Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

SÉRIE - UM ATIVO A GOZAR – NO MATAGAL DO PRAZER.

O sexo, o prazer, o desejo e tudo que uma noite nos deixa imaginar. Eu estava assim, sentia o prazer o e desejo fluir diante do sexo e das vontades.



Eu havia realizado meus desejos, fuder gostoso um menino novinho, o fazer gemer de prazer e de vontade, o fazer gritar na minha vara, o fazer mamar gostoso e tomar o leitinho quente.



Foi desta forma que desejei e realizei o Douglas. Ele novinho, corpo de menino e beijo de garoto, agora ele era meu, eu homem de 19 anos tinha realizado meu desejo, fuder, abrir e gozar em um rabinho de um menino, de jovem que aprendia a desfrutar do prazer do sexo, porem muito mais do que comer, enrabar e chupar todo este menino é o sonho de acreditar que sexo é um prazer mutuo.



Eu estava feliz, ia todos os dias ver Douglas e ficar com ele. Era nosso segredo, era nosso prazer, pois sua mãe a gostosa dona Sonia estava trabalhando, ela gostava e achava que eu era a melhor companhia para seu filho, que era por todos os dias beijado, abraçado, comido e arrombado por mim, ele era minha menininha, minha putinha novinha que descobria que dar cuzinho era bom, era prazeroso, gostoso.



Douglas era meu menino, porem via que sua mãe estava me dando bola, ela era bonita, gostosinha e tinha um rabo de dar gosto e super simpática apesar da idade dava pra comer, mas sabe eu tinha um caso com o filho dela, mas sentia que ela estava afim de mim.



Mas eu desejava e gozava com minha rola no rabinho de seu filho, em uma tarde de sol estava eu e ele passeando quando tivemos a idéia de entrar em um matagal para dar uma, logo adentramos em uma mata fechada e abaixei o calção e deixei ele saborear dos meus 19 cm de prazer, ele mamava gostoso, sentia sua língua deslizar diante da minha cabecinha e o prazer tomar conta, porem era de tarde e o medo de ser pego era grande, mas valia a pena. Era delirante ver aquele garoto saboreando minha vara, ele engolia tudinho e parecia estar aprendendo a cada dia mais como dar prazer a um homem, sua boca gostosa subia na direção da minha e seus lábios juntavam ao meu. O sol da tarde adentrava ao matagal e o nosso abraço se tornava mais delirante, sentir o prazer, o toque o desejo daquele que era um menino estava alem das somatárias da vida.



Ele era lindo, um olhar penetrante, uma boca gostosa e um rabinho novinho e gostoso. Ele era todo meu, e sabia fazer de uma tarde no mato algo diferente, pois sua boca, sua pele lisinha e seu corpo quente me faziam sentir prazer e desejo.



Eu tocava em seu corpo e abaixava minha mão forte diante daquele gostoso rabinho, o fazia desejar, respirar de prazer e fazia ainda aumentar minha vontade de naquele mato enrabar meu garoto.



O medo tomava conta do prazer e ele exatamente de quatro com seu short abaixados me fazia delirar, via seu buraquinho louco para ser atolado pela minha rola, o beijava na macega, passeava minha língua em seu anelzinho, e ele de repente estava pronto e sendo comido, pois minha vara começava a atolar aquele buraco gostoso, eu enfiava devagarzinho, mas loco estava metendo com força, ele gemia, gritava de prazer e eu com a mão tampava sua boca para não chamar a atenção de alguém, mas era gostoso, parecia que era a primeira vez que comia aquele rabinho, ele gostoso, novinho, gemia e gritava de prazer, uma putinha serena de prazer.



Um garoto que descobriu o prazer de dar o rabo em um mato urrava. Sentia os 19 cm de pica dentro seu cu. Era agora um viadinho formado e diplomado.



Eu gozava e enchia naquele mato em final de tarde seu cuzinho de porra, ele parecia delirar estar feliz e aberto. Eu gozava e tirava de dentro do seu anelzinho minha rola molhada de prazer.



