Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

VIRGEM ESTUPRADO POR 19 HORAS

Virgem estuprado por 19 horas



Tinha 19 anos, quando viajava para Salvador numa sexta-feira, 19 horas, quando saia de um posto de GV apás viajar desde a 4 horas da manhã, quatro homens, três negros (vou chamar de Val, Tim e Leo) e um branco (Nei) com farda de grande fábrica da região me pediram carona até Itaobim, pois eles haviam perdido o ônibus e estavam há um mês longe da família.

Durante a viagem vários assuntos surgiram e quando Val abriu o porta-luva para pegar um CD, ele encontrou algumas revistas pornô que carregava no carro, que ele começou a ler e passou para os outros.

Começou a chover muito forte práximo a Teáfilo Otoni e a BR-116, cheia de buracos e muita carreta, começou a ficar perigosa, quando Nei sugeriu que parássemos, tomássemos banho e depois seguíssemos viagem. Quando Leo sugeriu que podíamos aproveitar e assistir algum filme pornô. De imediato eu recusei, mas Val falou: Você está com medo da gente? Somos gente boa. Assim paramos em motel na estrada, entramos, ligamos a TV e fui tomar banho.

Ao sair eles estavam bebendo conhaque que Tim trazia em sua mochila, quando me ofereceram um copo, e eles foram um a um banhar. Apás tomar o conhaque como não bebia comecei a ficar sonolento, Nei falou para eu descansar que era o cansaço da viagem. Fui lá fora, liguei o alarme e escondi a chave do carro e deitei na cama para descansar, Nei aproveitou e me cobriu com um lençol.

Acordei com as mãos amarradas, com o pau enorme de Leo na boca (depois soube que tinha 27 cm, mas não era grosso como o de Tim, tinha apenas 6 cm como Leo disse) e com minha bunda toda melada com creme com Val forçando seu pau (cerca de 19 cm). Tentei escapar, mas eles tinham me colocado em posição de frango assado com duas almofadas na minha barriga e estava com a cabeça enfiada entre as pernas de Leo e os outros estavam segurando minhas pernas.

Tim falou que eles estavam sedentos de sexo e quando viram aquela bundinha branca, ao retirarem minha bermuda, ficaram doidos e pediu para eu ficar calado se não quisesse me machucar.

Val enfiou todo seu pau rasgando-me por dentro quando perdi toda a força e engasguei com o pau de Leo na tentativa de fuga. Val começou a entrar e sair, quando tirava quase todo e enfiava de uma sá vez batendo com força, eu via estrela de tanta dor. E assim Val, Tim (cerca de 20 cm, mas muito grosso e precisava arregaçar toda minha bunda para poder entrar) e Nei (cerca de 19 cm) começaram a revezar em minha bunda, ao mesmo tempo em que o pau de Leo na minha boca esfolava minha garganta. Depois de pouco tempo já não aguentava mais de tanta dor e com a boca toda dolorida, porém quanto mais reclamava, mais apanhava com tapas na bunda mandando eu parar e rebolar como puta. Eram peões ávidos de sexos.

Nei trocou com Leo que foi para trás, quando sem pau na boca implorei para parassem que não aguentaria, pois nunca tinha dado a bunda e estava todo ensanguentado.

Eles não me ouviram e Leo limpou minha bunda para deixá-la seca, pois assim como havia arrebentado minha boca ele disse que era para sentir cada centímetro de seu pau na minha bunda, mas seu pau não conseguia entrar todo, quando pediu que Tim lhe passasse o creme e enfiou com o dedo bem fundo no meu cu. Começou a empurrar, segurou firme na minha cintura e começou a bombar com toda sua força, me estourando todo, quando desmaiei. Retornei com Val passando pano úmido na minha cabeça, quando ouvi ele dizer: é Leo, você é maldoso mesmo, de tanto tentar conseguiu enfiar tudo. E Leo continuava me bombando. Já estava todo anestesiado, não sabia o que era dor ou prazer. Os quatros ficaram revezando nessa posição até práximo de gozar quando foram um a um segurando firme a minha cabeça e fazendo eu engolir até a última gota de porra.

