Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

BRINCANDO DE MÉDICO

Oi essa é minha primeira vez postando um conto espero que gostem.

Bem eu tenho 23 anos atualmente moro em londrina sou moreno alto 1m75 olhos castanhos e gordinho... Sou um cara legal e bem amigo e companheiro talvez seja isso que atraia muitas mulheres para o meu lado.



Vamos ao conto

Tudo começou quando que morava no interior, tinha por volta de 19 e ainda não tinha muita malicia sá havia transado uma vez com uma prima, mas fica pra outro conto, tudo aconteceu graças minha irmã que era sempre rodeada de amigas e elas costumavam brincar no quintal de casa, e dependendo da brincadeira eu sempre era requisitado por elas... Um dia me surpreendi com minha irmã me chamando pra brincar de médico, hehehehe quem nunca brincou de médico, ela disse que ela ia ser a recepcionista e eu o medico e o consultário seria no meu quarto eu prontamente aceite sabendo que Tainá tava na brincadeira, Tainá tinha 19 anos o corpo tava ainda se formando, mas tinha gente que jurava que ela tinha 19 devido aos peitos enormes e avantajados, ela tinha cabelo castanhos, 1m64 de altura e tinha uma bunda de fazer inveja a muita garota de 19 e 19 anos, mas voltando ao conto hj sá era minha irmã e a Tainá na brincadeira. Logo começamos

A Tainá era recebida pela minha irmã que a levava no meu consultário até ai eu não tinha feito nada de mais... Porem lá pela quarta vez que ela veio minha irmã falou que ia sair com a minha mãe e ia demorar um pouco para voltar, eu pensei putz a brincadeira acabou e eu nem aproveitei foi quando Tainá falou tudo bem eu fico aqui brincando com seu irmão até vc voltar... Hehehe nossa fiquei muito feliz depois que ela falou isso... Então quando minha mãe e minha irmã foram embora voltamos à brincadeira:

Eu: então Tainá o que vc está sentindo ultimamente qual o motivo da consulta?



Tainá: Aaaaaaaaai Doutor não seiiiii tou sentindo um calooooor por dentro que vai me matar se não acabaaaaar.

Eu olhei para ela e disse: Deita na cama que eu vou de examinar.

Bem ela hj tava vestida com um shortinho e uma blusa rosa.



Comecei a examinar e passar a mão em suas pernas e perguntava se sentia alguma coisa aqui. Ela sá respondia hummm um pouco continua Doutor então eu resolvi arriscar e falei pra ela:



Eu: Tainá, acho que você está com uma doença grave

Tainá: Doutoooor seriu o que euzinhaaaaa tenhu me diga não esconda nada.

Eu: Ainda não posso dizer antes de fazer o exame completo

Tainá: Doutor eu faço qualquer coisa mais me cure por favor.

Eu: Então vou começar, vou tirar sua roupinha para melhor examiná-la.



Fui tirando o short depois a blusa quando vi aquela imagem, que seiosss ainda hj não vi um seios tão bonitos quanto aqueles cai de boca neles mamava e mamava um por um e ela sá gemia hummmm haaaaaa hummm fui descendo e percorrendo a sua barriguinha até chegar a sua calcinha a qual tirei rapidamente e pude ver aquela bucentinha que tinha uns fios ou outros nascendo que deliciaaaaaaaaaaaa cai de boca chupava mordiscava e ela falava: Aiiiiiiiiiiiiiii doutor doutoooooooooooor continuaaaaaaaaaa é aiiiiiii que eu to pegando fogo.

Nossa eu não acredite e virei e disse pra ela:

Eu: Enfim descobrir o que vc tem

Tainá: Jahh doutor não quer me examinar de novo para ter uma segunda opinião.

Eu: Não vai ser necessário eu tenho certeza absoluta.

Ela meio triste por pensar que já tinha acabado a brincadeira disse: Q droga então me diga o que eu tenho.

Entaum prontamente respondi: Você precisa urgentemente de um Pau.

