Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MINHA QUERIDA SOGRA.

Bom, meu nome é Filipe e o que aconteceu comigo foi real, tenho 25 anos, um tipo fisico normal, até tenho uma barriguinha, e sou casado a 3 anos. Sempre tive uma átima relação com minha sogra, que gosta muito de mim.

Meu sogro é um cara mais fechado e não tinha uma relação boa com minha sogra que por muitas vezes reclamava dele para minha mulher.



Minha sogra se chama Vera, eu sempre brincava muito com ela, dava tapas na bunda, beijos no rosto, abraços, mas tudo numa boa sem a menor segunda inteção.

Mas a maquina de lavar quebrou em minha casa, e eu precisei deixar umas roupas para ela lavar pra mim e pra minha esposa enquanto a nossa não ficava pronta. Eu liguei para Vera e avisei que estava indo deixar a roupa suja,

Quando eu chego ela me chama pra entrar, ela esta limpando a casa, ela tem 47 anos, tem um corpo normal para uma mulher da idade dela, seios pequenos do tipo que cabem inteiros na boca, uma bunda grande e durinha,

Quando olho para Vera, vejo ela com um top lilas, meio transparente deixando ver os bicos dos seios. E com uma calça dessas de ginastica preta, e com uma calcinha fio dental que dava pra ver de longe. Deixe a roupa suja e fiquei conversando sobre algumas coisas, e ela limpando a casa, quando ela vai limpar a estante fica de quatro na minha frente, eu olho para aquela bunda, vejo aquele fio dental e fico louco de tesão. Ainda brinco com ela dizendo que quando meu sogro chegasse iria ver aquele fio dental e ficar louco. Ela me disse que ele poderia ver ela de fio dental, sem fio dental, que com certeza não iria ter sexo. Ela me disse que já faz tempo que não fazia sexo, eu como bom bobo que sou e louco de tesão como estava cheguei um pouco mais perto dela e ela começou a chorar, nesse momento eu a abraçei, disse que ela era uma mulher linda e que tinha um monte de gente louco para ficar com ela, ela me falou que não, que estava velha, que era casada por isso não procurava ninguem e que tinha certeza que ninguem tinha tesão por ela. Eu então peguei a mão dela e coloquei em cima do meu pau, duro que nem uma pedra de tanto tesão, ela se assustou e ficou um tempo me olhando e com a mao em cima do meu pau. Logo depois ela tirou e me olhando dentro dos olhos disse que não poderia fazer isso com a filha dela, e saiu correndo.



Bom passou o tempo e nunca mais eu nem ela tocamos no assunto. Até que apareceu a oportunidade de irmos buscar a mãe dela no interior de minas, pois ela já estava com uma idade e não queria vir sozinha de onibus. Eu estava de férias e me propus na mesma hora, dizendo que poderiamos ir no meu carro sem problema algum, minha mulher me incentivou muito e adorou a idéia, mas ela não poderia ir, pois iria ficar trabalhando.



Cheguei no dia marcado, me lembro como se fosse hj, era uma quarta feira 09:00 da mãnha, lá estava ela, com a mesma calça de ginastica e a mesma calcinha fio denta, ela me disse que iria viajar assim, pois a viagem era longa e ela queria se sentir confortavel. Entramos no carro e iniciamos a nossa viagem, começamos a conversar e eu brincado com ela perguntei se ela queria ser estrupada por mim, porque na ulitma vez que ela colocou aquela roupa eu fiquei louco, e estava ficando do mesmo jeito agora, ela disse duvido e derepente pegou no meu pau ( ainda mole ) foi na hora que ele endureçeu mas ela tirou a mão, disse que foi sá uma brincadeira e que não queria mais nada, eu continuei conversando e convenci ela a me mostrar a calcinha, primeiro ela mostrou sá de lado, mas depois de um tempo abaixou a calça e me mostrou a parte da frente, era transparente e a buceta dela estava toda raspadinha ( percebi bem molhada tambem), logo depois pedi pra ela se virar no banco e me mostrar a parte de tras, nisso eu ja havia diminuido a velocidade, ela se virou e nisso eu parei o carro no acostamento mesmo, segurei ela bem firme, tirei meu pau pra fora e disse que iria come-la de qualquer jeito, que não estava aguentando mais, ela gritou que não, me xingou, disse que iria contar pra minha mulher, mas nada adiantou, eu abaixei a calcinha e soquei, soquei bem gostoso naquela buceta que estava bem molhada, ela gemia, me xingava, rebolava, dizia arromba essa sua sogra que faz tempo que não leva uma rola, nisso quando ela começou a gostar eu tirei o pinto e coloquei minha calça, ela ficou doida, perguntou o que eu estava fazendo, eu começei a me fazer de dificil, mas ela dizia que estava louca, que precisava dar, colocava os dedos na buceta e depois na boca, eu disse não e não, dai ela gritou mais ainda, então eu fiz uma proposta a ela, disse que iriamos atrasar nossa viagem, mas valeria a pena, para que nás fossemos a um motel e ela iria ser minha escrava, iria fazer tudo que eu mandar, e começei mandando ela chupar meu pau, ela obedeceu imediatamente arrancou ele de dentro da calça e chupou, chupou muito até eu gozar gostoso, ela engoliu tudo e não deixou cair nada.



