Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

MEU SOBRINHO TARADO

Jorginho, o sobrinho da minha mulher, de 19 anos, veio passar uns dias conosco no nosso sítio. Levei o menino pra pescar comigo no lago. Ele tava sá de shortinho e eu fiquei admirado com a beleza do corpo dele, alto e forte para a idade, especialmente as nádegas, muito desenvolvidas. Pela primeira vez senti tesão por um menino. E ele sacou.



"Tá de pau duro, tio?"



"É deve ser esse calor que tá fazendo".



"Então vamo tirar a roupa".



Ele ficou nuzinho e meu queixo caiu quando eu vi aquela bunda tão branquinha, lisa e redonda, me chamando. Tirei o calção e meu pau saltou, enorme e durão.



"Nossa tio, que gigante! Nunca vi um pirocão tão grande... Posso pegar?"



"Pode mas promete que não vai contar nada pra tua tia".



"Prometo".



Vi logo que o Jorginho não era novato. Foi logo caindo de boca e abocanhou a trolha de primeira, abrindo bem os lábios. Como é que um menino tão novo já sabia mamar tão bem uma pica grossa como a minha?



"Tu chupa gostoso, neném, como foi que tu aprendeu?"



Jorginho desengoliu o cacete pra responder.



"Foi no colégio, meu professor de educação física me ensina tudo".



"Bom professor, tu mama legal, engole mais um pouquinho, anda".



Com muito esforço e técnica, o menino conseguiu enfiar meus 32 cm de pica grossa pela goela adentro. Que delícia, aquela gargantinha apertada mamando a minha vara...



Jorginho desengoliu rapidinho pra pedir:



"Goza na minha boca, tio, goza".



Não precisava pdir, eu senti que a porra já tava fervendo nos culhões. Foi sá ele chupar de novo pra ganhar um jato quente lá no fundo da garganta. Ele voltou a desengolir, pra enchar a boca de porra e depois melar toda aquela carinha linda, os olhinhos verdes e o cabelo louro ficaram todos melados.



"Nossa tio, você continua durão! Temos que dar um jeito nisso. Deixa eu sentar no seu colo, e meter esse caralhão na minha bundinha, aproveitando que já tá todo melado".



"Ô Jorginho você é tarado mesmo hein?"



"Você também, tio, você gosta de comer garoto, seu taradão".



"Tu é o primeiro, Jorginho, nunca fiz isso com menino antes".



"Então eu é que vou tirar o seu cabaço?"



"Anda, senta logo aqui que eu tô louco de tesão por você".



O menino esfregou as nádegas rechonchudas, macias e durinhas, no cabeção lambuzado, até encaixar a chapeleta no cuzinho que piscava furiosamente. Que técnica!



Meu sobrinho tarado se empalou na minha pica com vontade e foi descendo, devagar, curtindo a invasão do ânus pelo meu cacete gigante.



"Ai como é grosso, é demais!"



"Tá doendo? Quer que tire?"



"Não, não! Dái sá um pouquinho, tá bom demais, eu nunca tive um caralho tão grosso dentro de mim, titio, ai fode o teu sobrinho tarado, fode".



"Taradinho gostoso, que cuzinho apertadinho e tão quente, que bundinha gostosa. Pula cabritinho, salta na vara do titio, salta".



"Ai tio, eu tô gozando, tô gozando sá de dar o rabo pra você, esse caralhão maravilhoso tá me fazendo gozar!"



"Eu também vou gozar, cabritinho, pula, pula no colo do titio, mama meu cacete com a tua xoxotinha de menino safado, mama, ah, tô gozando, tô enchendo o teu cu de porra, neném lindinho, tu tá fazendo o titio gozar muito, que delícia".



E assim a gente saía pra pescar toda manhã e passava o dia todo no lago, fodendo. Minha mulher achava estranho a gente nunca voltar com peixe. Ainda mais que o sobrinho dela sempre contava que tinha visto uma truta gigante, que tinha passado o dia todo lutando com a truta, e ia pescar no dia seguinte pra tentar pegar a truta de novo. Coitada, nem desconfiava que eu tava comendo o Jorginho com a minha truta.



De noite eu dava um remédio pra ela cair num sono profundo e ia para a cama do Jorginho meter naquela bunda maravilhosa. Foi uma temporada inesquecível a que eu passei com o meu sobrinho tarado.





VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos erótico fudi uma cabritinhacontos reais punheta gozadasvendo a cunhada depilando a buceta contosConto de puta metendo com todos no posto de gasolinaconto erótico viagem e colocando sonífero para tiaContos tia de saia curtapintinho na bunda contoscontos eroticos de motoboycontos eroticos cornoscontos de rasgando o cuzinho apertado do novinho que chora de dormeu pai fudeu meu cu na marra conto eroticocontos erótico vovo me arrombandonomuito tempo sem mamar no pautia dando contos cucontos eroticos me mastubo brechando minha vizinhaaConto erotico minha cunhadinha chupou meu pausubrinha pega o tio de pau duro de suprezahome subimisso bebi xixi da rainha minhasobrinhae sua amigacontosContos gay perdi o cabaço com coroafui enrabado pe lo o yravesti na baladaconto erotico gay cuzinho cagando piscando matoContos eroticos selvagem esposasarrou a bucetinha no meu ombro no onibuscontos anal coroa putinha com varioscontos eroticos seduzi meu cunhado e tomei sua porranovinha faz um boquete caprixado e deixa homem xeirado d pau durocontos eróticos me fode caralho vaicontos eroticos tio comendo sobrinhascontos eroticos enganocontos erótico de coroas casados trancando com novinho BA baladasana roludo cenfo cu da coroacontos eroticos afilhadoContos eròticos teens incesto pai e filho novinhos curiosoconto erotico defia um diero comi ela pornoboa fodaxvidiocontos eroticos amiga da minha mae velha coroa viuvaconto erotico infancia brincando sem calcinhaconto de cabeleiro comendo o cu do novinho sem penacontos.veridicos erabando uma,.pretinhanovinhaenteadanuacontos eroticos casei virgemconto erotico novinhos no semáfororelatos eroticos/traicao consentidaconto gay filho ve o pai com o pau duro e perguta o que a quinloconto erotico calcinha no varalcachorro do pau grande comendo a mae conto eroticoconto de uma pica grande arrombou meu cu virgem chorei de dorcontos com letras grandes , a rabuda e os dois travecosarrombado cu de subrinha contocontos erroticos eu melava minha calsinha para meu amigo chera elacontos eroticos d filhotes mando mulherescontos eroticos pedreiroNovinhas de cintura de pilao com seios fartos em praia de nudismoconto erotico sou vaca leiteira eu gostocontos torei o cu da filhinha da vizinha e eia acostumou tds os diasdelirei com a pica entrando no meu cuzinhocantos erotico brincando de baralho com sobrinhaContos punheta na massagem no penis do meninoFui obrigada a da a bucetavidio muher trasa com homen com pido pequenoconto erotico pai come nora e o filha veconto menininha sentou no meu paueu e minha filha no baile funk contos eroticosregasado a xota vizinha istoriascontos eróticos esposa estuprada e desmoralizadao negao me comeuminha delicia de filha me provoca contospeguei minha enteada contos eroticosfes sexo com a mae e a filha delatransei com a sobrinha gostosapunhetando filho contos eróticosContos er meu que pitao peludoMeninas novinhas de onze e doze perdendo a virgindadecontosCasada narra conto dando o cuConto de muitos machos para uma puta depravadacontos gays comessado pelo primocontos eróticos genroContos eroticos de cunhadas