Beijamos-nos, se abraçamos e realizamos uma fantasia, ele dava em um matagal e eu gozava e ensinava a ele que o prazer não tem limites.



Porem depois de tudo isto algo diferente estava por acontecer, ao chegar à casa de Douglas fui surpreendido por sua mãe, fui seduzido e comido por ela, mas esta foda com a velha eu conto no práximo episádio.



Continua...



-



ASS – ThyAggo



MSN:



[email protected]



---------------------------------------------------------------------------------------------------------



Acesse:



portalgayms.blogspot.com



portalgayms.blogspot.com



portalgayms.blogspot.com



VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


adoro menino sacudo contosContos eroticos de de lindos travestis tarado por cuContos meu sogro arrombou minha bundacontos eroticos gay dei o cu pro meu vizinho criminosopadrasto entra no quarto da intiadinha gostosa e transa com elameio dormindoconto erotico gay esconde escondecontos papai socou tudo no cu da filha ela se cagoucontos minha irmã minha putacontos minha irmã minha putacontos eróticos cantada na rua não resisti e traíContos erotico orgia no meu cuConto exibicionismo sem sutiãconto porno so danda molequeconto megao roludp fudeu. minnja mulhercontos eróticos comi a bunda da minha tia enquanto meu tio dormirconto cabaco xota cuContos eróticos dotadosfui violentada por um travesti que deixou minha buceta toda meladaconto ajudou cornoporno com amiga loira baixinha encorpadinhacomendo cu tia 57anoseu confesso sou puta desde novinhaconto erótico cabecinha do grelominha prima e uma jebagozada na boca suelicontos eu minha esposa meu pai e meu irmao na putariacontos de coroa com novinhopornô brasileiro fui trabalhar na casa da minha tia e comi minha prima de baby dollCunhada dormindo com a bundinha descobertameirinha chupando dentro do carrocontos eróticos punheta para afilhadacontos eróticos espiandome arrombou corno contosfodi amiga da minha mae vai mete vou gozar cotoscontos negao na praia de nudismocontos eróticos adicionei o menino e deiconto real casada moro na casa do fundoaconto minha cunhada me surpreendeuconto erotico machucando o esfínctercontos eroticos enteada e amiga de biamolecendo dentro da xanacontos gay cu arrombadovoyeur de esposa conto eroticoúltimo contos anal de sobrinhacontos eróticos ele colocou o vibrador na potência máxima na minha bucetatravesti bem dotado chupando o c****** da mulher do cumolicescomi a adilhada novinha loira olho azul contoconto banho com tia timidacontoseroticosdesvirginandoPorno de corno com mae e filha gemeno e gritanoconto erotico praia de nudismoai que lambida contosescutou gemido da esposa sendo enrabada contodoce nanda parte dois contos eroticoscachorro pinche lambe buceta e festacontos erótico esposa assediada no camarote do showpatroa dando a buceta pro vendedor ambulante contos eroticossofri no pau de outro contoA dançarina e o gostoso da professora de dança contos eroticocontos de insesto fatos.comreaiscontos eroticosfudendo bucetinhas de dez anoscontoseroticos tia amamentando o sobrinhomãe, filho, beijo na boca, excitado, biquini praia seios beijo boca camisolsconto erótico papai obedecercontos eróticos -vem mamar a rola do tio vem...Contos eroticos submisso amarrado engravideicontos de encesto marianaesposa conta para o marido que ele é corno e que seu amante vai fuder ela na frente do corno e depois vai transformar o corno no maior viado e vai leva sua outra amante pra fuder com a esposacontoseroticosrolacontos de mulheres casadas com travesti na camaContos eroticos orgia forçadacontos eroticos comendo minha ex e primaContos de traição recebendo beijo acabei traindo o meu maridopretinha choradomuito pornolconto erotico comendo minha funcionaria no cpd mais ela e noivamconto erotico meu irmão me fez mulherconto erotico jogando game com o garotinho