Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA PRIMA

Oi meu nome e zeca este e o segundo conto que vou relatar para vcs que Tb e um conto verídico .

Hoje estou com 37 anos e sou muito sacana adoro mulheres estou separado. Estou morando no interior no norte de minas e moro com meus pais .

Eu tenho uma prima vamos chama-la de Julia ela e casada com um primo meu a Julia deve Ter mais ou menos 1,60 de altura e deve pesa ums 52kg e dona de um par de peito de dar inveja em qualquer modelo não dar para descrever tem uma cinturinha fininha e um par de coxas bem torneados branquinhas uma bundinha durinha alem de ser Tb muito bonita enfim e uma coisa de louco e ela Tb e muito safadinha pq meu primo era casado e ela teve um caso com ela e ele se separou e foi morar com ela, não consigo contar quantas vezes já bati punheta para ela e simplesmente um show de mulher mais nunca pensei que tivesse alguma possibilidade de acontecer alguma coisa com a gente somos muito amigos frequento a casa deles e eles a minha sou ate compadre do marido dela meu primo uma vez que batizei a filha dele do primeiro casamento.

Foi numa Sexta feira meu primo teve que fazer uma viajem ate a capital e sá retornaria na segunda-feira e a minha prima iria dormir estes dias na casa dos pais dela meus tios. Bom era mais ou menos umas 7 horas da noite estava em casa e minha priminha me pediu para ir a casa dela com ela para que ela pudesse tomar um banho e tratar do cachorro uma vez que ele era acostumado comigo me prontifiquei ma hora sem a menor maldade apesar do tesão que tinha por ela algumas vez ela já me pegou olhando para seu peito sua bunda mais eu já tinha ouvido ela falar com uma amiga que não se importava com isto Tb com aquela beleza toda era mais que normal que todos olhassem .

Chegando na casa dela fomos tratar do cachorro e depois ela ligou a TV e falou que eu ficasse a vontade que ela iria tomar um banho rápido para irmos embora falei que estava tudo bem e fui ver TV o banheiro da casa deles e no corredor e da enfrente a sala de televisão e tem aquelas fechadura antiga com o buraco da chave grande não resistir esperei ela ligar o chuveiro e fui dar uma espiadinha não poderia perder aquela oportunidade de vê aquela deusa nua e me posicionei para Ter o melhor angulo ela tirou a roupa ficando sá de calcinha e entrou no chuveiro pensei será que sou tão fechado que ela vai tomar banho de calcinha mais não era e que ela ia lavar a calcinha quando ela tirou a calcinha eu já estava quase gozando com aquela visão toda ela tem uma bucetinha quase careca sá com um bigodinho encima meu deus aquela visão para mim já estava par La de bom era a melhor punheta que já tinha batido na minha vida ela passando sabonete pela corpo que visão linda estava tendo quando derepente ela olha fixo para o buraco esfriei todo tinha certeza que ela sabia que eu estava ali guardei meu pinto que começou a molecer e fui correndo para o sofá todo sem graça puta merda o que será que ela esta pensando de mim agora fiquei alguns minutos pensando pensei ate em ir embora e fui ficando La sem saber o que fazer e ela nada de sair do banheiro pensei mil coisa que ela estava com vergonha pensei tudo de ruim ate que criei coragem e fui dar uma olhada no que estava acontecendo quando olhei tive a visão mais bonita da minha vida aquela linda mulher com uma perna no chão e a outra encima do vasa e com o cabo da escova de cabelo enfiando na buceta enfiava e tirava se masturbando não acreditava no que estava vendo ela foi aumentando os movimento de vai e vem com a escova tirei meu pau para fora que nesta altura estava todo melado de tesão e comecei a bater uma punheta ela começou a gemer alto e nesta altura não estava mem. ai se eu estava fazendo barulho comecei a gemer Tb e ela gozou La dentro se contorceu toda enfiou todo aquele cabo na buceta depois tirou olhou para o buraco colocou o cabo na boca e ficou chupando ele passando a língua nele e não aguentei mais e gozei saiu tanta porra que eu nunca tinha visto aquilo caiu na porta no chão foi porra par tudo quanto foi lado nunca tinha ficado tanto tempo gozando e não deu tempo para limpar pq ela já estava saindo corri e sentei no sofá tremendo e todo suado ela abril a porta e pisou na minha porra olhou para o chão todo gozado a porta e tava aquele cheiro forte no ar e ela não falou nada nem uma palavra entrou no quarto trocou de roupa e fomos embora se dizer uma palavra quando chegamos na casa dos pais dela ela me falou se eu poderia voltar no outro dia com ela denovo eu disse que com certeza poderia. Mais este conto vou relatar em outra oportunidade espero que tenham gostado um abraço.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


