Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

QUERIA MASSAGEM MAS LEVOU VARA

Foi a mulher dele quem lhe disse que eu poderia lhe dar uma massagem antistress. Estava mesmo com o pescoço tenso e duro, precisando de pronto atendimento.

Não me perguntou se sou fisioterapeuta, foi mais é chegando e pedindo pelo amor de Deus um alívio.

Sempre coloco música suave, converso baixo com a pessoa, uso um grau de serenidade que nem tenho em tão alto grau, mas acontece.

Ele conversava sonolento comigo, fazia de conta que adormecia e acordava. Numa certa altura perguntou-me se nunca havia rolado uma transa durante a massagem. Dei uma de João sem braço respondendo: poderia ter rolado sim, mas eu sou aquele cara que, estando no trabalho, sá mesmo se a pessoa se declarar cem por cento, porque não posso vacilar. Não rolou mas poderia ter rolado, porque cantadinhas despistadas sempre ocorrem, mas ninguém rasgou o verbo até hoje. Perguntei-lhe: porque você fez a pergunta?

Ele disse que era curiosidade, pois ele práprio se sentia tipo entregue, nas minhas mãos, e acha que os profissionais sempre aproveitam esse poder sobre o paciente para seduzi-lo, para avançar o sinal.

Respondi-lhe: eu não sou fisioterapeuta. Faço massagem nos meus familiares e sá para alguns poucos amigos. Mas eu não saberia usar disso para uma transa gostosa se a pessoa não tivesse iniciativa, não estivesse motivada para tanto.

Aí ele foi ficando molenguinho, enquanto eu massageava um braço, pousou o outro em minha perna; depois, quando trabalhava pescoço e homoplatas, por trás, ele foi se encostando mais que o necessário. Não tive como me controlar. Quando lhe daria um trato na face, ele percebeu meu volume, levou a mão dizendo: que coisa mais gostosa você deve esconder por aqui, meu senhor! Cheguei mais práximo, ele cheirou por cima da calça, depois mordiscou, depois retirou minha pistola dura pra fora e mamou como bezerro faminto.

Eu gemia de prazer, enquanto ele mamava, deslizava a lingua da cabeça até o talo, abocanhava meus ovos e me fazia gemer ainda mais.

Eu o detei de costas, lambi os peitinhos dele, mordisquei, fui até as orelhas e lhe dei suspiros, beijos e mordidinhas gostosas. Depois o coloquei de bruços e deslizava as mãos sobre as costas dele das pernas até o pescoço, pincelando o botãozinho do meu gostoso rapaz, até que ele elevou a bunda e interrompeu o movimento fazendo com que a cabeça da pica se encaixasse no seu buraco rosado.

Dali até o talo foi sá questão de minutos. O cara metia gostoso demais, meu amigo. Gemia, chorava, fazia vai-vem. Depois me pediu que o penetrasse de frango assado que era para a gente fozar se beijando. Deu tudo certinho como ele queria e a gente transou uma tarde toda. Mamou mais e mais minha pistola no banho, depois me pediu para comê-lo em beira de cama, depois na cadeira, com ele sentado no meu colo agasalhando a malvada.

Nada me fizera mais delirar que quando ele pedia: vai, meu senhor, atola tudo, me bate na bunda pra eu gozar chorando, bate! E quando sentia porra quente esguichando lá no fundo, fazia estardalhaço, berrava, dizia palavrão e apanhava mais enquanto sentia prazer, chuva de porra e vara dura atochada.

Temos encontrado pouco por falta de oportunidade, porque ambos somos casados. Estou super saudoso de traçar aquele material. Ele é tesudinho.

Espero casados, com mais de 40 anos e mais enrustidos que liberados. Mas todos podem enviar mensagem, sem restrição. Estou batendo uma gloriosa enquanto releio este conto. [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


adorei ser encoxada pelo meu filhocontos eróticos quentes minha namorada em dp reaisContos eroticos no acampamentocontos de esposa dando pro cunhadocontos porno estuprarão meu marido na minha frenteconto mulher casada encoxada na padariawww.meu filho mim comeu com doze anos contodei pro meu genroRenato shortinho coladinho fazendo na rolaconto mamando vizinho casadocontos eróticos patroa da mãeconto erotico esposa sofre com o negaorelatos comi a crente na marraconto de comi o cuzinho da minha prima novinha que chorou com a pica grandeContos implando porra na bocaminha tia casada matutinha contoscontos eroticas uma rapidinha e um goso gostosoContos eroticos de padreContoseroticosnafazendacontos.erot meu genro bem mas velho.que a minha filhacontos eroticos depessoas normais reaisvelha aqueles tempos do capô de fusca bem rapadinhaconto picante com colegaconto erotico sentado no colo baicha saiaflogdosexo.compauloelizabethCorno em calcinha contoO primo do meu marido é meu machocontos porno meu marido perdeu o jogo e detonaram meu cuhistoria de contos eroticos com pasteleirorelatos eroticos casadas com negao e velhoC EROTICO MENINA D SETE ANOS AGUENTOU O PAU TODINHI DO PRIMOa travesti me meteu a pica fiquei apacjpnadocontos erotico eu minha esposa e meu primocontos a mulher casada aiiiiiiiiiiii meu cuuu ai vou fala para meu maridomeus sobrinhos conto erotico gaycontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anoscontos eroticos gay meu vizinho de dezenove anos me comeu quando eu tinha dez anosbotando a patroa pra gozarcontos eroticos encoixada pelo caderantesarrando na pica com short cavadorelatos comi na marracontos eróticos eu quero te fuder mas aqui vão vercontos erotico d fui dormi so d calçinha com papai me ferreibotando caralho no cu do bebadoconto gay zoofilia com galinhaconto erotico de casada eu meu cunhadocontos eroticos droguei minha priminha ninfeta e comicontos esposa com velhoContos corno mansocontos e vidios padrinho gay e afilhado so enrrabadacoroa.muito.gostosa.43.ano.cimasturbandocarla doida por roludos contosComtos casadas fodidas pelo filho e o sobrinhocontoseroticos irmoes e irmã no assaltocontos eu marido na prai de nudismocontoseroticos assaltoum negao pegou minha mulher contovideo porno primo sente atração pelo outro primo homensgoogleweblight/buceta virgem/ fotostinha perder sua coroa no seu pau do negrãoconto esposa na orgia do carnavalcontos eroticos gay o pastor me comeucontos eroticos casada vê abelhar com pau grande no cúcontos eróticos de irmão comendo a irmã pequenininha novinhaminha mae contos eroticosela pediu pra parar mas continuei empurrando na putaLevou susto más gostou porno empregadacontos eroticos de cdzinhahistorias de meninas safadinhas que tem casos com padrastosconto erotico meu amante e mega dotadoloiro do olho verde me fazendo um boquete gostoso perto da piscinameu primo pegou no meu penis de 10cma menina testemunha de jeova se fudeu contos