Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

FILHO DA COSTUREIRA

Olá, meu nome é Marc, tenho 42 anos e o conto que vou relatar realmente aconteceu.rnSempre gostei de andar bem arrumado e curto muito comprar roupas bem bacanas, de marcas famosas. Mas em alguns casos, prefiro solicitar à uma costureira amiga a confecção de algumas peças, principalmente calças sociais, pois as que encontro nas lojas raramente tem o caimento que obtenho com o trabalho dessa costureira.rnDona Suzana, a costureira, é uma pessoa muito bacana. Ela é viúva já há um bom tempo e tem um filho de uns 28 anos, de átima aparência e educação.rnToda vez que precisava de uma peça de roupa eu nem precisava marcar horário com dona Suzana, pois ela raramente saía de casa.rnUm belo dia, eis que saí do trabalho e fui diretamente à casa de dona Suzana, que ficava mais ou menos perto de minha casa.rnCheguei em sua porta, toquei a campainha e quem atendeu foi seu filho, Gustavo, ou Guto, como sua mãe o chamava.rnPerguntei por dona Suzana, mas Guto informou que sua mãe havia viajado a São Paulo para comprar tecidos, pois os preços em nossa cidade (Santos) estavam muito altos.rnEle me pediu para entrar e não me fiz de rogado.rnSentei-me ao sofá e batemos um papo agradável.rnGuto perguntou o que eu desejava e comentei que iria encomendar umas calças sociais, mas que já que sua mãe não estava, eu deixaria pra outro dia para tirar as medidas.rnGuto imediatamente disse que não, que ele mesmo fazia questão de me ajudar, e que já tinha muita prática em tirar as medidas dos clientes quando sua mãe não podia.rnAceitei, pois não queria perder meu precioso tempo.rnEle pediu que eu ficasse de pé e foi buscar a fita métrica e papel e caneta.rnEle começou a tirar as medidas, começando pela canela, depois mediu a altura na lateral e ao tentar tirar a medida na cintura, disse que o ideal seria que eu estivesse sem a calça jeans que eu vestia, pois ela fazia mais volume que o ideal para uma boa medida.rnComo não vi qualquer problema em tirar a calça, pois somos dois homens adultos, abri o cinto e fui baixando a calça sem cerimônias.rnGuto então começou e medir a cintura, mas não para de olhar atentamente na direção do meu pau...rnObservando aquilo, comecei e ficar excitado, e meu pau começo a endurecer.rnGuto continuou um bom tempo medindo a cintura e de vez em quando esbarrava em meu cacete já totalmente duro como pedra.rnEle então disse:rn"Você sempre fica assim quando tiram suas medidas ?"rnClaro que não, respondi. Não sei o que me deu, me desculpe, mas você roçando no meu pau me deixou assim.rnNão tem problema, disse Guto. Eu até que estou gostando do que vejo.rnAliás, posso tirar sá mais uma medida, pois fiquei curioso ?rnClaro que pode, fique à vontade.rnNisso, Guto arriou minha cueca imediatamente e meu pau, muito duro e já babando de tesão saltou para fora, balançando bem perto de seu rosto.rnEle pegou a fita métrica e começou a medir meu cacete. Disse que tinha um bom tamanho e em seguida nem pediu licença e já começou a chupá-lo com muita vontade.rnEu nunca tinha visto um macho chupar tão bem um cacete. Mas Guto sabia o que estava fazendo.rnChupo forte e subia e descia a boca, lambendo meu saco, minhas bolas penduradas e gemia muito de tesão.rnE eu nem preciso falar, né... Estava nas alturas com aquela chupada maravilhosa.rnEle então tirou a boca e começou a me punhetar, dizendo que queria sentir meu leite em seu rosto e língua.rnNão demorou muito e eu solteis vários jatos fortes de porra em seu rosto, e Guto lambia tudo, com muita vontade, me deixando limpinho.rnGuto disse que por hoje seria sá isso, pois sua mãe deveria