Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

CHUPEI A CABEÇONA COM O CUZINHO





Depois de várias tentativas e investidas de um campanheiro de viagem, ao chegarmos no hotel, não aguentei esperar chegar a noite e começar uma foda sensacional.



Com a boca não, quero que você chupe meu pau com o cuzinho. Comecei a entender quando sentou-se sobre as pernas, virando a cabeça para trás e apoiando-se no chão com as duas mãos, com o pau empinado parecendo uma estaca. Molhe bem a cabeçona. Ajoelhei-me e comecei a saborear a chapuleta grossa e saltada. Coloquei na boca, pressionava os lábios e a língua, entrava e saia. Aquilo enxia minha boca. Senti uma corrente elétrica pelo corpo inteiro. Queria chupar mais tempo, mas ele puxou minha cabeça e ordenou: faça a mesma coisa com o cuzinho, mas sá na cabeça, hien.



Virei a bunda, me ajeitei bem, fazendo uma verdadeira ginástica, empinei, abri as nádegas comecei a chupar aquele instrumento com o cuzinho. Demorou um pouco, consegui fazer a cabeçona, taufe, entrou. Fiquei tempo parado para sentir, meu cuzinho se amoldou à cabeçona. Começou a piscar, a morder o que ele mais gosta. Senti um arrepio em toda a coluna dorsal e estremessi, gritei aiiiiiiiiiiiiiiiiiii. Tire bem devagarinho. Fiz um lento movimento para a cabeça sair, doeu um pouco, mas uma dor de tesão, prazer e submissão. Engula novamente, assim, assim, essa tua "boquinha" tá muito gostosa. Assim, vai, vai, chupe a cabeça com a boca desse cuzinho, chupe. Aprendi logo o movimento e cada vez ganhava maior habilidade. Robolava, abria bem e engulia com prazer. Quando a chupuleta estava dentro, apertava, contraia o cuzinho. Aiiiiiiiiiiiiii, que delíiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiicia, mexia, entrava e sai, gooooooooooozei pelo pau, enlambuzando o chão. Continue chupando. Continuei mexendo, mexendo, entrando e saindo, chupando com o cuzinho.



Agora eu quero comer, enxer teu cu de porra. Você vai ser minha menina. Fiquei de 4 pronto, já que o meu cuzinho estava devidamente lubrificado e com tesão, não havia gozado ainda. Adoro gozar pelo cu e de pau mole, é o momento mágico de dar, ser possuido como uma mulher. Ele posicionou a cabeça e entrou com certa facilidade. Me pegou pelos ombros, puxou bem forte e enterrou tudo de um vez sá. Eu vi estrela e gritei aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii. A grossura da cabeça foi rasgando, arrancando minhas pregas, uma enorme pressão interna, senti invadido na profundeza do anus. Fiquei automaticamente com a bunda empinada, sem controle. Espere, espere, espereeeeeeeee eu me acostumar um pouco com tudo isso. Ele abriu minhas nádegas com as mãos e empurrou mais, soltei outro gritinho uuuuuiiiiiiiiiiuiiiiiiiiiiiiuuuiiiiiiiiiiii, agora de tesão. Com a pica bem lá dentro de mim, ficou parado, mas pressionando, amasando minhas nádegas. Senti que estava tremendo, meu corpo não conseguia parar.



Passado longo dois ou três minutos, sei lá, consegui contrair apertar o pau. Contraia, empinava e escancarava mais a bunda. Meu pau encolheu, recolheu-se inteiro. A sensibilidade estava no cu, desde a entrada até as entranhas. Sentia pulsar tudo lá dentro. Cada piscada, o pau pulsava. Rebolei ligeiramente, pressionando a bunda sobre o seu pau. Foi o sinal para ele começar um movimento, primeiro lentamente, depois forte e rápido. Alternava rápio e devagar, eu sentia um calorão ao longo do ânus. Tirou bem devagarinho e empurrou forte, meu cuzinho era sá contração, da entrada até o final, pressionei mais contra o aquele pau delcioso e grosso e gazeiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, hummmmmmmmmmmmm, aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, que loucuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuura. Assimmmmmmmmmmm, assimmm, que gostoso esse pau, como é bom gozar pelo cu!



