Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

ENFRMEIRA DISCRETA COMIDA PELO MEDICO CASAD 1PARTE

ola este e meu primeiro conto sou moerena 1,70 cabelos cachedos negros e longos olhos catanhos escuros tenho um belo corpo ja que pratico artes maciais e musculação meus seios são medios são durinhos e empezinhos tenho modesta parte um belo trazero uma bunda redondinha impinadinha aos olhos dos homens sou considerada uma morena cavala. sou soltera e sem namorado tenho 25 anos vivo com meus pais, sou enfermeira e trabalho num hospital sou muito discreta em tudo q faço. foi quando chegou um novo medico ha mais ou menos 4 meses ele casado e juro alguns ja me cantaram e ate tentaram me agarrar mas nunca dei mole ja que fazia por me respeitar. resumido um belo homem estrovertido mas fazia estilo muleque e cafageste daqueles que agente apaixona facil e dora falar sacanagem quando entrei em sua sala fiquei toda sem graça pq le me olhava de uma forma que me despia so com olhar. mas os dias pasaram e fizemos amizade foi quando estavamos no estar de funcionarios e sozinhos ele me deu primeira cantada nossa vc esta com uma marquinha de biquine linda e provocante como eu falo muito bobera e brinco demais viramos grandes amigos ate que um dia trocamos msn falavamos todos os dias ele me confessou então quem quando me viu a primeira vez com marquinha d biquini e aquele belo trazero ficou d pau duro na hora e foi obrigado a bater uma punheta par mim no banheiro fiquei toda sem jeito pq era super timida com esta coisas os dia passaram ele me cantando cada dia mas com indireta tipo sera qeu dou conta desta cavala? eu respondia com sorisos maliciosos modesat parte adorava ser desejada e sou muito provocante quando quero ser juro que tentei resistir foi quando no plantão da noite ele me chamou em sua sala e paroveitou que não tinha ninguem me trancou la dentro e me deu baita bj de lingua que fez ficar super molhadinha na hora e ele percebeu e foi nesta hora que ele me disse que queria conversar comigo em outro lugar e que nunca uma enfermeira tinha deixado ele com tanto tesão resistir muito e disse que era casado que ele não podia me comer ele me convenceu a ir um motel era umas 9 da manha estava de calça dinz bem apertadinha um ablusa justa com um decote bem sensual parecendo apenas um pedacinho da barrinha e sapato de bico fino e salto agulha ele ficou louco o pau dele ficou duro na hora, ele disse que não ia fazer nada se eu não quizesse mas quando sentir aquela mãos de seda passaendo pela minhas costas e boca pelo meu pescosso não resistir estava na seca a 4 meses nossa foi um bj de puro tesão ele começou a tirar minha blusa e chupando bem gostoso meus petinhos e disse que eram lindos e que o ecitava muito colocou minhas mão em seu membro por cima da calça acariciei bem gostoso ele ficou louco baixou minhas calças me jogou numa cadera abriu minha pernas e caiu de boca que lingua gostosa fui chupada de um forma que nunca tinha sido chupada nossa gosei muito gostoso ele apertava meus peitinhos com firmeza me dixando louca eu dizia chupa mais me fode com esat lingua nervosa vai delicia hahahhah.... ele disse que meus gemidos deixava ele ainda mais louco que queria me comer efuder todinha era agora ai eu sai de mim tirei ropua dele todinha peguei a rola dele e começei passar linga na abeça dele e xupei so cabeça como se fosse um pirulito e com um mão agarrava massageava o saco dele com as mãos coloquei todo na boca xupando bem gostos ele me chama de safada, vagabunda enterra minha rola nesta boca deliciosa e pergunatva s etava gostoso chupa rola d seu macho chupa ai que xupava deixando ele louco de tanto tesão e quando le mais falva safadeza comigo mais dava vontade de xupa-lo diz ele que nunca tinha sido chupado com aquela vontade eu via o pau dele ficando ainda mais duro na minha boca de tanto tesão ele pediu para parar pq ele queria me comer gostoso ainda foi ai que fiquei fora de mim e tava com muito tesão larguei a rola dele pedisse que sentasse na cadera de frenet pra mim e sentei na frente dele com perna bem aberta e comecei me mastubar em sua frente exibindo minha xaninha carnuda e suculenta prar rola dele passava mãos no mei seios fazia uma car bem safada e falava com ele vem ser meu macho vem vem me fuder minha bucetinha que engoliar sua rola todinha deixa ela tolodinha ele veio com tudo pra cima de mim me dizendo que iria me fuder gostoso então passou rola na beradinha e so fingia que entrava me deixando louca eu começei falar alto fode minha buceta vem mete esta rola com tudo mas queria que eu pedisse então pede enfermeira puta safada foi ai que el meteu com gosto e quanto mais alto gemia ms le metia com forsa me fazendo gosar varais vezes disse que nãoa guentava mais pedi par parar um pouco ai que le ficava mais estigado me comeu efudeu de varias formas e posições gosou gostosoe fez gosar tbm ai depopis te gosado xupei ele gostoso ele disse que iria me comer muito ainda.... então havera um proximo conto s egosatram, escrevam pra mim e olha vou confessar foi ha melhor fudida que ja tive virei amante de um medico casado... bjs de uma morena fogosa safada mas dicreta vai ter o segundo ral aguardem...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


