Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O GORDINHO E O TIO

Eu tinha 19 e era um menino gordinho e desengonçado e grandalhão. Eu era a vitima no colegio.Todo mundo me tratava com gosação. Era chamado de barrica, pançudo, melancia e outros apelidos relacionados a meu peso. Por isso eu era muito complexado e timido. Um tio meu passando de carro pelo colegio na hora da saida viu eu num canto chorando com um monte de meninos me perturbando Ele parou o carro e deu um esporro na mulecada e me levou de carona pra casa. N caminho ele foi fazendo pergunta sobre o que tinha acontecido e eu falei que odiava ir no colegio porque nao aguentava mais a gosação dos colegas. Ele perguntou como eu estava no estudos e eu disse que fava indo muito mal porque nao tinha vontade nenhuma de estudar. Ele disse que poderia me ajudar nos estudos e a medida que eu mais aprendesse, ficasse mais sabido, eu iria superar meu traume e os meninos passariam a me respeitar. Disse que daria aulas particuoares pra mim nos finais de semana. Falei com meus pais e eles acharam otimo. Meu tio era solteiro e morava num apartamento na Mooca. Sexta feira a noite eu ja ia pro apartamento dele e ele me ensinava até sabado a tarde. Na primeira e segunda semana foi tudo normal. Na terceira semana quando chequei ele logo foi tomar um banho e eu vi em cima dum sofá umas revistas de sacanagem. Tinha até revista gay. Fiquei olhando e me distrai e nem vi que meu tio tinha saido do banho e apareceu atras de mim. Levei aquele susto. Ele deu uma gargalhada e disse que tinha esquecido de esconder as revistas. Eu falei que nunca tinha visto aquilo mas ja tinha ouvido falar. Ele disse que tinha coisa pior que aquilo na internet e que depois dos estudos, se eu quisesse ele me mostrava um pouco. Fiquei pensando naquilo e quando terminamos as aulas eu lembrei ele de me mostrar. Ele entrou num site gay cheio de videos. Eu estava sentado ao lado dele vendo o que ele me mostrava. Ele perguntou o que eu estava achando daquilo e eu respondi que nao sabia. Ele falou rindo pra me provocar: -"não sabe mas ta de pinto duro né"? Antes que eu falasse que nao tava duro ele levou a mão no meu pinto e disse:- "é ele nao ta duro não mas vai ficar" e ficou mechendo nele. Comecei a gostar daquilo e realmente meu pinto endureceu. Ele então abriu meu short e tirou meu pau pra fora. Ele me levantou com jeito e me colocou no colo dele e continuava a me punhetar com dois dedos. No computador tava passando video de um cara comendo o outro e meu tio perguntou se eu não queria brincar daquilo que estavam fazendo no filme. Eu falei que queria, então ele abaixou meu sorte, tirou o pau dele pra fora e me colocou sentado bem em cima dele. No video aparecia um cara com o pau enfiado no cu do outro e ele disse que ia fazer o mesmo. Nem liguei porque se no filme o pau entrava no cu do outro, podia entrar no meu tambem. Meu tio me levandou, fez eu ficar curvado e apoiado na mesa, veio por tras e enconstou a cabeça do pau no meu cu. Achei o contato bem gostoso. Depois de um tempo ele disse que ia fazer entrar. Passou saliva na ponta e começou e enfiar devagar. Como eu disse, eu era todo grandão e o pau não teve dificuldade em entrar todinho. Meu tio me comeu por uns 19 minutos. Eu adorei. Nessa noite meu tio disse que a gente ia dormir na mesma cama. Fui deitar primeiro e cai logo no sono e eu tenho um sono pesado Derrepente acordei com meu tio me cutucando a bunda. Ele ja tinnha abaixado meu pijama e eu nem tinha percebido. Fiquei quetinho e mais uma vez ele meteu todo o pau dele no meu cu. A gente tava de lado mas eu achei que se eu deitasse de barriga e coisa podia ficar melhor. Virei, meu tio deitou em cima de mim e enterrou o pau como nunca tinha feito. Eu arrebitava bem a bunda pro pau entrar mais Vi que era gostoso ficar mechendo no meu pau com meu tio enfiado no meu cu. Foi a primeira vez que gosei. Meu tio continuou me dando aulas mas quase sempre eu estudava as materias sem calças, sentado no colo dele e com o pau no meu cu. Como eu passei a gostar de estudar, principamente daquele jeito, logo comecei a aprender as lições. Melhorei muito na escola, meus colegas passaram a me respeitar e muito contente passava toda a tarde no apartamento do meu tio para agradecer.