Ele ainda não havia gozado. Agora mexa, rebole no meu pau, quero enxer o teu cu de porra. Empinei mais, abri e comecei a rebolar, rebolar, mexer, empurrar o cuzinho contra o pauzão. Fazia um movimento lento, empinava e enterra tudo no meu cu, sentindo a pressão da picano. Rebolava, mexia, gritava. Goze no meu cu, goze, enxa meu cu de porra. Quero engulir tudo pelo cu, enfia. Urrava, contraia. Eu queria gozar pelo cu novamente. Meta, meta cavalão, meta na sua potranca, meta, quero comer essa vara inteira pelo cu. Aiiiiiiiiiiiiiii, aiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, uiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii, enfia asssssimmmmmmmm, gozeeeeeeeeeeeeeeee, enxa meu cu de porra, enxa. Senti o volume crescer mais nas entranhas, agora, assim gozeeeeeeeeeeeeeeeeeee, gozeeeeeee em mim, contraindo o cuzinho, mordendo a pica. Ele gozou e eu também. Foi a minha melhor foda. Ele falou a mesma coisa.







VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


Bucetas grandes arregangas e seiogay de zorbinha enfiado no regocontos eróticos meu enteado deixou meu c* todo ardidowww.contos eroticos patroa trai marido dando cu pra manino novenho pauzodotitio me fez gozar com shortconto minha esposa com seu primomete tudopapai contoscontos-teu pau entrando com força no meu cuzinhovídeo de mulher conto dar o cu ele micha de dorcontos incesto mãe fofinhaO pau preto e o cabacinho contos eróticoscontos eroticos jogo de cartas com a cunhada e a sogra juntasafastou as carnes do cu piça perfurou minhas entranhas contosconto erotico eu era virgem mas o pau erafinocontos de incestos quebrei a pernaconto porno eu meu marido e o sogroComi minha cunhada mais velha casada Adrianacontos eroticos comendo a enteadaconto erótico mulher é domada e faz marido assistir ela traindoconto erotico gay: transando com um amigo japoneslevou boquete da irmã caçula dis que gosta de chuparcontos minha mulher com um dotado mi fez chupa eleFlagra plugcontos eroticos cegacontos eroticos domia ele cospi nu meu cucontos eroticos curiosacontos tirar leite eróticosContos.Minha.sobrinha.bucetuda.tomando.banho.coloquei minha sobrinha de quatro virgemGozando na boca Abrantes dela chuparesposa safada de biquini na farracontos eróticos estupradacontos cu dormindoContos eroticos pego pela sogracontos eróticos de bebados e drogados gayscontos de menina crentecontos eróticos esposa queria descobrirpeguei minha enteada contos eroticosComtos casadas fodidas pelo filho e o sobrinhocontos eróticos de bebados e drogados gayscrossdressing miudinharelato homem chorou com a tora no raboconto eroticos garoto pede carona e e estupradocontos eroticos gosto de chupar buceta suada e ensebadacontossado de submissao realContos eroticos de filhas adolecentes e papai com rola grossaconto travesti com menina virgemcontos eróticos de bebados e drogados gaysContos eroticos de padreContos de sexo virgem dor extrema membro grosso teen incestocontos eroticos de gay rabuda sendo arrombadoconto casada vira cadelacontos dei para meu cunhadinho novinhoConto erotico comi minha aluna virgemcontos meu cuzinho aberto escorrendo porracontos eroricos de menina virgens que adorou ser estuprada pelo opadrasto e seus amigoscontos do seu jorge pegando uma casadinhapai t***** acariciando a bundinha da filha e goza sem pararcontos de putaria em familiaContos de incesto de meninas de 14 aninhos em Belém do Parácontos pornos passando gel aquece na bucetaprimos q pegaram primas pela cinturaesfregacao de rola contos amigos punheteirostenho maior tesão pela minha tia velha contos eróticosConto de neto dopa avo e come a buceta delacontos.casado curte travestidei o cuzinho é fiquei arrombandoespiando minha tia safada.htmlComi um cu fedodo contoscontos eróticos ele colocou o vibrador na potência máxima na minha bucetacontos eróticos crueldade com cornoCavalo discabasando uma jumrentanegra atola a rola e ela da pidoWwwcasa dos contos meu marido e rasista