eu gemendo de calcinha em cima da picona do meu macho contos gaysnavia tu ta rebolano bemconto erotico incesto sonifero filhaeu confesso sou puta desde novinhatravesti gozando no próprio sutiãcontos de atiivo x passivo fodendocontos sexo gostoso numa estrada deserta e na motocontos casal cinema pornocontos eroticos vi a pepeca de minha amigaCasada narra conto dando o cudona jandura conto eroticoenchemos a boceta de porraContos eroticos voyeurquero vídeo pornô de mulher com os peitão e o Filipe pequenininhocontos eroticos casadas canalhasFotos de gostosas de vestidinho colado dirigindo carroxzoofilia animal casaro casadatava um tedio danado,resolvi dar a buceta pra ele,incesto contosvelha gorda com fome de velho a /.porrnodoido.comconto desde pequena participo de orgias com minha familiacontos erotico na balada com a irmaconto erotico neide safadinhacontos de negão advogado comendo loira clientegrelo xoxotudacontos eroticos cheiro de calcinhacontos incestosna infância Meu cu e frouxo contos gayestrupei o gay contos eroticosgozei no copo e dei pra minha tia bebeu contosa travesty gordinha me fez gozar sem tocar no pau comtos eroticospica nu cu e bucetacontoloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinacontos eróticos conaloiras fudendoconto eróticoflagrei minha esposa dado para nosso filho cotos eroticodoce nanda trepando e dando gostosinho contos eroticosContos de cdzinha novinha de shortinho fino socadohttps://idlestates.ru/conto_23966_fazendo-amor-com-o-filho-adotivo.htmlcontos de coroa com novinhoContos eroticos dois macho chupando minhas tetaso cu da minha esposa e meu contotirei o cabaco do garotinho mimado de onze anosamo cheirar a boceta da minha esposa pela calçaempregada me masturbando nu contoslevou boquete da irmã caçula dis que gosta de chuparwww.goroa nis Sogra fudendocontos eróticos abusada virgemconto erótico casada arrependida na noite de carnavalconto erótico irmão vomitou roupamorena goza se esfregando e/apanhando contosconto incesto minhas irmãs gritaram no meu pauvideo de mulher transando no atelier delanegras abrino o cu pra meter nele gostosocontos eroticos travesti sendo estrupadaporno chupei o peito e bucheta da minha cunhada ate ela cederPorno orgias lesbicas incestuosas iniciando as bem novinhas contosminha sogra deu o cu para o cachorro contobeijo de lingua quente pegada forte gemidãoconto Morro de tesão por meu amigovideos de porno sogro cardando a moralambendo meu cu contos exibicionismoContos de ninfetas sem calcinhamulher amarrada no curral para o pone com elaestupraram minha esposa contocontos eroticos sou puta os preto me comeram no matocpntos eróticos percebi que me olhavam e batiam punhetacontos eroticos abri uma cratera no cu da filha da minha primacontos eroticos gay meu vizinho negro de dezesseis anos me enrabou quando eu tinha oito anoscontos eroticos - minha mãe e o transconto eroco amor entre tia e sobrinho"Deflorada pelo titio parte i"convencimeu marido a ser cornosexo contos eu e meu filho adotivo fizemos sexosexo contos deposito de porrahistoria porno de meninas com seu irmao tarado nocamprelatos comi a gorda na marraconto de encesto sou filho unico meus pais viajarom e eu fui com elescaralho de crioulo porncontos eroticos: menininhas virgens chantageadasConto erotico incesto crenteerotico meu pai me bati na cara quando goza