me lembrava que Fábio ainda tinha a chave da casa, ele entra em todos os cômodos procurando por alguém, ate chegar em meu quarto que estava com a porta aberta e me vê vestido de Bruna deitado na cama, sem pestanejar ele começa a deitar por cima de mim, roçando seu pinto em mim, seu pau deslizava pra lá e pra cá, foi aí que acabei acordando, fiquei sem palavras na hora, a minha única reação foi deixa-lo continuar roçar seu pinto na minha bunda ate que de repente, Fabio, começou a descer a lingerie que eu usava com seu pinto, Foi quando ele me disse ? Hummm, que ser sua irmã, ne seu veadinho, então toma?.. Num vai e vem intenso, seu pinto ia me penetrando cada vez mais, meu cuzinho estava sendo comido pela primeira vez, comecei a sentir dor, até que finalmente sentir a cabeça de seu pau entrando bem devagar no meu cuzinho, Fabio a cada penetração me chamava de Bruna e perguntava se eu estava gostando, institivamente comecei a abrir mais as pernas pra facilitar a penetração, quando percebi que Fábio acabou gozando no meu cuzinho, ele começou a limpar a porra de seu pau na minha bunda, me deixando todo melado, ficamos um bom tempo na cama ainda, estava adorando aquele momento, mais tudo que é bom dura pouco, No outro dia, como ainda era sábado e Bruna mais mamãe sá iam chegar domingo a noite, corri pro guarda roupa e vesti uma camiseta de Bruna, por baixo da camiseta branca um sutiã com bojo todo florido e um shortinho jeans, ao me ver vestido de Bruna Fábio pediu que eu também passasse um dos batons de Bruna em minha boca, nossa minha boca ficou com uma sensação estranha, mais, ao mesmo tempo deliciosa. Fábio me abraçou forte e me levou ate o quarto de Bruna, lá ele me disse que ele iria me comer como faria com Bruna, aí me pediu pra ajoelhar no chão e abrir o zíper de sua calça, sem pensar duas vezes acabei o obedecendo, tirei aquele pinto enorme pra fora da calça, nossa...aquele pinto crescia entre meus dedos, foi ai que Fábio pediu pra mim chupar seu pau, não. . . Não, tenho coragem disse pra ele, então ta disse Fábio ai começou ele mesmo a xaqualhar seu pau, ai ao perceber que ia gozar pediu pra mim abrir a boca, foi quando um jato enorme e grosso de porra veio a cair dentro da minha boca, fiquei com nojo na hora, mais Fábio me dizia que se eu não engolisse a porra ia contar pra minha família, nisso já viu né, tive que engolir a porra quentinha de Fábio logo em seguida ele começou a tirar a roupas de Bruna que eu vestia me deixando somente de calcinha e sutiã, nesse momento começou a passar seu pau em meu corpo me deixando todo meladinho, depois pediu que eu deitasse na cama de Bruna, desceu minha calcinha, começou a enfiar seus dedos um por um em meu cuzinho, depois deitou-se sobre mim já com o pinto duro, institivamente abrir as minhas pernas e o deixei penetrar, num vai e vem intenso, a cada estocada meu cuzinho piscava pedindo rola ele me dava varias estocadas, eu gemia muito, nossa...acabamos dormindo peladinhos na cama de Bruna naquele dia, estava tudo indo muito bem, no outro dia ao acordar achando que estávamos sozinhos vou a cozinha de camiseta e calcinha e vejo Bruna minha irmã tomando café, ela acaba me vendo com suas roupas, aí nesse momento ela se levanta e diz no meu ouvido que tinha chegado mais cedo e que me viu mulher dando pra Fábio e que iria contar pra mamãe se não a deixasse ver, minha festinha particular com Fábio mais esse conto fica pra outro dia.rn

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


encarei 30cm contoschupei minha netinha contos eróticoscontos eróticos trair namorado atrãocontos-você mete teu pau no meu cuzinhouma dp muita dor mais deliciosa conto.zoofilia em canilConto podolatria gay o chulé do loiroamiguinhocontosconto eróticos comi minha prima mae solteira carenteso sadomasoquismo com maridos violentos contos eroticoscontos eróticos na saída do paredão comendo c* virgemcontos de gay sendo humilhado pelos pauzudocontos de incestos detei de conchinha fiquei de pau durocontos eroticoso titia chupa sobrinhavideo di japonesas e travestis dorminoFODA GRAVE arrombando ninfetinhamasturbando no banho ponhou nangueira de agua na bucetacontos eroticos comendo o cachorro da rua"contos eroticos" duas cunhadascontos minha tia viuva sua amiguinhaas coroa metendo a casa do corpo da pulsoaprendi dar o cu com meu genro contoscontos sogra punhetapeguei a minha atual namorado chupando a buceta da minha excontos eroticos de duas irmconto pai comprado calcinha para filha virgemQuero um homem que chupe minhas tetas quando chega do trabalho e pra dormimeu tio me encoxou no onibus contoamanda boquete contosconto érotico patroa loira fucionario negrocomia mae contosNossos filhos nos flagraram... mas gostamos! contos eróticosconto erotico com crenteRelato picante sexo no estacionamento do shoppinggozando pelo cu contos eróticospapai tirou meu cabaçi videos mobileMinha esposa arregaçadasrelatos erotico sogro na praiaconto flagrado com a calcinha enrolada no paucomi a mulher estrupada do traficante contos eroticotravesti jhuly hillscontos eróticos no carro com meu paiminha irmanzinha gost fica olhando eu bater aquela ponheta no banhohistorias heroticas detalhistas de peitudas gostosasfingi que dormia pra ver ela meter contoscontos com teen fodida aos onze anos por tres roludosandreia baixinha tranzando e tamirisconto policial comeu.minha mulhercontos eróticos di mulher tou com fome.di picacontos eróticos de gay e titio e amigopornô o homem que nuca viu uma boceta quando viu endoidoucomendo o primo e olhando pela janela contos armei uu estupro pra minha sogra e pra minha esposaContos eroticos humilhadaRelato de zoofilia dando o cabaço pro burrocontos casada titio me comeu. na marraconto nao aguentei e fudi minha sobrinha de oito anosNovinha e chantageada.contoscontos policiais fudendo presoscontos dei u cu com cinco anosconto peguei meu marido estrupando a vizinhacontos comi a mha filha novinha virgemrelatos cuzinho na marracontos eroticos amiga seduz sua amigacontos eroticos de mulher casada cagonameu gringo gostoso me chupouContoseroticosprimeiravezconto erotico casada com dupla penetraçãocache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos eroticos sogra de camisolacontos eroticos estupradaConto morena 37 anoswww.tias.de.fio.dental.sobrinho.nao.resisteprima renata parte 1 contoscontos velha casada fudendoContos de sexo... A mini saia mal cobria a bunda delacamiseta e sem calcinha contosconto com onze anos trepei gostoso com meu padrasto que gozou na minha buceta inchadaconto aquela mulher mexeu na minha buceta cu teenContos eroticos gay iniciado pela maequad erotico a apostaaiiao taradomae amigos contos eroticosContos de primas novinhas com desejo e muito tesão.dei o cu pro pastor,contosconto erotico de entidas e gravidaconto de casada com preso que fazer por uma pirocaUma esposa saciada pelo negão casadoscontosmeirinha chupando dentro do carroconto comi uma velha crentemamae linda e brava/contosmeu marido me arombou a xoxotapeitinhu durinho pornocontos erotica de estrupamento de ninfetosDividi namorado comeu buceta contoseu confesso mijocasa do conto minha filha sentou no meu colo de mini saiaChat Amo sexoavivo