Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

COMENDO UMA "DESCONHECIDA"!

Olá meu nome é Eduardo e tenho 19 anos atualmente. Bom, meu corpo é aceitável eu acredito, tenho 1,75m de altura e 63kg. Moro



na capital de São Paulo, lugar onde tive está experiência incrível. Talvez não seja tão impressionante para muitos leitores



aciduos deste site mas vamos ao que interessa. Como de costume, eu estava em um shopping na região oeste aqui da capital,



conversando com uns amigos como era de costume eu fazer quase todos os dias, pois estudava em um colégio muito práximo do



local, quando ao olhar destraído ao redor do grupo em que eu estava, vejo que uma garota, que estava possívelmente



acompanhada de uma amiga, olhava insistentemente para o local onde eu estava. Eu achei interessante o jeito vidrado como ela



me olhava, parecia que havia sido hipnotizada por algo (ou alguém) que estava em nosso grupo, que mais tarde eu fui descobrir



que se tratava de mim mesmo. Acho que eu acabei ficando paralisado olhando para aquela garota também, não era para menos, com



aqueles cabelos longos de cor escura, aquela garota simplesmente faria eu me render a uma ereção se eu não estivesse em um



local tão movimentado quanto aquele. E então, como era de se esperar, um amigo meu resolveu chamá-la para que pudessemos



talvez fazer uma nova amizade. Era inevitável tentar apenas uma amizade, então um de meus amigos, mais do que rápido tentou



beijá-la, mas para minha surpresa um NÃO veio logo em seguida quando observei que ele era firmemente rejeitado por aquela



menina que concerteza estaria em meu pensamento em muitos momentos de excitação. Ela chamava-se Bianca e tinha 19 anos e sua



amiga chamava-se Gabi. Ficava claro que ela roubava toda a atenção pois ninguém teve sequer um mínimo interesse em sua amiga. Andamos e conversamos um pouco e ao ter que ir embora, trocamos endereços do MSN para mantermos contato em outro momento. Ao chegar em



casa, conectei a internet para falar com os amigos e para minha surpresa lá estava um pedido para que eu a aceitasse em minha



lista de contatos. Eu aceitei seu pedido e logo começamos a conversar. A conversa foi rolando e entre minhas indiretas surgiu



o que eu menos esperava; ela não aceitou ficar com meu amigo porque disse que era de mim que estava afim. Ouvi aquilo com



alegria e logo no outro dia marcamos para nos encontrarmos no mesmo shopping. Ao chegar lá fomos dar uma volta e quando



estavamos passando em frente a área de banheiros eu disse a ela que gostaria de parar para beber agua em um bebedouro que



havia por ali, então fomos. Depois de beber a água fomos saindo por um corredor que nos levaria novamente a sessão das lojas,



e então parei derrepente e ela logo a meu lado. Olhei naqueles olhos por alguns segundos e então beijei aquela boca que



talvez tenha deixado meu pau mais duro do que deveria naquele momento. Ela ficou surpresa mais gostou da minha reação, e



então perguntou (o que eu por um momento não acreditei estar ouvindo aquilo) se eu gostaria de ir até sua casa. Não entendi



bem como tinhamos tanta afinidade logo no primeiro dia em que ficavamos, mas claro que aceitei o convite. Seus pais iriam



busca-lá no shopping às 18:00 hs e então ela me apresentaria como um amigo, o que não ficaria muito estranho já que muitos



amigos e amigas frequentavam a sua casa quase todos os dias. Quando seus pais chegaram, eu a Bianca e a Gabi entramos no



carro e partimos para a casa da Bianca. Ao chegar lá, conheci seus familiares e logo me senti a vontade pois todos foram



muito simpáticos comigo me deixando super à vontade. Sua amiga, como a Bianca mesmo me disse, ficava o tempo todo na internet



o que nos deixava boa parte do tempo sozinhos. Bianca falou que iria até o quintal para ficarmos conversando e então saimos.



Chegando lá fora, ficamos em uma área perto de uma churrasqueira onde aparentemente haviam reuniões nos finais de semana.



Estava com pouca luz naquele momento, apenas a luz da lua naquele horário eu diria. Sentamos em umas cadeiras que estavam por



lá, e ficamos conversando, e entre uma conversa e outra começamos a nos beijar e o amasso foi ficando quente. Eu não esperava



que logo no primeiro encontro teriamos tanta afinidade e aproximação assim, mas confesso que estava adorando. Eu passava a



mão por todo o seu corpo ainda por cima de sua roupa, quando de repente estavamos tão práximos que puxei ela para cima de mim, e



ela sentou de frente para mim em cima das minhas pernas, e pude sentir o meu pau que já estava latejando, encaixar no meio



daquela bundinha gostosa. Ela gemia baixinho enquanto eu beijava e chuva o seu pescoço. As chupadas foram ficando mais fortes



e eu então eu começei a descer minha boca no meio do seu decote. Fui chegando pertinho daqueles peitinhos que eu ja imaginava



serem lindos e com uns biquinhos muito gostosos. Começei a passar a mão neles, e a levantar sua blusinha. Deixei ela apenas



de sutiã e o medo de que alguém nos pegasse foi tomando conta de mim, mas isso não me desmotivou. Fui chupando seus peitinhos



mas sem tirar seu sutiã, quando em um momento cheguei pertinho dos biquinhos, abaixei um dos lados de seu sutiã com a mão e



pudi ver aquele biquinho delicioso. Não aguentei e cai de boca naquele peito maravilhoso, eu alternava entre chupadas fortes



e intensas e mordidinhas de leve. Ela gemia bem baixinho e pedia para que eu fudesse a sua bucetinha. Imaginei que não daria



para tirarmos a roupa ali, pois a qualquer momento poderiam nos descobrir. Então pedi para que ela ajoelhasse e abrisse minha