chegar a qualquer momento. Agradeci o átimo serviço e prometi voltar outros dias, para tirarmos outras medidas.rnE isso realmente aconteceu. Voltei inúmeras vezes, sendo que já na segunda eu pode comer seu rabinho lisinho e carnudo com vontade.rnrnSe você gostou da minha histária, e quer fazer algum comentário, por favor escreva para mim.rnMeu mail é [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Contos eroticos filha rabudacontos eroticos gays meninos cuidando do amigo bebadocontos eróticos tenho um caso com minha sogracontos gay cu arrombadomulher botando a x*** para o cachorro lamberContos eróticos engravidei na primeira trepadaIncesto com meu irmao casado eu confessoconto erotico mulher branca vivia acorrentada como cadelalinha na Rachinha contos eróticoscontos eróticos com mulher alemoaContos porno a biscati da minha esposa tevi corajedando/o cabaço pro titio conto exitante"minha filha" "ela gozou" "meus seios" "ela gozou" -papai incestoconto adoro um cu de gordainocensia perdida contos suruba no piasinhoTia de xana peluda e sobrinho metendo conto eroticohttp://comtos eroticos de estupronegao lingerie conto eroticoorgia com os nerdes casa dos contosconto erotico estrupei minha cunhada acordou com o pau nelacontos de crossdresser me seduziuSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininoconto punhetinha gostosacontos eroticos incesto bate com a pica/na cara/da cunhafacontos erotico gay negro dando pra brancocontos amante da irmãcheirei a calcinha fedorenta contos eroticosContos sou casada mas colei o velcro com a vizingapor que quando eu falei pro o meu amigo que eu vou ibora comcamionero ele em cheu ohlo de aguacontos de corno enrabadocontos eroticos flaguei minha mae dando também quis cumer sua bundaporno amador em festinhasparticularescontoseroticostesaocontos meninas custosas bucetascontos eróticos realizando a fantasia da minha mulher no nosso aniversário de casamentocontoincesto e traiçao com fotocontos de mae na ciriricaConto nao sabia que minha primo era travesre eu come eleContos eroticos incestos paí transa com filhominha cunhada de camisola contoscontos de sexo de ladinho com com a irma dormindo ao ladoconto erotico maes rabudas na praia c fameu marido morreu e eu to com tesaocontos eroticos gay vadiaconstos eroticos tias bucetudas e sobrinho caseetudosContos eroticos parentecontos eroticos cu virgemcontos eroticos comi o cu da minha vizinha mendigatravesti gritando pidido porra no seu cucontos eroticos gozei no pau do meu irmaocontos eroticos namoradinha tio chuveirocontos eroticos casada infelizcontos eroticos meu tio meu amante casa de vovoDesvirginando a sobrinha de 18 anoscotos heroticos gay neguinho me comeupagando conta cartonsex familiaContos eroticos dediaristAcontos meu cuzinho aberto escorrendo porraviadinho levando pirocada no cuzinho contos eroticoscontoseroticosdesvirginandoporno home gozando forddesou o tesaozinho do papailouco pela minha prima contopais se esfregando na filha shortinho corcontos eroticos realizei meu sonho comi minha cunhada novinhafilmadora dentro da vagina enquanto gozapeitinhu durinho pornoconto de cornominha sogra/contonamorada deixou cara de pau duro contoscontmaconheiro encoxandocontos eroticos com japonesanegra da pra um de4 e chupa do outro por dificuldade em motelcomi o cu do meu irmao e da minha irma brincando de pique esconde contosconto eróticominha traiu meu pai mulher casada vira putaContos dei o cuzinho para a travesti fabiola voguelcomtos eróticos de fazemdeira com animalAmigos de meu filho eu provoquei e eles vieram conto eroticocontos eroticos papai me vendeu para um homem me fodermamae me deu seu cuzinho