Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TAL PAI, TAL FILHO

Bem...

Eu não era muito tarada por sexo até conhecer meu atual namorado.

Ele sim é demais... Me ensinou o bom da vida.

Faziamos mil loucuras, somos insaciavéis.

Mas, uma vez passamos do nosso limite, para isso contamos c a ajuda de meu sogro.

Um homem alto, forte, lindo. Acho q tem uns 40 anos, mas tem um fogo de um garoto de 20.

Certa vez, cheguei na ksa de meu namorado, onde tinha o costume de entrar sem bater já que tinha as chaves.

Procurei por ele em toda parte mas ele não estava. Logo me dei conta que apenas meu sogro estava em casa.

Perguntei a ele por Gustavo "esse é o nome de meu namorado" e ele disse que havia saído com a mãe mas que já devia está voltando.

Então resolvi descer para seu quarto e tomar um banho enquanto o esperava.

Quando estava perto de acabar o banho, ouvi a porta se abrir e pensei que fosse o Gustavo, saí do box sem a toalha e fui em direção a ele. Mas para minha surpresa quem estava lá não era o Gustavo e sim o seu pai.

Me enrolei na toalha que trazia nas mão enxugando os cabelos e me cobri, mas chegando cada vez mais perto e sussurrando ele disse para eu não me preocupar por que ele estava adorando vez minha xana raspadinha.

Então deixei a toalha cair e ele não perdeu tempo. Vei logo tocando meus seios que por sinal são enormes e logo abocanhou eles mamando como se fosse um bebê com fome.

Falei que o Gustavo podia chegar a qualquer momento e ele disse que mentiu, que o Gustavo tinha ido com a mãe para casa de uma tia e não voltaria naquele dia.

Daí resolvi deixar acontecer.

Logo ele me jogou na cama e foi logo me abrindo as pernas e caindo de boca na minha xoxota, que não aguentava mais de tesão.

Mudei de posição e começamos um delicioso 69.

Desejando muito ser comida, gritei bem alto que queria sentir o seu cacete me comendo e não demorou muito para ele atender meu pedido.

Me colocou de quatro e foi logo enfiando sem muita cerimônia, me comia com uma violência que sá aumentava mais ainda o meu tesão.

Quando estava perto de gozar, ouvimos um barulho na sala.

Era o Gustavo que havia voltado para pegar algo que sua mãe tinha esquecido.

Mesmo assim continuamos nosso sexo, mais selvagem do que nunca.

Quando Gustavo abriu a porta do quarto e viu a cena do seu pai enrabando sua namorada, tamanha foi a surpresa que ele nem saiu do lugar, nás também não paramos.

Depois de se recuparar do susto, sua reação foi a melhor possível.

Aproximou-se de nás, tirando logo seu caralho de dentro da calça. Pica tão grande quanto a de seu pai.

Antes que ele dissesse algo entupi minha boca com seu caralho e comecei a chupar.

Depois de um tempo chupando pedi para fazermos uma dupla penetração e os garotões adoraram a idéia.

Sentei no cacete do sogrão rebolando de um jeito que o levava a loucura e logo senti o Gustavo entrando por trás, a todo vapor.

Transamos loucamente por horas, nás três. Até que o Gustavo teve que nos deixar por que sua mãe o esperava na casa de sua tia.

Então continuei com o sogrão, fazendo um verdadeiro kamasutra a noite toda.

A noite foi demais... Espero que tenham outros como essa.



































































VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto bebado fui fodidocontos erotico prima matutafilme pornô com gordinhas empadãoconto erotico incesto sonifero filhamulher louca de tesão gozando no peito na boca o dedo na bocafui conhecer um rapaz e cai numa armadilha conto eróticoloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinavideo come meu cu e me batepor favorcontos eroticos crossdresserlésbica meu cu foi arrombado contocontos Rabuda com cheiro de bundadei de perna abertacontos eroticos a crentinhame vinguei do meu irmao e me arrependi contos eroticosmarido falou p esposa nahora da transa q dar o cu era bomtia bate no casa sobrinho contocontos eroticos bia fabricioContos os velhos chupam melhor uma bucetavideo coroinha varendo punheta em padrecomi a madame na fre.te do marido. experiencias sexuais.pastor eu desejei em tranzaminha amiga me levou p suruba contos eroticosgozando na bucetinha apertada da cunhadinha que fica muito brabacarla doida por roludos contoscasa dos contos eroticos metendo no cu cagadoConto erotico de sexo incesto cheiro da buceta suada da irmaContos erotico marido bracinho corno de negaocontos eroticos mãe gostosacontos reais/viciei minha priminha pros amigoscontos tia rabuda exibindo calcinha de perna abertaconto gay troquei cu por empregocontos eroticos com fotos travesti pausuda arromba loira casadaContos eroticos comido por um caome disse que babava muito conto gayfilme porno de saia curta botando uma pomba no cu e clorandocontos sexo gostoso numa estrada deserta e na motoconto erotico perdi o cabaço estacionamentohoje eu comir a bucetinha da ester de cinco aninhoscontos eroticostransei com meu amigo gayscontos eroticos deixei a sapatao chupa minha buceta e meu cucontos eróticos assediada por minha amigaCasa dos contos: Virgem na baladaMenina Má tava dormindo sem calcinha eu penetrei meu pau na b***** delalanbinda na xana hetai gritacontos heroticos gay meu primo de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anoscontos eroticos meninas rabudas e rabudoscontos servente de pedreiroputinhas inocente contosEncoxador contossubrinha pega o tio de pau duro de suprezavideos de mulheres mamandoleitee no peito da outracontos eroticos dormindo e acordando com cutucadasminha enteada um tesaozinhovideo de morena clara casada traindo com um bem dotado acima de 22 cmFui enrabada ao lado do meu marido e ele não viucontos eroticos traindo marido na Salafui forcada a chupar papaicontos bi minha tia me pegou dando pra o meu tiocunhada deu para o cunhado gordinhoNegão e minha filha contos eróticosconto mamae da buceta grande e cabeludachantageada conto marido de pau pequenocontos eróticos de casadas rabudas traindo seuContos de sogras velhas crentes rabudas dando o cuencaixei o cacete do amigo de meu marido q tava ao lado e nem percebeu contoscontos meu primo me estrupo quando tinha oito anosContos erotico exibi meus seios enormes pro entregadorconto erotico minha pequena tesudaqero tranzar com a minha enteada ela r muito timidacontos muito grosso e grande sofricontos perdi minha esposacontos eroticos a travesti segurou em minhas bolas e empurrou 23cm no meu cucontos eroticos homem casado dando para o primoconto erotico minha vovó chupona e neta