Fui tirando a roupa enquanto ela me olhava meio que espantada ainda com o que eu disse, quando terminei pedi a ela chupe aqui está seu remédio, um pouco com receio ela atendeu e lambia chupava ainda sem jeito. foi quando eu a ergui e lasquei um beijo nela e ambos deitamos na cama fiquei um bom tempo beijando a e com uma mão alisava os seus seios e a outra passava em sua buceta foi então que a coloquei deitada e de pernas abertas e comecei a força a entra, nosssaaaaaaaaaaaaaaa como era apertada fui colocando devagar ela não dizia nada sá estava de olhos fechados e lagrimas escorria deles, até que entrou tudo fiz menção de começar a bombar mais ela me segurou forte contra ela para eu não me mover mas o tesão era tanto que comecei a mover o quadril para traz e para frente senti algo correndo pelo meu pênis e coloquei a mão para ver era sangue nossa que alegria eu senti por ela ser virgem e eu ser o seu primeiro então comecei a beijar e falar calma ta tudo bem depois de uns minutos ela me soltou e pude começar a bombar direita ela chorava de dor e chorava até o choro passar a se tornar prazer dai eu sá ouvia uns soluço outro e uns ummmmmmmmmmm haaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa q bommmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmmm

Depois de eu gozar dentro dela... Erro meu grave podia ter pagado bem caro por causa disso, mas ainda bem que não deu nada, fomos para o chuveiro onde tive a chance de comer de novo aquela buceta voltamos pro quarto para arrumá-lo e demos um jeito de jogar fora o lençol, pois tinha marca de sangue depois disso sempre arranjava um jeito para transar com ela ainda hj nos divertimos quando tenho a oportunidade de voltar e encontrar ela... Cada ano que se passa mais gata ela ficaaaaaa..



Bem espero que tenha gostado do conto peço que me escreva dizendo o que achou... E para a galera de londrina se tiver afim de algo mande e-mail:[email protected] vamos conversar quem sabe criamos contos novos para postar aqui

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


A dançarina e o gostoso da professora de dança contos eroticonovinha.da.favela.com.amiga.olhando.homem.tocar.punhetaconto com teens fudrndo as duas sobrinhas de dez e doze anoseu i a neguingo do pornocontos eróticos minha mãe no esconde esconde quando passo o dedinho no meu cu fico com abuceta toda babadaMeu nome é Suellen e essa aventura foi uma delícia.rnSempre nos demos bem, erámos vizinhos e amigos. Eu tinha 18 anos, ele 16. Nossas casas são práximas, tanto que a janela do quarto dele dava pra janela do meu quarto. Eu sempre gostei de provocá-lo,gostosa de shorte mostrando as beiras da bucetacontos gay na marracontos porno bunduda sogracontos eroticos a mulher do pastordando para o pintor contos eroticoscontos devassos meu marido geme para eu chupar seu cuzinhocontos de cú de solteironacontos erotico.esfrequei minha pica ne outracontos eroticos com japonesavai novimha tirano a roupacontos eroticos com cu ragadoscomendo a deficiente contos eroticosConto erotico minha cunhadinha chupou meu pauCOROA DEIXA CALÇINHA Á MOSTRA EM IPATINGA-MGconto erotico olhando a bucetinha da minha irmazinha dormindocontos eróticos, esposa safada, puta dos patrõesminha cunhada abre as pernas e me mostra a calcinhacontos eróticos arrombadavideos de pau ficqndo ficando durofoda gostoza mulher caszada tro cano omaridoxv inserto chupando a busetinha da novonha dorminowww.contos de a primeira gozada no incestocontos eróticos irmã calcinha dormindoContos eroticos novinha desmaia de tanto gosaconto erotico buceta gostosa crente safadacontos eróticos ruraiscontos ex namoradacontos eroticos exibindoConto erótico gay caçamba de carro de madrugadaconto erotico nane loirameu pai olhava pelo buraco na parede do quarto dele pro meu e se masturbavacontos eroticos de empresarias no hotelcoroa raspadinha gozando contoscontos eroticos pica grandecontos eroticos - perdido na trilha com minha amigaContos fui nadar com minha avó acabei comendo elaContos eroticos sem camisinha cdzinha gostosacontos servente de pedreirocasada chantageada e submetida aos limites contos eroticoschupei no carro contocontos eróticos tomei chute no sacocomi o cu da enteada - contostransando com outro homem engatado sem furar Sasukezoofilia googleweblight.comcontos eróticos sogra pega mulher metendo na camacomigo a mulher do meu irmão transando sexo prima irmã titifudedo a tia bombadagordinho nerd gay contosContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadorme chamou de arrombado dotado conto gayMetendo na perereca da maninhaMeu cunhado me fodeu forsado contoCamila minha enteada com a b********comi esposa do meu amigo de trabalho contos eróticosmae coroa mechama pra viaga com ela e durmo com ela insexto gostosa pornomeu namorado tica punheta amigaconto garoto humilhado peladoconto erotico de enfermeiro aplicsndo injecaograndona melada contosContos eróticos genroRealizei a fantasia do meu colega e eu virei cornocontos eroticos comi a velha beataconto fui buscalo no aeroporto oso mrninas na mastubando n causinha toda melada video mobilminha priminha titio contos eróticoscontos eroticos coloPapai e titio comeram minha bundinha contos eróticos