Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

A GORDA LINDA E SUBMISSA - RETIFICADO

Muito bem, tenho 28 anos e sempre fui tarado, e sigo cada vez mais. Não sou do tipo galã, mas compenso com outros atributos. rnTive a sorte que aqui em Porto Alegre, existia um tele-amigo que era gratuito, e sempre fui bom de papo, o que me rendeu muitas fodas, com tipos de pessoas muito diversas.rnLiguei de 19 aos 25 anos, que saudade...rnUma vez conheci uma menina de voz bonita, era técnica de enfermagem. Aqui seu nome será Bruna. Ela era tímida e misteriosa, fui descobrindo aos poucos aquela mulher. Apás encaminhar o papo para sacanagem, perguntei suas fantasias e ela disse que na cama gostava de tudo. Eu disse que tudo podia ser demais, mas ela me garantiu: TUDO SEM EXCEÇÃO! rnMarcamos um encontro, mas antes de sair de casa liguei, afinal já tomei muitos canos nestes encontros as cegas. Ela não atendia... Pronto, mais um cano. Tentei mais algumas vezes e em fim ela atendeu. Precisava me dizer uma coisa, mas tinha vergonha... Ela era gorda. rnNão sou de renegar nenhuma mulher pela aparência, pois a afinidade na cama e fantasias é o principal em minha opinião.rnA convenci de ir ao encontro, pois havia gostado mesmo dela e pra deixá-la mais a vontade, disse que era minha maior tara possuir mulheres gordinhas. A garota de 22 anos que fui buscar perto de sua casa, realmente era muito gorda e um tanto mais alta do que eu, porém seu rosto era lindo. Gostei demais dela. Era muito insegura e tinha medo que eu desistisse de sair com ela. Fomos a um motel, não fui nada romântico, mas agia amigavelmente.rnNo quarto nos beijamos e fui tirando aquelas roupas largas, empurrei ela na cama e ela caiu de mau jeito. Fiquei com um pouco de pena, mas ela me olhou e disse: Gosto assim. Faça comigo o que quiser. Seu ar era de submissa.rnConfesso que me senti poderoso diante daquela mulher. Na nossa conversa ela havia dito que pedia pro seu ex-namorado, mas ele dizia que a amava tanto que não tinha coragem de aplicar os tapas que ela tinha desejo. Parti pra cima dela enquanto ameacei beijá-la, mas na verdade prendi seu lábio inferior com meus dentes. Seus peitos eram tamanho GGG, e eu os apertava um contra o outro. Beliscava os mamilos como dois prendedores. Enrolei seu cabelo comprido na minha mão e a puxei pra trás. Sua calcinha era preta e enorme, mas o cheiro era muito bom. Tinha carne demais... e eu ADOREI. Pedi que deitasse de bruços pra ver com atenção o tamanho do rabo. Puxei sua calcinha pra cima e fiz um fio dental. Gostei do resultado que bundão maravilhoso, com certeza teria que escolher a posição, porque meu pau parecia pequeno para aquele corpão.rnDeixei-a toda pelada e usei as duas mãos para separar as metades de sua bunda. Vi um cu lindo e uma buceta maior do que de uma égua. Não resisti e apás uma acariciada circular na região do clitáris, enfiei logo três dedos com muita facilidade. Apesar de não soltar um gemido, ela ficava com uma cara de muito prazer. Olhos fechados e mordendo seus lábios. Uni meus cinco dedos e fiquei forçando, colocar o punho inteiro era uma questão de paciência. Logo me imaginei com o braço todo dentro dela, ma isso ficou pra outro dia. Virei-a de frente, coloquei meu pau todo babado na boca dela. Comecei a foder aquela boca. Forte e fundo. Ela engasgava, mas não recuava. Uma hora ela pediu desculpas pela ânsia de vômito, porém aquilo me deu ainda mais tesão. Comecei a dar socos leves na cara dela. Para me avisar que curtiu soltou um gemido, e eu fiquei ainda mais louco... Aumentei a força do meu punho... Em fim, gozei muito na sua boca, ela fez questão de engolir tudo e deixar meu pau limpissimo. Muitas outras coisas loucas fizemos, mas este conto já ficou longo demais. Sá tenho a dizer que lembro dela com muita saudade. Até a práxima!rnContato: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos sexo meu filho meu homem Mulher que fica çarando o priquito uma na outra ate sair galaconto erotico o motorista me comeu e meu marido nao viuCunhada dormindo com a bundinha descobertacantos erotico brincando de baralho com sobrinhaContos eróticos suruba com homens velhos na peões da fazendacontos eroticos carona com pai e filhinhacontos erotico na praia de nudismo com meu sobrinhocontos eroticos fui putinhacontos verdadeiro de filha de 10 aninhos dando o cuzinhof****** a b***** da vizinha gostosa de ladinhocontos eroticos, venerava meus mamilosconto erotico meu genro comeu meu rabo na marrao ajudante de pedreiro chupou minha rola quando eu tinha dez anosdou meu cu para meu amigo colorido contos eróticosprimos e primas transando enquanto os pais saíram totalmente Pelotasconto pernas fechadaswww.flogdesexo.compauloelizabethcontos eroticos coroa carentecontos tio enrraba sobrinhochupando coroa empinadinha boa de f***conto damdo p o comedorafeminados de praia grande contatoscontos safados purezarelato conto: meu me incentiva a usar roupas provocantesconto cavalo metendo tudo no travestiv¨ªdeo porno lambendo o saco do cara?contos eroticos de cu fedidoconto.mara.encaro.um.super.dotadolevantou a saia e relou na calcinha no buzaoEu, minha sogra e meu marido-contos-incestome apaixonei pelo um bandido conto heroticoconto erótico enteada querendo dar po padrastocontos eroticos meu amiguinho me encoxouclassificados evangélica procurando cornocomo fazer pra minha namorada veste shortinho curtocontos eroticos prima 32noseu mae e filha contos de sexoContos lambendo cu cagadocontos erotivos mamar no pau infanviagreludinha na praia contocoroa grita tica doida paucontos eroticos titio na praiacontos eróticos de bebados e drogados gaysConto erotico banho maeconto erótico de tiazinha rabudaContos gay sou sua eroticospai t***** acariciando a bundinha da filha e goza sem pararcontos de cus arrebentadosencesto mae envagelicaconto esposa exibicionista sensual pra molekcontos erotico gay negro dando pra brancoContos homem fudendo a vizinha lesbicacontos eroticos nos clubes de caldas novas casadas traindomeu pai me comeu contos eroticostoda e Vânia chupando a bocaContos minha irmã e minha putacontos de sobrinhas sem calcinha na igreja sentada no colo do tiocontos da minha mulher tomando banhocontos sexo incesto amo meu filhomeu aluno bate punheta olhando minha bundavo dando gostoso pro neto gosa dentromeu tio um coroa safado contocontos eroticos travesti gordavizinho tezudogostosa de shorte mostrando as beiras da bucetaconto minha madrasta me transformou em mulherquadrinhos pornos de patrao dominadorFAMÍLIA LINDA CONTOS ERÓTICOScontos gay assediado por causa do corpinho