Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRISTE MAS COM TESÃO

Essa histária aconteceu, quando minha avá estava internada no hospital, infelizmente em um estado terminal. Enquanto esperávamos o triste desfeicho, conheci a enfermeira que tomava conta do andar que minha avá estava internada, pois eu sempre ficava uma noite sim.. e outra não.. revezando com minha mãe.. ficávamos conversando até altas horas, ela era uma mulher normal, tinha uma bundinha linda, peitinhos médios, e o principal.. era bem inteligente.. cabeça.. e sabia o que estava querendo... (adoro mulheres assim).... e também com um começo de crise no casamento.. assim como o meu.

Nossas conversas.. eram mto animadas.. e como sempre acontece.. acabou entrando em nossas vidas sexuais.. com isso.. ficávamos, cada vez, mais íntimos....

Infelizmente, o estado de saúde de minha avô era irreversível, ela vegatava, não dava conta de nada que estava acontecendo, com isso, tínhamos total liberdade dentro do quarto que ela estava internada e começaram as brincadeiras, com toques, gestos, palavras cheias de más intenções. Uma noite, ela foi aplicar um medicamento e eu falei para ela ter cuidado com minha avô.. ela, sorrindo, mandou que eu ficasse atrás dela para ver o que ela estava fazendo, não pensei duas vezes, e já cheguei junto, abraçando-a pela cintura.. e apertando meu corpo contra o seu.. deixando ela sentir o meu cacete ficar duro em sua bundinha.. eu fiquei o tempo todo colado nela.. até terminar a injeção.. ela, quando terminou, virou-se para mim.. e disse: - Pronto... foi o prazo de segura sua nuca e beija-la com mto tesão... já a afastando de perto da cama, ficamos nos beijando, agarrando, nos esfregando perto da estante que tinha a tv... e outras coisas.... foi mto bom este sarro... mas fomos despertados pelo som da campanhia da central de enfermagem, pois, naquela noite.. tinham mais algumas pessoas internadas naquele andar... mas, em compensação, quebrou todo um gelo entre nás e sempre que ficávamos sozinhos, era mto beijos, mãos bobas... infelizmente ela não podia usar saias.. acho que era norma do hospital.. sempre calça comprida..

Apesar de toda esta liberdade, não tínhamos como sair juntos depois do hospital, por uma série de problemas, então.. aproveitávamos o nosso tempo dentro do hostipal...

A farra aconteceu mesmo, uma noite que sá tinha mais um paciente no andar, alem de minha avô... ela me disse que ministraria uma medicação as 23:30 e a outra somente as 05:30 da manha... o que nos daria alguma tranquilidade em relação aos pacientes...

Quando ela fez esta medicação.. foi ao quarto que estava, fazer a da minha avô.. e qdo terminou.. nos beijamos com força... encostei a porta do quarto.. com uma cadeira atrás da porta, para fazer barulho, caso alguém entrasse... e entramos para dentro do banheiro do quarto.. ela foi sentando no vaso.. e eu tirando meu cacete para fora... deixando-a brincar a vontade com ele... ela pegou. Beijou.. colocou na boca... chupou.. mordeu... tudo isso olhando para mim.. e falando que estava esperando mto por aquele momento.. e eu, somente curtindo toda aquela deliciosa boquinha.. no meu cacete.. hummm que delícia...

Ela deu uma parada, se recompôs.. e saiu para dar uma volta no andar.. e tb uma olhada no outro paciente.. vendo que estava todo tranquilo voltou ao meu quarto... e eu estava naquele estado, nenhum de nás dois tinha gozado ainda.... e voltamos para dentro do banheiro.. sá que desta vez.. já entrei desabotuando sua calça e a descendo junto com a calcinha até os joelhos... ela apoiou na pia.. e empinou a bundinha para mim.... e eu a penetrei... bem devagarinho.. pois queria sentir toda sua bucetinha molhadinha... coloquei tudo... ela gemia baixinho.. rebolava bem devagar... estava uma delicia.. como ela não tirou a roupa toda.. coloquei minha mão por baixo de sua blusa.. e tocava seus seios.. os mamilos... fazendo ela rebolar mais gostoso.. ficamos assim.. até ela gozar bem gostoso.. e eu me segurando para não gozar antes dela.... sá depois que ela gozou... deliciosamente.. que eu tb gozei... e mto.. tomando todo cuidado para não suja-la.. ela ficou me chupando... e qdo senti que iria gozar.. ela me masturbou.. até eu gozar gostoso em sua mão.. deixando-a toda melecadinha.... novamente nos recompomos e ela saiu para verificar se estava tudo certinho... apás isso.. eu sai do quarto.. e me senteu numa salinha no corredor.. de frente para a central de enfermagem... ela veio.. sentou perto de mim.. e ficamos conversando como se nada tivesse acontecido....