calça, o que ela fez sem qualquer demora. Ao abrir pode ver o volume que fazia o meu pau na minha cueca, então foi abaixando



devagarinho, até que a cabeça da minha rola ficou para fora, bem pertinho daquela boca gostosa. Eu pedi para que ela chupasse



um pouquinho e então ela colocou tudinho na boca e começou a chupar que nem um putinha, eu estava adorando. Depois de alguns



minutos assim, me levantei e pedi para que ela abrisse sua calça também. Pedi para que ela debruçasse em um armário que tinha



ali perto, e abaixei sua calça e pude ver aquele rabinho gostoso, que estava com uma calçinha super pequena e enfiadinha



naquele cuzinho que devia ser uma delicia. Falei que estava sem camisinha naquele momento, então ela disse para que eu



fudesse seu cuzinho, já que tinha medo de fazer na bucetinha sem camisinha. Eu atendi seu pedido na hora, e fui logo



abaixando sua calçinha, abri bem aquela bundinha gostosa, e vi aquele cuzinho lindo, molhei um pouco meus dedos com o liquido



da sua buceta e então passei no seu cuzinho para que pudesse fuder mais fácil. Encaixei meu pau na entradinha do seu cuzinho



e então começei a pressionar devagar. Ela gemia baixinho e falava para que eu fosse devagar pois ainda era virgem. Fui



enfiando devagar e depois que a cabeça do meu pau entrou, enfiei tudinho de uma vez o que quase arranca um grito da Bianca. Fiquei fodendo aquele rabo gostoso, até que ela pediu que eu gozasse dentro do seu cu. Eu já não estava mais aguentando de tanto tesão e então derramei todinha minha porra dentro daquele cuzinho maravilhoso. Sem que pudesse reagir, começei a enfiar meu pau todo melado naquela buceta que a essa hora já estava toda encharcada. No começo ela resistiu um pouco, mas depois sedeu e as estocadas foram ficando mais fortes, e eu estava ali no seu quintal comendo aquele bucetinha maravilhosa e ela gemendo baixinho para mim. Ficamos fodendo um bom tempo e depois de eu gozar mais um vez resolvemos para naquele momento para que não desconfiassem da nossa demora lá fora. Esse foi um dos dias mais maravilhosos da minha vida, e hoje Eu e Bianca namoramos a quase um ano, e estamos muito felizes. Sempre que podemos damos uma escapada no mesmo cantinho quando estamos em sua casa. Espero que tenham gostado e em breve venho contar mais experiências que tivemos.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eroticos minha filha aguentou toda minha pica de jegueconto chama o izinho q o corno saiucontos eroticos comendo uma carcereiraCorno em calcinha contowww.contos eroticos minha irma caçula da cu pro meu marido bem dotadocontos eroticos fazendo troca troca quando meninoWww contos com fotos d putinha casadas d juazeiro ba.comdandoprocaipiraVilma metendo dos friston sem ser em desenho o vídeo erótico metendo sem ser em desenhocontos trocando sexo por TCCcontos estava louco pra dar o cu acabei dandocontos eroticos pauzudo comendo professora lindafoto de travestis arreganhadas de frentecontos minha mulher foi fodida na praça por estranhoscontos incesto engravidando a tiacontos gay o menino que era um femea escondidomanuela pedreiro contos eroticoscantos eroticos de casada dando o cu vergicontos eroticos virgem se masturbandorapazes peladoes se exercitando na academiacontos eroticos estrupocontos eroticos gay 13 aninhoscontos minha enteada minha amanteContos, casada mal comidacontos menage com loira e morenacontos eroticos amigo gay experimentou meu biquinecontos eroticos peguei minha traindo meu no depósitomeu compadre tem fantasia herotica cm migo o q devo fazerconto erotico papai me passou a rolaconto erotico patrao pauzudo do marido comeu eu e minha filhaconro erotico gay meu tio alopradoconto tio agarrou a moça e comeu elacontos erotico mamae fez papai me comerWww. meu tío comeu meu cualChantagem com mulher de salto conto eroticoContos de novinha safadarelatos comi na marracontos eróticos consolo pau e plugreal conto cunhadoconto sexo casada chicao pretocontos eroticos gay meu pai me comeucontos eroticos sou casada ,eu sobrinho pedrinho parte 4mulher madura em casa fazendo faxina bem à vontade sem roupa ou com roupa calcinha transparentecontos eróticos flagra na esposa a vingançacontos minha mae gravida de baby dollcontos eróticos comendo vizinha sueli coroaPorno conto filha mama pai desde pequenaputa irmão contocontos minha namorada tem a buceta arrombadacontos erotico uma buceta peludacontos eróticos locador com comeu a inquilinacache:lzLFg49SSUgJ:biz-kon24.ru/conto_1039_fim-de-semana-com-titia-e-empregadas.html filhos vendo a mae transar com outos homenscontos eroticosgordinho cagando na vara conto eroticoscontos minha esposa grávida chupa pauconto eroticos maecontos meninas custosas bucetascontos eróticos de irmãosConto erotico novinha.pediu pra passar bromseadorconto gay velhocontos eróticos ele disse xingamentos porradacontos incestos eu e meu irmão fizemos uma s***** com minha sogra em minha casacontos heroticos de mulheres casadas de manausconto erotico dei meu cu em um.lugar inuzitadocontoseroticos presidiomeu marido nao sabe o que sou capazcontos de sexo gay insesto depilaçãome arrombou o rabo contos casadacontos eroticos cdzinha virei menina pra agradar meu donofoi chantageada pelo meu colega de trabalhocontos eroticos viadosora minha sogra com pica no cucontos massagem colegaContos eroricos esturpo seios mordidas