Nisso chegamos ao motel,onte eu ja estava duro de novo, pedi a ela pra pegar o telefone e ligar na recepcao, e gritar que eu estava fudendo ela e que ela estava adorando, logo depois comi o seu cu, que ninguem nunca tinha comido.



Depois disso sempre que temos oportunidade transamos gostoso.



Mulheres do paraná, acima de 30 anos que estiverem interessadas em momentos de prazer favor mandar e-mail.











VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


minha esposa e sua namoradinha contoO pau preto do papai contos eróticosme cumera porque tava sem calcinha negros cotosrevista em quadrinho de babas eroticastitio viu minha bucetinha e achou linda contosContos eroticos louca quando dois machos chupam gostoso as minhas tetascontos eróticos de comendo a tia e ela entregando as filhas gostosascontos eroticos nifeta d loja rjcontos eroticos casada pau pequenoReatos eroticos quando eu era uma moça meu tio me penetrou com forçacontos eroticos gay enrustidoComi cu claracontos de coroa com novinhoFamília contos eróticosestrupando a namorada bebada contoscontos eroticos perigocontos eróticos é hoje que vou te fuder todaencoxada bem arroxadaDesvirginando a subrinha de 18 anoseu e a amiga da esposa contocontos eroticos cdzinha quando era menino me vesti de menina e marquei pra dar eu queria ser meninacontos eroticos minha sobrinha bucetudacontos amigos e mamaecontos eroticos possuida por uma estranha gostosatodos gozarao na minha bucetacintos eróticos ! pra todos... meu nome é Carlos. vou contar como foi a minha priimeiraconto como foi que eu chupei a bucetinha de uma loirinha de cinco aninhosdesço no teu paucontos fiz titio gozarcontos mulher que coloca silicone no seiocontos eroticos vizinha curiando por cima do murominha irmã minha amantecontos eroticos incesto a neném do papaicontos heroticos gay meu tio de dezenove anos me comeu dormindo quando tinha oito anosmasagista se marturbando no meio do espediente porcontos de comi o viadinho do irmão caçulaconto erotico meu amante e mega dotadocontos eroticos sou casada sobrinho prediletowww.porno zoofilia.com/dando buceta virgem engatada dois cachorros?meu filho me encoxaram a noite bunduda,contos eróticos vc me acha bonitacontos eroticos cornos de primasIncesto com meu irmao casado eu confessorelatos eróticos dando a b***** na lua de melincesto primo bolinando prima pequena de cinco anossamba porno zoo conto de incestoContos gays estrupados na obraconvenci minha esposa transa com nosso caonao resisti domir com ela xvidioporno meu primo e um jegue minha mulher adorouconto porno madame s putaslinha na Rachinha contos eróticoscontos fui decolar e ela me comeuconto eróticos lábios românticosContos gays vestido de mulher a noite na borrachariacontos er deixa que levocontos de esposa pagando cofrinho pro vizinhoContos de crosdresserescavalo pampo aregasano a boceta da mulhercontos e vidios de patroes sendo fodidos por empregadas tranxessualContos eroticos - me come vai, mete maninho.Dei a buceta e o cu,para um roludo e chorrei muito conto eroticouso saia pra ser encoxada no onibusdando desde pequeno contos eroticos gaysconto fui buscalo no aeroporto ocomi o cu da vizinha cavala contoconto homem bem dotado assediou minha esposa ate ela ceder e foder com eleContos eroticos sobre irma fazendo faxinacontos eroticos fui arrombada.pelos mendigosconto minha mulher gosta quando levo ela nas festinhasConto porno de estuprada por pai da mim amigacontos eroticos fui com meu sobrinhocontos eu durmo de saia sem calcinhabuceta bem regacada peluda perna aberta na cama