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto cine porno gay Recifea gostosa minha madrasta me vigiando com me masturbandoContos erticos trouserao meu marido bebado pra casacontos eróticos gay marombasporrnodoido com anacontos eroticos Araguaina ToContos eróticos japonesaPrimeira vez q dei o cu vestido de travestbotando a patroa pra gozarSou envagelica, Meu amigo negão roludo comeu meu cú. Conto erótico heterossexual.Contos eroticos comendo a mae e a tiaFui cuidar do meu sobrinho doente e transei com ele contosconto xotA cu filhinhocontos erótico cunhada de resguardemãe, filho, beijo na boca, excitado, biquini praia seios beijo boca camisolsmeu pai gozou no meu cu contos gayaengravidando contos eroticos de incestoa calcinha toda travada no raboGay passiva com dois negoes contoscontos masturbcontos eroticosde incestos anal chorandona picacóntos eroticos eu e minha irmã chupa pau de traficanteconto corno calcinhacontos exitantes fudi amadrinha da minha primanamorada sem calcinha no sofá mostrando a b***** para o namorado e f****** com eleContos eróticos fim de ano genrocontos eroticos mulheres de 60 anos gostosas fudendo no estupro e gostandoconto erotico minhas prima se apaixonou por mimcontos erotico comeram minha bunda na festaanão transando com jamaiscontos de Huum Pauzao papai ..ai mete vaicontos vizinha feiarelatos verídicos de aventuras eróticas com mendigocontos eróticos vovócontos eroticos gay aprendi pra que serve minha bundacontos lu casadavideos de garota sendo desvirginadas do cu e buceta elas chorando e gritandoMimha mae me obrigava dar a peluda para o picudovisinhalesbicaConto troquei o oleo com meu patraover uma mulhervelha arreganhando a priquita com os dedosconto gay eu e meu irmao viramos veadocontos eroticos "recatada"contos eróticos esposa queria descobrirconto peidei no pau do negaocontoseroticoscomendo a baba e minha sograpai me comeescandalosa enrabada contosContos eu transo com meu sogro pauzudocontos de metendo em uma peluda ruivaconos eróticos verdadeiro convenceu a mulher a a bundaconto eroticos gay meu primo comeu meu cuconto erótico minha esposa caiu na ciladacontos eroticos no cuzinho ninguem vecontos eroticos abri sua boceta e minha porra escorria do seu buracoconto comi o cu do sogrocontos eróticoesposa e sograminha amiga me levou p suruba contos eroticoschat para tc com mulherescasadas"amor vou dar" amigo colegacontos eróticos fictício de ginecologista e grávidacontos bi eu e meu primo e minha prima meu primo gozo no meu rabocontos eroticos sodomizadominha cunhadinha virgemContos eroticos menstruadavizinha trai marido com cunhadinho contosconto erótico chupa greloCuidando do meu pai acidentado contos de incesto femininodandoocucontoseroticosproctologista me comeu gaycontos escola sexocontos eroticos de mulher casada que gosta de trair o mardo com negoes e levar tapas na cara na frete do corninhomeu corpo que era devastado pelo seu pau ainda duro contos eróticos Conto erotivo estupro veridicodescabacei um heterodandoocucontoseroticosmenina sega do trabalho e vai tranza com a amigaincesto primo bolinando prima pequena de cinco anosfui comida peloamigo transexual contoscontos eroticos pagamentoconto erótico piroquinha da mamãerose empregadinha contoscontos eróticos gay meu primo cumeu meu cu no sofacontos erotico chantageada no metroconto erotico arrombei o travesti do baile funkcontos fodi menininha por docescontos eroticos festa a fantasiavidio porno meu.amartes.mim pegou de geitoContos eroticos patricinhamae coroa mechama pra viaga com ela e durmo com ela insexto gostosa pornoMulheres se jutao para fazer xexo contosconto minha titia popozuda tomou banho comigo conto erótico "totalmente peladinha" ruaprima renata parte 1 contosxvideo ai sim anaconda toda dentro