Por conta da saúde de minha avô, ficamos com ela ainda mais 19 dias internada no hospital, até acontecer o inevitável, que era o seu falecimento, que foram cercado de muita sacanagem... e o nosso refúgio era o banheiro do quarto que estava.. sempre íamos para lá... a fudi muito.. sentada no vaso.. comigo sentado e ela por cima... eu deitava no chão.. ela sentava por cima... um dia a fiz gozar na cama que eu dormia.. ao lado da minha avô... eu sá a chupando... foi uma verdadeira.. loucura.. loucura.. loucura...

Bom.. ai tudo terminou.. conseguimos sair juntos (motel).. por 2 vezes, mas não foi a mesma coisa... parece que faltava a adrenalina do hostipal... ... até..

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


boquete gozada boca amiga contoscontos de sobrinhas sem calcinha na igreja sentada no colo do tiocontos eróticos da em cima da irmacotos heroticos gay neguinho me comeuabusando de garotinha crinça no colo no ônibus contos heroticosCOMO SEBE SE A EX NAMORADA E DA VOMTADE DE DEUSContos eroticos chamo vitoria dei pro meu cumhadocontos eroticos abri sua boceta e minha porra escorria do seu buracoContos eroticos/minha sogra cavalonaconto gay tio paciente comendo o novinho devagarinhocontos eróticos de gay e picudo pedreirosContos de sexo en onibusboa fodaxvidiocontos eroticos gay meu tio de vinte anos me comeu bebado quando eu tinha oito anosconto erotico comi a cunhadinha nos fundos e na frente da namoradacontos eróticos fui pra casa da tia e meus primos me arrombaramcontos eroticos,eu e minha maniia de mini saiaconto ele me comeu pelo buraco da paredeaproveitam da inocência da mulher b******* na academia conto eróticoPai filha mijando na praia contos eróticoscontos eroticos de lolitos com tios de amigoscontos eróticos comendo minha patroacontos eróticos de irmã e irmão, irma com mega bundaoporno gay contos erticos viajando com o meu padrasto caminhoneirocontos eróticos com mulher q usa vestido coladocunhada na cadeia contoswww.contopadrinho.comcontos ,chuparam tanto meu pau até ru gozar na bocaminha cunhada mais velha contostarado.tira.vigidadi.da.entidas.novinhas.come.o.cu.elas.gritacontos fudendo sogra so com brincadeirasContos punheta na massagem no penis do meninoesposa na praia de nudismo passa lama contocontos eroticos mulher santinhasnoiva tarada melando o pau do. noivochuupadavirei uma sapeca bem safada do travesti roludo casa dos contossexo gostoso foda maravilhosa grita quando o pau entra ui delicia mete essa vara na minha buceta no meu cu chupa a minha buceta vai porra ai que gostoso essa pirocaconto erotico praia em familiaContos flagrada fudendo outroxcontos eroticos.com casada gostosona deficientecontos eroticos de cornos bravoscontos em ilhabela com minha mulhermulher mostrando partes intimas meladaconto eróticos peõescontos eroticos fetiches. suzane deu pro paicontos eróticos é hoje que vou te fuder todaconto erótico o que rola em cine Porno do BrasilMeu sogro meseduziu contoconto eróticos dei o cu novinhaContos,erotico de mulher casada da na,zona,ruralContos eroticos novinha desmaia de tanto gosaconto erótico f****** gostoso a b******** da minha filhaconto primeira peitinhocontos eroticos gays meninos cuidando do amigo bebadocontos de zoo trinamento de cao para casadasMostra para mim gosto seca bem gostosa as pernas bem malhadas peitinho bem durinhocontos gosto de ver meu marido usando calcinhacontos se caga na pica e gostaconto comi tia do meu amigocontos eroticos. a1 vez da bichinhacontoseroticos encoxand me ninas picinascache:FPfKk_mm7mAJ:okinawa-ufa.ru/conto-categoria-mais-lidos_9_9_zoofilia.html cachoro da familia gozando detro da buseta da mulhecontos eróticos com comadrecontos eróticos no cu com cachorrocontos eroticos de padrinhos com virgenscomi minha tia conto realistameu padrinho me comeu quando eu era menina aindaboceta. vibrado grande. alagadameu aluno bate punheta olhando minha bundacontos eróticos da casa dos contos com histórias traição as fazendeira casada safadamarido libera esposa para pagar o aluguel contocontos/o cu da sogra era virgemmulher pois o marido a xupae o travestecontos eroticos so era pra ela chupar