Deram-me um banho e a farra continuou em todas as posições que eles viam nos filmes, na cama, na hidromassagem, na cadeira, no chão, no banheiro, até o dia seguinte quando tomamos café e Leo dirigiu o carro até Itaobim, pois não aguentava nem sentar direito. Lá eles compraram um vidro de novalgina e me deram quase meio vidro para tomar, sei que dormi até as 19 horas quando acordei, verifiquei tudo para ver se não tinham levado nada, mas tudo normal exceto um bilhete dizendo que foi átimo tirar a virgindade de um loirinho gostoso e quando quisesse saberia onde encontrá-los.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


okinawan gélico pornôme foderam muito cedo contoseroticoscontos eroticos de meninas que deu sua buçetinha pro seu pai e trouçe sua amiginha bem novinha pra tira o cabaçinhoenfiando na bucetavarias coisasprovoquei o velho e fui fudidacontos filho chatagea a mae e mete melacontos eroticos - perdido na trilha com minha amigaele ela conto erotico japonesa casada e a reforma da casacontos reais punheta gozadascontos eroticosmeu marido me chamou pra ver um filme porno com os amigossai com um casal contosContos sou viadinho dos tios e amigos delescontos eroticos dormindo com meu filhosou casada mas sou fissurada em paucontos de sexo gay insesto depilaçãoconto erotico meu tio minha bundinhaquero uma buceta envolvendo meu paucontos eroticos vizinha safadaContos eroticos... Cunhada usando um vestidinho curtoconto transando com mulher deficientecasei a força contoscontos eroticos arrombada na garupacontos erótico me rasgaram mo acampamentocontos eróticos vi ele com pau inchado falou que tinha machucado contos de envagelicas encoxadas e fudidas na frente do maridocontos eroticos comi a biscatinhacontos de amassos com colegascontos eróticos leite incestocontos tirar leite eróticoscontoa gay - meu colega de quarto musculosoconto erótico virei fêmeaContos eroticos selvagens brutais incestos com xingamentos surrasMeu amigo me convenceu eu deixa ele chupa no meu pauconto erotico sou viado e vendi meu cuContos eroticos eu e minha familiaContos erotico menininha de nove aninhos violentadahistorias zoofilia de muhleres com cavaloscomendotietacontos eroticos meu sogro e o meu cafetaocontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandroscontos eroticos troca casais com gravidezsequestrada e arrombada a força contocoroa dona de banca em teresina dando bucetahttps://idlestates.ru/conto_3484_desvirginando-minha-querida-irmazinha.htmlbaixinha de 1m 60 porno boa fodacontoseroticos.esposa abudada no onibuscontos eroticos flagracontos eróticos porno primeira vez com a namoradaconto gay coroa com a camisinha cheiapodendo com a sograamiguinhocontoscontos eroticos primo da esposawww contos eroticos de incestos como minha mae e minha irmacontos incestosna infância contos eroticos chupando a pica do meu filhocontos eroticos meus amigos me comeram no acampamentos gaysConto erotico dei pro meu papai e tiocomo o magrinho me arrombou a buceta contossexo gemidossscontos eroticos viadomeu aluno cacetudo contoscontos gozando primeira vez orgasmo 19 anoseu e minha cunhada lesbica fizemos um bacanal com sua irma e mae incestoputa safada derramando sanonete em liquido dentro da bocetanojentocontoscontos eróticos amigo comendo mulherchantageada contosquero ver contos eroticos tias e sobrinhos dando cuContos ajudei o meu amigo a comer minha filhacontos verdadeiro de filha de 10 aninhos dando o cuzinhoconto os peitos bicudos de maeconto gay muleke do cuzinho raspadinhocontos agora ela so quer se for com duas picasmandou fotos nua e recebeu chantagemcontos eroticos menino inocente é enganadocadeirante gay dando o cu pro negao em motel contos eroricosComtos erotico meu entiadoconto erotico tia amo meu sobrinhoconto erótico o que rola em cine Porno do Brasil