fui putinho do padre gayContos eroticos abusada pelo velho bebadocontos eroticos traindo marido na Salaconto erotico pagando o aluguelContos de cdzinha novinha de shortinho fino socadohomes esfregando nas mulhres no honibuscomto gay mecamico perfeitoXvidio mulhes que anda a noitecontos meu cunhado é corninhocontos eróticos homem velho casa caipirinha novinhaConto minha enteada safada se insinua pra mimporno mulhres usano chortes Cavadãobaixinha bronzeada transando com homem fortaoeu tenho uma irmã muito gostosa eu tava me depilando e ela pediu para terminar depilaçãoconto meteno nositio.comContos eroticos punheta com o pastorminha esposa meteno com outro q delicia dando o cuzinho pro pintinho contoscontos corno no lualcontos eróticos gay foi no sítio é achou uma calcinhaContos fui nadar com minha avó acabei comendo elacomendo a mulher em frente ao marido contocontos eroticos padreesposa deu o cu no camping contosContos Eróticos Nega bebada de leguincontos eroticos primeira vez no cuzinho da esposaConto erotico teen gay free mulatocontos eróticos cu saindo pra foraContos falei parainha comadre que queria transar com ela s nossos maridosconto erotico com prima de nove anocontos eróticos gay Proibidos - Desde Cedo no meu maninhocontos eróticos transando no metrôcontos bi vi meu pri meter na prinha prima fiz ele comer meu cu e eu fudi elácontos no cu é mais gostosomulher tem fetiche tama pirocada de travesticass dos contos eroticos as aventuras de vanessavirei uma sapeca bem safada do travesti roludo casa dos contosmeu genro comedor de cucontos eroticos testemunha de jeovacontos eroticos tenho 23 cmcache:GAEDmAeFVBUJ:okinawa-ufa.ru/m/conto_18319_fodendo-gostoso-minha-paciente.html contos pirralho roludoEmrabado por travestis na frente da mulher contoscomt erot pasando quiabo coma busetamenage com primo contosó umbiguinhos lindos e peitos durinhosContos a velha nao agentou o analcomendo e falando sacanageme gozando contoscontos eroticos meteram em mim e fiquei muito abertame amarro nos peitos delacomo dopar uma mulher e fazer sexo contoContos eroticos pai espretado filha a tomar o banhoconto erotico flagra filhaenquanto eu dormia ele botava o cao pra me chupar incesto e zoofiluacontoseroticoscabacinhoconto da sogra da buceta grande e putaContos de gang bang com dotados novinhaa chamada cadela incestoporno 1.30de bundacomendo a noiva do otario contos eroticoscontos eroticos com a diretora da escolacontos dando cu desde novinhocontos de mulheres que tomaram ativador sexualcontos dei o cu e saiu merdaGozando na boca incesto Contoconto eróticos sexo entre família gozando dentro da buceta engravida delecontos eroticoso cu da cadelinhaloucuras do carnaval varias pessoas fudendo juntas no dalaoConto Erótico ninfeta Fio DentalContos de tesao por uma mulher casadaminha mãe irmã na fazenda ,conto eróticocontos minha esposa eu e mais 2 travestisNovinha de shortinho partindo a buceta no táxiContos eróticos mãecontos gays comessado pelo primochiquinha arrombada contos porncontos comeu meu cu adolecenciaticos em bunda de mulhwecontos comi minha sogracontos fazendo vovô gozareu sei que ele quer um pau, contoscontos erotico garota do interior peteu cabaçocontos meu primo me estrupo quando tinha oito anosminha sobrinha me chupou enquanto eu dormiaNo meu caso sou uma mulher madura, me chamo Paula, 43 anos, branca, alta com cabelos pretos, corpo violao,contos veridico me arrombaram, mas me vinguei do meu maridocontos eróticos lanchatesao chefe quero elecoroa negra contohomen dando cu para a gradeuContos eróticos minha prima dica qué seu namorado não dava contacasetes longo machuca a xoxota da mulher pornourso tiozao roludo conto gay